Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

25 de setembro de 2015 às 14:26

Para a construção do galpão com 1,2 mil metros quadrados, o governo de Santa Catarina financiou R$ 650 mil sem juros para a prefeitura, por meio do programa Badesc Cidades. Foto: James Tavares/Secom/Divulgação

Para a construção do galpão com 1,2 mil metros quadrados, o governo de Santa Catarina financiou R$ 650 mil sem juros para a prefeitura, por meio do programa Badesc Cidades. Foto: James Tavares/Secom/Divulgação

Já está operando a unidade fabril do grupo Ogochi em Planalto Alegre, no Oeste de Santa Catarina. A empresa abriu 50 vagas nesta primeira etapa, número que chegará em 150 até 2016 e poderá ser ampliado ainda mais no futuro. A instalação da empresa do setor têxtil na cidade é resultado de uma parceria entre o governo estadual, prefeitura e iniciativa privada. A inauguração oficial foi realizada em ato na manhã desta sexta-feira, 25.

Para a construção do galpão com 1,2 mil metros quadrados, o governo de Santa Catarina financiou R$ 650 mil sem juros para a prefeitura, por meio do programa Badesc Cidades. A prefeitura cedeu o terreno, assumiu o pagamento do financiamento e investiu outros R$ 200 mil em contrapartida. E a empresa fez as instalações e comprou os maquinários em um investimento em andamento na ordem de R$ 1 milhão. A concessão do espaço para a empresa é de 20 anos, podendo ser renovado.

O prefeito de Planalto Alegre, Plínio Dallacorte, lembrou que a nova empresa garante a geração de emprego principalmente para as mulheres, uma forte demanda da cidade, uma vez que muitas trabalhavam fora do município. “Esta é uma grande ação para gerar emprego e renda na cidade. Temos menos de três mil habitantes, e um investimento desse é um grande ganho para a geração de novas vagas dentro do município”, acrescentou.

A empresa

A Ogochi confecciona roupas masculinas e iniciou suas atividades em 1990, em São Carlos. Hoje, tem matriz e duas unidades fabris em São Carlos, outras unidades em Águas de Chapecó, Saltinho e, agora, em Planalto Alegre. Conta ainda com escritório de desenvolvimento em São Paulo. No total, emprega 600 funcionários. Segundo a diretora administrativa do grupo, Aureane Mignon, a empresa tem registrado uma média de 20% de crescimento ao ano.

Em Santa Catarina, a Ogochi tem vigente o benefício do programa Pró-Emprego do Governo do Estado para diferimento de ICMS na compra de matéria-prima. Além disso, recebe o incentivos específicos do setor têxtil.

http://economiasc.com.br/empresa-textil-e-inaugurada-em-planalto-al...

Exibições: 772

Responder esta

Respostas a este tópico

Enfim, uma boa noticia!

E facil assim, 0 investimento da empresa.
E alguem tem coragem de investir no Brasil? E ainda no setor textil? Para gerarmos empregos, há necessidade de muito financiamento e para isso pagamos muito imposto. E a administração não será pública. Parabens ao prefeito.

A pergunta e quanta $ se vai perder no caminho? Para lá e que vao nossos impostos.

Responder à discussão

RSS

© 2021   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço