Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Produção de Moda Orgânica vem ganhando visibilidade Estilistas apostam em técnica mais saudável à natureza

Imaginem se a bruxa, ao invés de dar uma maçã envenenada para Branca de Neve, decidisse tecer um vestido para ela, e, ao invés de adormecer, a pequena Branca passasse a vida inteira usando um vestido envenenado que, ao longo dos anos, prejudicasse sua saúde e sua pele, sensível como a neve... imaginou? Pois é isso que acontece com a maioria das roupas que usamos.

 

 A quantidade de agrotóxicos utilizados na produção de insumos que servem de matéria prima para os tecidos de nossas roupas é tão alta, que usamos roupas envenenadas diariamente, sem termos a menor consciência disso.

Isto acontece, pois a indústria de moda “fast fashion” não tem paciência para esperar o tempo de produção da natureza, e esses venenos são uma ótima forma, não só de aceleração, mas também de geração de danos naturais em diversos aspectos. No entanto, alguns estilistas adeptos às tendências de moda “slow fashion” estão criando suas coleções com base na produção orgânica.

De acordo com Mana Malta, Designer Regenerativa da Conecta Orgânica, o movimento slow começou na gastronomia, vindo da necessidade de estreitar laços com a agricultura familiar e utilizar matéria prima. Contudo, além do acabamento e da versatilidade, considerar a comunidade e a organicidade da matéria prima é essencial.

- Abri a Orgânica em 2010. Em meados de 2009 fiz a transição de carreira. Saí do corporativismo e me arrisquei a abrir uma loja com produtos criados por mim, de baixo impacto ambiental – conta Mana, que complementa dizendo:- somos um ateliê slow fashion que usa a moda como plataforma de comunicação para mudança de comportamento e despertar da consciência.

A designer conta que o ateliê faz moda para pessoas próximas, com pessoas próximas, e insumos nacionais em sua maioria. Os resíduos são administrados para não virarem rejeitos desnecessariamente. E, além da utilização de matérias primas compostáveis, os processos são cuidados um a um com atenção e de maneira personalizada.

Algodão Orgânico e Tingimento Natural

A Designer de Moda, recém-formada, Karen Cameron, em seu trabalho de conclusão de curso, fez uma pesquisa sobre o algodão orgânico e tingimento natural.

Segundo a estilista, o algodão convencional faz mal à pele na mesma proporção em que polui a natureza, por conter muitas químicas como agrotóxicos, pesticidas e afins. Todas elas visando a aceleração do processo de produção para sustentar a demanda requerida.

Em seu trabalho, Karen usou o algodão colorido, valendo-se das propriedades da enxertia - técnica que faz a fibra nascer com tonalidade, contanto que o cruzamento entre plantas masculinas e femininas seja feito corretamente.

Sobre o tingimento natural utilizado, a designer diz que é como um chá. "Primeiro pega-se um prego e deixa-o na água de 15 a 20 dias, isso vai gerar uma água ferrosa” – salienta Karen, que completa dizendo:- Essa água ferrosa vira um fixador. Depois disso, coloca-se água fervendo, e em seguida, as plantas que serão utilizadas para dar coloração. Pra cada litro de água, é utilizado pelo menos uma colher de água ferrosa. Quando começar a ferver, coloca-se o tecido que se quer tingir e deixa-o por meia hora na água, fervendo com as plantas – explica.

A planta utilizada por ela foi o hibisco e garantiu "a cor do hibisco fixa-se aos tecidos".

Karen ainda adverte:- tem que ter cuidado para não manchar ou não misturar corretamente. A lavagem deve ser feita com sabonete natural, não pode passar, nem colocar na secadora.

Afinal, produtos naturais, requerem cuidados naturais.

Vale ressaltar, que em parceria com a Benjoim Atelier, as plantas utilizadas pela designer para dar a coloração, foram reaproveitadas e transformadas em anéis e brincos.

Camila Caetano – especial para o Diário

https://www.diariodepetropolis.com.br/integra/producao-de-moda-orga...

Para participar de nossa Rede Têxtil e do Vestuário - CLIQUE AQUI

Exibições: 247

Responder esta

Respostas a este tópico

  A Designer de Moda, recém-formada, Karen Cameron, em seu trabalho de conclusão de curso, fez uma pesquisa sobre o algodão orgânico e tingimento natural.

Responder à discussão

RSS

© 2019   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço