Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano X

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano X

A biotecnologia tem sido uma curiosa e real alternativa na fabricação de “tecidos não tecidos”, e agora pela primeira vez no cultivo de couro livre de animais. Pioneira em materiais biologicamente avançados, a Moderm Meaw lançou a Zoa, couro biofabricado e biodegradável feito a partir da proteína presente na pele de animais, o colágeno, cultivado por um método que envolve a edição de DNA.
 

Sob o comando da designer Suzanne Lee e uma equipe experiente em biologia molecular, ciência dos materiais, engenharia e design, o material é desenvolvido em laboratório, em um processo que transforma geneticamente células comuns em colágeno, onde são cultivadas com nutrientes até formar uma rede de fibras que é processada para se parecer com os aspectos dos couro animal. Apesar da busca pela aparência semelhante, o foco é que o bio couro seja superior ao real, com alto desempenho, mais forte, mais elástico e que possam ser criadas texturas exclusivas nele. Se isso está soando cabulosamente inovador, tem mais, pois o couro é líquido, tem a capacidade de se transformar e tomar qualquer forma, podendo ser combinado com outros materiais têxteis sem a necessidade de costura. Em resumo, aqui vemos a costura sem costura, com couro líquido e sustentável.
 


“Nossa tecnologia permite aos designers explorar materiais de maneiras novas e excitantes, permitindo a funcionalidade, a estética e as possibilidades de desempenho nunca antes vistas.” – Suzanne Lee 
 

A primeira geração de materiais biofabricados idênticos ao couro animal estará em exibição no Moma. O protótipo Zoa procura demonstrar uma dessas possibilidades: couro líquido. Capaz de se transformar, tomar qualquer forma e combinar com outros materiais, a Zoa constrói uma camiseta completamente através da montagem de líquidos, sem necessidade de costura. O cultivo de couro sem um animal já é realidade. A biofabricação possibilita cultivar materiais da natureza usando células vivas em vez de animais.
 

Exibições: 263

Responder esta

Respostas a este tópico

Incrivel, adoreiiii !!! Obrigado por sempre compartilhar coisas bacanas. 

Responder à discussão

RSS

© 2017   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço