Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Dona de 600 lojas na Argentina, Chile, Peru e México, varejista de acessórios femininos, infantis e presentes foca geração Z e mães.

Desde 2017 estudando o mercado brasileiro, a rede Todomoda, criada na Argentina, em 1995, iniciou sua operação no varejo brasileiro em novembro ao inaugurar lojas nos shoppings Anália Franco, Center Norte e Vila Olímpia, em São Paulo, e no Park Shopping São Caetano, no ABC. Já neste mês, a rede abriu as portas no Ribeirão Shopping, em Ribeirão Preto, e no Shopping Pátio Paulista, também na capital do estado. Antes, em outubro, o Blue Star Group, controlador da rede, inaugurou um Centro de Distribuição em Itajaí, em Santa Catarina.

A chegada ao Brasil faz parte do plano de expansão na América Latina, que inclui, ainda Colômbia e América Central. A rede possui 600 lojas na Argentina, Chile, Peru e México, e pretende atingir 500 unidades no mercado brasileiro em sete anos. Com mais de quatro mil produtos entre acessórios femininos, infantis e presentes, a marca aposta nas tendências de moda e nos preços acessíveis para atrair a atenção do consumidor no concorrido varejo brasileiro. Além disso, está em busca de parceiros para impulsionar o crescimento.

“Em todos países, o grupo trabalha com um sócio local com perfil estratégico, de smart money. Para o Brasil, ainda estamos em processo de mandato de M&A em busca destes parceiros”, afirma Claiton Santos, ex-Alpargatas, country manager do Blue Star Group.

Claiton Santos (crédito: divulgação)

 

Meio & Mensagem – O que motivou o Blue Star Group a ingressar no mercado brasileiro?

Claiton Santos – O Blue Star Group está em expansão internacional. Hoje, com quase 900 lojas entre suas duas marcas (Todomoda e Isadora), já está ranqueado entre os cinco maiores grupos de varejo fast fashion de acessórios do mundo. Para estar presente de forma massiva na América Latina, precisávamos do Brasil. Para isso, iniciamos o processo em 2017, com um aprofundado estudo do mercado e consumidor brasileiros, além de uma grande preparação estrutural para a abertura das primeiras lojas agora no final de 2019. Além do Brasil, temos em paralelo nosso projeto de expansão para a Colômbia e América Central. Nos próximos anos seguiremos o caminho para a Europa e outros mercados. Buscamos ser o número um no segmento nos próximos sete anos.

 

M&M – A marca Todomoda possui 600 lojas na América Latina e anunciou planos de ter 500 lojas apenas no Brasil nos primeiros sete anos de operação. É um plano de expansão ousado. Qual é o investimento previsto? Qual será o modelo de negócio?

Claiton – Dado que é uma operação própria, o grupo não abre dados de investimento. Neste momento, as lojas no Brasil são próprias, assim como em todos demais mercados em que atuamos, mas estamos abertos a novas oportunidades de modelos de negócio no futuro para o Brasil, que é um país com um território enorme e com grandes desafios em cada região. Em todos países o grupo trabalha com um sócio local com perfil estratégico, de smart money. Para o Brasil, ainda estamos em processo de mandato de M&A em busca destes parceiros. Temos certeza que a aceitação da Todomoda será muito positiva. Os primeiros dias de operação das quatro lojas inauguradas só vieram comprovar isso. Estamos muito contentes com a excelente receptividade.

 

M&M – Quais são as principais categorias de produto que a rede oferece em suas lojas e qual é o público prioritário?

Claiton – Cada uma das lojas possui mais de quatro mil produtos ativos entre todos os tipos de acessórios femininos, infantis e presentes. O forte são acessórios de cabelo, brincos, colares, itens de papelaria, bolsas, mochilas. Tudo bem colorido, com um DNA de marca muito claro, seguindo as tendências de moda e com preços acessíveis. A loja tem como foco dois públicos prioritários, a geração Z e as mães, para sua linha infantil.

 

M&M – Qual é a estratégia de marketing da rede para se apresentar ao público brasileiro?

Claiton – Para apresentar a marca para o público brasileiro a Todomoda está apostando em ações de digital, considerando conteúdo próprio para Instagram e Facebook, também um forte trabalho de PR com seeding para influenciadoras-chave, posts patrocinados e presenças VIP com influenciadoras em suas lojas.

Fonte: Meio & Mensagem

http://sbvc.com.br/planos-argentina-todomoda-brasil/

Para participar de nossa Rede Têxtil e do Vestuário - CLIQUE AQUI

Exibições: 281

Responder esta

© 2020   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço