Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XV

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XV

Convênio promove exportações da moda brasileiraA Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) e a Associação Brasileira de Estilistas (ABEST) assinaram hoje, dia 4 de abril, um novo convênio do Projeto +B com o objetivo de ampliar as exportações da indústria brasileira de moda. Serão investidos cerca de R$ 9,9 milhões em ações de promoção e inteligência comercial, entre 2013 e 2015.

O diretor de Negócios da Apex-Brasil, Rogério Bellini, e o presidente da ABEST, Valdemar Iódice, participaram do evento, que ocorreu durante a Conferência ABEST de Conteúdo Criativo, na 2ª edição do Salão +B, realizado no Museu Brasileiro da Escultura (MuBE), entre 2 e 4 de abril, em São Paulo. Na ocasião, também foi realizado o Seminário Apex-Brasil: Exportar é Inovar, em que a Agência apresentou suas ações de promoção de negócios e de imagem e as formas de acesso aos serviços oferecidos.

O Projeto +B tem como meta posicionar internacionalmente o design brasileiro de moda por meio da diversidade e estilo de vida. Atualmente, 78 empresas participam das ações, com o objetivo de ampliar as exportações da indústria brasileira do setor de moda. O projeto criou o grupo +Beach Brasil, que reúne mais de 20 marcas de moda praia com o objetivo de unificar as ações de promoção internacional dessas empresas, fortalecer a imagem do segmento e gerar mais negócios.

Para o período de 2013-2015, a ABEST definiu a China, os Estados Unidos e a França como os mercados-alvo para as ações, que incluem iniciativas inovadoras para a promoção de marcas brasileiras junto aos distribuidores e consumidores finais, com destaque para as parcerias com agentes comerciais locais. Esses agentes farão a negociação dos produtos brasileiros junto aos distribuidores, a promoção nas lojas e redes de departamento, e o acompanhamento continuado das vendas no varejo. A parceria prevê também a pesquisa de novas tendências nos mercados e orientações para a indústria brasileira sobre necessidades de ajustes no design, entre outros temas.

O convênio prevê ainda a participação em importantes feiras internacionais do setor e nos projetos Imagem e Vendedor, iniciativas que trazem formadores de opinião e compradores estrangeiros ao Brasil, para conhecer as empresas e para encontros de negócios com empresários brasileiros. Também terá reforço iniciativas que proporcionem aos empresários brasileiros a oportunidade de conhecerem melhor os mercados-alvo, estabelecerem parcerias comerciais nos países e fazerem contatos com distribuidores, representantes e compradores locais.

http://www.guiajeanswear.com.br/noticias/3471/noticias.aspx

Exibições: 265

Responder esta

Respostas a este tópico

eles deveriam criar um setor para vender desenhos dos designer de estampa não?

Responder à discussão

RSS

© 2022   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço