Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XVI

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XVI

imagem


Os tecidos são materiais produzidos a partir de fibras de origem natural, artificial ou sintética e comumente utilizados como matéria-prima na produção de peças do vestuário ou outros segmentos.

As fibras representam cerca de 60% a 80% dos custos de fabricação de uma peça de vestuário, por esse motivo é de extrema importância saber a forma adequada de manuseio e armazenamento dos tecidos.

Manuseio e armazenamento dos tecidos
Quando recebermos os tecidos em nossa produção é importante avaliar as condições dos rolos e estocá-los em local seco, livre de umidade e com baixa incidência de luz. Fique atento as seguintes características:

- Rolos com tubetes amassados indicam mau armazenamento e transporte inadequado do tecido pelo fornecedor. Esses danos no material podem ocasionar ondulações na matéria-prima, o que pode prejudicar a qualidade do corte.

- Mantenha o tecido protegido da umidade e da luz, porque essas condições podem influenciar na tonalidade de cor e estabilidade dimensional do material.

Dicas de manuseio e armazenamento dos tecidos/ Fonte: Tavex interno, 2007.



- Armazene os rolos de tecido em paralelo para evitar ondulações e sujeira. Guardar o material em pé ou em forma de fogueira pode provocar ondulações no tecido.

- Atenção! Ondulações nos tecidos podem causar torção em peças do vestuário, como calças jeans com pernas torcidas.

Procure armazenar os rolos deitados em paralelo/ Fonte: Tavex interno, 2007.


- Remova as embalagens dos rolos sempre pelas laterais. Não utilize facas ou estiletes neste processo, pois eles podem danificar o tecido.

Não use objetos cortantes para remover a embalagem do rolo/ Fonte: Tavex interno, 2007


- Faça uso do sistema PEPS (Primeiro que Entra Primeiro a Sair) para melhorar a movimentação do estoque.

- Mantenha visíveis as etiquetas de identificação dos rolos de tecido.


Polyane Carlota
Docente e Designer de Moda e Vestuário, sócia da Camisaria Carlota Reis

http://www.audaces.com/br/Producao/Falando-de-Producao/2013/9/10/ma...

Exibições: 2503

Responder esta

Respostas a este tópico

Prezados

Mais algumas dicas:

-as peças devem sempre estarem bem embaladas.A proteção não pode estar rompida ou danificada.Isso evita contaminação de poeira e de insetos como cupins.Os cupins se alimentam de celulose e normalmente os tubetes são desse material.Evitar caixas de papelão no estoque.Se a prateleiras forem de madeira,ficar vigilante.

Sempre substituir por novos a embalagem danificada ou tubete amassado.

-as peças devem sempre serem manuseadas com cuidado para não quebrar o tubete de papelão.Nunca um peça de tecido deve ser jogada ou sofrer impacto.

Lembrem-se de que os fios de urdume e trama nos teares planos fazem rigorosamente um entre si um angulo de 90º.

-atenção as peças de poliamida que se degrada com a luz solar.

-procurar colocar no mesmo lugar do estoque tecidos e cores iguais.Isso evita manuseio desnecessário. 

-sempre ao comprar especificar no pedido de compra que todas as peças devem ser do mesmo lote de produção indicado na etiqueta do fabricante.

-nunca é demais lembrar que as mesas de corte devem se de estrutura estável e com tampo cuja superfície e cantos não tenham rebarbas que podem "desfiar" o tecido.Todas as ferramentas de corte devem estar bem afiadas para se evitar mastigamento e atrito elevado.

Luiz

Responder à discussão

RSS

© 2024   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço