Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Coteminas Anunciou o Interesse em Aumentar a Sua Participação no Capital Social da Cedro

Coteminas anunciou o interesse em aumentar a sua participação no capital social da Cedro
Coteminas anunciou o interesse em aumentar a sua participação no capital social da Cedro

Em comunicado enviado ao mercado financeiro, referente a uma reestruturação societária, a Companhia de Tecidos Norte de Minas (Coteminas) anunciou o interesse em aumentar sua participação no capital social da Companhia de Fiação e Tecidos Cedro e Cachoeira S/A, por meio de incorporação de ações. A empresa, que já detém 1,8% do capital total e votante da Cedro quer passar a ter 30,82%.

Com a operação, a administração da Coteminas pretende criar uma companhia de denin e brim. O processo se daria por meio da união da controlada Santanense com a Cedro Cachoeira. Essa participação na Cedro, atualmente numa holding acima, migrará para Coteminas, visando facilitar a negociação.

Consta no documento enviado ao mercado que a administração acredita que eventuais vantagens operacionais e sinergias societárias entre Cedro e Santanense poderiam ser futuramente exploradas por decisão dos acionistas de ambos os grupos, cujo resultado ideal seria a formação de uma grande empresa no segmento de denim e brim de controle pulverizado e listada no Novo Mercado.

Porém, o diretor de Relações com Investidores da Cedro e Cachoeira, Fábio Mascarenhas, não confirmou a incorporação e não quis comentar o interesse da Coteminas. "Não comentamos intenções de outras empresas que não seja a Cedro e Cachoeira", se limitou a dizer. Já a Coteminas, até o fechamento da edição, não disponibilizou fonte para comentar o assunto.


Plano - O plano de reestruturação da Coteminas prevê ainda outras ações tanto para o mercado de capitais como para atuação no varejo. Entre elas estão a migração para o Novo Mercado, segmento máximo de governança corporativa da Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa). Segundo o documento, a adesão ao novo padrão de governança corporativa trará maior transparência na comunicação com os investidores e expectativa de melhor liquidez e atração para a companhia.

A reorganização também terá um aumento de capital de R$ 169 milhões em springs para capitalizar o negócio, visando o fortalecimento da atividade do varejo por meio das marcas Artex, M.Martan e Casa Moysés. As novas ações serão emitidas a R$ 3. Atualmente, o valor de mercado da companhia é de R$ 462 milhões. Ao todo são 200 lojas e o objetivo da empresa é dobrar esse volume nos próximos anos.

Em 2011, a Coteminas, que possui quatro fábricas em Montes Claros (Norte do Estado) e um centro de distribuição (CD) em construção em Betim, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, registrou prejuízo de R$ 374,7 milhões em relação ao lucro de R$ 9,5 milhões apresentado no exercício anterior.

Já a Cedro, com sede em Belo Horizonte e quatro fábricas em Minas Gerais, registrou resultado positivo. No ano passado, a empresa teve lucro líqüido de R$ 15,929 milhões, 8,7% a mais do que em 2010.

Fonte:|http://www.diariodocomercio.com.br/index.php?id=70&conteudoId=1...

Exibições: 641

Responder esta

Respostas a este tópico

MISTER QUE SE DIGA, QUE A COTEMINAS JÁ DETEM UM TOTAL DE 29,02 % DO CAPITAL DA CIA FIAÇÃO TECIDOS CEDRO CACHOEIRA -(18,61 % ON - 42,82 % PN-FONTE BOVESPA), ISTO ATRAVÉS DA :

Encorpar-emp. Nac. Com. Crédito E Part. S/A - Esta empresa é controlada pela família do saudoso

José Alencar Gomes Da Silva .

 

Responder à discussão

RSS

© 2020   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço