Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

A diferença entre os cursos técnicos e os cursos livres de moda

Por Carol Beltran
Coordenadora de produção e docente de moda visual merchandising

Quando pensamos em entrar no mundo da moda a primeira coisa que nos vêm em mente é: vou fazer um curso! Nessa hora, bate a dúvida: o que cursar já que temos os cursos técnicos e os cursos livres de moda. Existem muitas escolas que oferecem as duas modalidades e, às vezes, não fica claro o papel de cada um, mas qual a diferença entre os cursos técnicos e os cursos livres de moda?

Os cursos técnicos são regulamentados pelo MEC – Ministério da Educação e precisam cumprir uma determinada carga horária. Eles devem estar dentro de um eixo temático, e as instituições que desejarem oferecer cursos técnicos precisam solicitar autorização junto ao Ministério da Educação. Normalmente têm a duração de um ano e meio e são mais abrangentes, direcionados para quem não possui noção nenhuma da profissão.

Já os cursos livres (podem ser chamados também de profissionalizantes) não têm uma regulamentação específica. Entende-se por curso livre aqueles que são ministrados em pequena carga horária, com duração máxima de seis meses e que têm por objetivo tratar de um assunto muito específico.


Foto: Backstage at Pierre Balmain, 1954.
Fonte: http://theyroaredvintage.tumblr.com/

Para quem possui interesse em um curso livre na área de moda, um dos mais procurados é o de Produção de Moda, no qual o profissional aprende como fazer a produção das roupas e dos acessórios para a realização de imagens, visando vender um estilo e, indiretamente, um produto.

O produtor de moda dá continuidade ao trabalho do estilista (que desenha as peças), encarregando-se de viabilizar os meios para que a roupa possa despertar o desejo de consumo. Para quem tiver interesse, o IBDI está com vagas abertas para o curso livre na unidade de São Paulo, onde ministrarei as aulas.

Por Carol Beltran
Coordenadora de produção e docente de moda visual merchandising

Exibições: 390

Responder esta

Respostas a este tópico

Além do tema  citado outro de importância relevante é :A MODA COMO NEGÓCIO

Também um curso livre, ministrado por profissional da área que conhece muito bem os bastidores do mercado  apresentando o que realmente "funciona" e os ítens que na teoria  distanciam se  da prática.

Um panorama abrangente das etapas da cadeia textil .

Quem pretende entrar no mercado , ou quer evoluir e destacar se precisa entende las :

Temos dois eixos:

 1 -Industrial-  o que cada segmento oferece como ferramentas, quais os fatores que influenciam diretamente no processo criativo:

É preciso ir além das famosas pesquisas de tendencia de moda, conhecer os reais recursos técnicos para que o produto seja realizado e assim poder exercer a  verdadeira criatividade.

Conhecer quais caminhos que o produto percorre para poder estar em escala industrial e consequentemente em gondolas de varejo de todos os setores do luxo ao popular faz a diferença.

 2- Comercial - Quais as tendencias de comportamento e consumo.

Como o varejo esta se comportando e modificando sua maneira de comprar.

Quais os nichos de mercado que mais significativos.

O que de verdade é impactante em uma criação e porque.

Como tudo isso interage e transforma-se em business.

Tanto quem quer estar no segmento de criação como aquele que se interessa por uma carreira corporativa em setores de gerenciamento de produto ou compras precisa compreender como estes setores são intimamente interligados .

Há um percurso fascinante a percorrer antes da coleção chegar à produção de moda.

Vale a pena conhecer!!!!

http://www.itstudio.com.br/

Vera grigolli

Responder à discussão

RSS

© 2020   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço