Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XV

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XV

08980d70-441c-490b-bbd9-ab391ad9eed2

Vestir roupas de academia apenas para se exercitar virou coisa do passado. As principais cidades do mundo ditaram um novo conceito de roupas baseado em pessoas que levam um estilo de vida fitness, e aproveitam o look do treino para outros compromissos do dia-a-dia. Calças de yoga não estão mais restritas às aulas no estúdio, e ver pessoas andando pelas ruas com tênis de corrida combinados com jaquetas esportivas impermeáveis é cada vez mais freqüente. Normalmente, o destino dessas pessoas é um almoço com amigos ou passeio em shopping center.

Essa mudança comportamental reflete um novo conceito de vestuário. “O que vemos não é uma tendência de moda, é uma tendência de estilo de vida”, afirma Marshal Cohen, analista-chefe da indústria da empresa de pesquisa de mercado com sede em Nova Iorque, NPD Group, “a diferença aqui é que há uma funcionalidade misturada com a moda, não só apenas moda”, explica.

Com sede no Canadá, a Lululemon criada em 1998, foi a primeira marca a enxergar e aproveitar as oportunidades em Activewear ( roupas de pós-treino) de uma forma significativa. De 2008 a 2013, as vendas aumentaram em mais de US $ 1 bilhão, atingindo US $ 1,4 bilhão no ano fiscal de 2012.  Seguindo o conceito, em 2004 a Adidas começou sua colaboração no segmento sportswear com Stella McCartney. Foi também em 2004 que a Nike aumentou seu foco no mercado sportswear feminino, com o lançamento de seu primeiro catálogo destinado ao público.

E esse mercado continuará crescendo. Estima-se que até 2019 o segmento gere 178 milhões de doláres, segundo a empresa americana de pesquisa Trefis. Nos últimos três anos, o crescimento de empresas de vestuário atlético ultrapassou o de empresas tradicionais. Alguns fatores são determinantes para que esse cenário continue, entre eles,  a disponibilidade de melhores tecidos esportivos com os avanços tecnológicos e o fato de as pessoas estarem se exercitando mais.

Grandes marcas de fast fashion já começaram a se aproveitar desses avanços e lançar suas linhas sportwear. Em 2010, a Forever 21 lançou sua primeira coleção, seguida pela GAP que em 2011 trouxe às lojas a GAP Fit, destinada apenas ao mundo fitness.

Fonte: Business of Fashion

http://sindivestuario.org.br/2014/02/mercado-de-moda-fitness-e-expl...

Exibições: 451

Responder esta

Respostas a este tópico

e a moda mais difícil de fazer, e agradar o consumidor final , assim lembro da adidas......

Responder à discussão

RSS

© 2022   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço