Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

No primeiro dia da Semana de Integração do SENAI CETIQT, 18 de agosto, vários eventos aconteceram. Na unidade Riachuelo, Bruno Abduche - engenheiro têxtil na Indústria Nacional de Tecidos Abduche; Daniela Sabbag - designer de moda e sócia da Wasabi; Sérgio de Paula - Conselheiro Fiscal da Sociedade Brasileira de Química; e Paulo Faria - gerente de Operações da La Estampa, profissionais renomados no mercado da Moda, participaram de uma mesa redonda, cujo tema central foi a importância da educação nos dias de hoje, com destaque para a educação continuada como forma de se diferenciar e inovar no mercado.

Daniela Sabbag, formada em designer de moda pelo SENAI CETIQT, destacou a importância da multifuncionalidade de um profissional. “Hoje o profissional bem sucedido é aquele que sabe gerir seu tempo e atingir as metas financeiras. É designer, administrador, contador, entre outras funções”, disse. Após o debate, a gerente de Educação do SENAI CETIQT, Paula Abreu, apresentou os coordenadores para o público presente ao evento e, durante a tarde, houve visitação às instalações da Unidade Riachuelo. Durante a noite, Michel Braga - consultor do Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE) e Flávio Sabrá - gerente de Inovação Estudos e Pesquisas do SENAI CETIQT palestraram na Unidade Riachuelo, enquanto na Unidade Barra, Guido Conrado - coordenador de Figurino e Indumentária do SENAI CETIQT e Ney Madeira - professor da instituição, encerraram o primeiro dia do evento.


Porque escolher Engenharia Têxtil?


“O que devo levar em conta na hora de escolher uma profissão: o curso, a faculdade, o mercado, o que realmente gosto, quanto vou ganhar...?” Essas são apenas algumas das dúvidas de quem procura uma formação profissional.
Para saber mais sobre algumas profissões, confira no Jornal Mural, a partir desta semana, informações e dicas dos cursos de graduação que o SENAI CETIQT oferece.

Engenharia Têxtil

O que é
É o ramo da engenharia voltado para a fabricação e tratamento de fibras, fios e tecidos, atendendo aos mais variados segmentos da indústria têxtil e de confecção. Os segmentos da cadeia de produção têxtil são: fiação, tecelagem, malharia, beneficiamento de tecido e confecção.

O que faz um engenheiro têxtil
O engenheiro têxtil projeta as instalações, os equipamentos e as linhas de produção de tecelagens e indústrias de confecção de roupas. Controla custos, processos industriais, como estamparia, tingimento, corte e costura, bem como a qualidade da matéria-prima e do produto final. Coordena o trabalho de operários e técnicos para concretizar os projetos de estilistas e designers. Com conhecimentos de marketing, pode também assessorar e orientar clientes.

Mercado
As principais áreas de trabalho são as de processos químicos e bioquímicos, polímeros e nanotecnologia, além de gestão estratégica, financeira e de mercado. O profissional encontra, ainda, oportunidades no controle de qualidade de produtos importados. Rhodia, Tavex, Hering, Marisol e Santa Constância são alguns dos tradicionais empregadores desse engenheiro.

Salário inicial: R$ 4.068,00 por 6 horas diárias.

No contexto nacional
A indústria têxtil nacional passa por um período de atualização tecnológica e, portanto, reformulação das competências técnicas dos trabalhadores. As empresas investem em automação e produtividade e na formação de pessoal com novas competências e habilidades. Ao mesmo tempo, o governo federal cria medidas tarifárias e de incentivo à indústria nacional.

Fontes: Guia do Estudante, Crea-SP e SENAI CETIQT

http://www.cetiqt.senai.br/

Exibições: 426

Responder esta

© 2021   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço