Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII


Empresa será beneficiada com incentivos fiscais para tirar o investimento do papel (Foto: Patrick Rodrigues, BD)

A Kyly foi habilitada pelo Programa de Desenvolvimento da Empresa Catarinense (Prodec) e receberá benefícios fiscais do governo do Estado para a implantação de uma nova linha de produção de fios de algodão em Pomerode. A empresa, conhecida pelas marcas de vestuário infantil, já havia anunciado os planos de expansão e modernização do parque fabril em dois momentos - em outubro de 2018 e em março deste ano.

Os incentivos concedidos pelo Prodec equivalem a uma fatia pré-determinada sobre o valor do ICMS que será gerado com a implantação ou a ampliação de empreendimentos industriais. O projeto da têxtil pomerodense aprovado soma investimentos totais de R$ 47,8 milhões, segundo informação repassada à coluna pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável.

Um dos critérios para a adesão é a geração de emprego e renda. Com a ampliação, a Kyly prevê a geração de 120 empregos diretos e outros 25 indiretos. A previsão é que a nova fiação comece a operar em dezembro.

Aliás

A Kyly é a terceira indústria têxtil da região a receber incentivos fiscais para expansão das atividades via Prodec neste ano. Antes dela, a Pacífico Sul e a Tecnoblu, ambas de Blumenau, já haviam sido contempladas.

https://www.nsctotal.com.br/colunistas/pedro-machado/kyly-vai-gerar...

Para participar de nossa Rede Têxtil e do Vestuário - CLIQUE AQUI

Exibições: 706

Responder esta

Respostas a este tópico

Meus cumprimentos ao Diretor da empresa Kyly  pela iniciativa da nova fábrica. 

Desejo-lhe sucesso.

Responder à discussão

RSS

© 2019   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço