Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

Varejista de moda comemora os 50 anos, em 2015, com controle pulverizado entre cinco mil acionistas ao longo da última década.

Com dez anos de ações negociadas na bolsa de valores de São Paulo, e uma das primeiras varejistas de moda a abrir capital, a Lojas Renner comemorou esta semana o que considera um marco: constituir uma companhia com 100% das ações no mercado e controle pulverizado entre cinco mil acionistas. Em 2005, quando deixou de ser controlada pela americana J.C.Penney, e abriu capital o valor da companhia era de R$ 900 milhões. Em 2015, quando comemora 50 anos, a empresa vale R$ 14,3 bilhões, afirma a Renner em comunicado ao mercado.



Nesse período, a Renner saiu de uma rede de 64 lojas para 350 unidades, entre Renner, Camicado e Youcom em todos os estados brasileiros e Distrito Federal. Para 2021, a previsão é chegar a 833 lojas: 408 da Renner (no primeiro trimestre eram 249 pontos), 125 da Camicado e 300 da Youcom, com a inclusão dos canais de multimarcas e franquias, informou José Galló, diretor-presidente da companhia, em reunião com INVESTIDORES.

Segundo o balanço divulgado, mais de 80% do capital social estão nas mãos de INVESTIDORES internacionais de recursos “que buscam segurança e transparência no modelo corporativo adotado pela companhia”. Durante a cerimônia de comemoração pelos dez anos como corporation, realizada na sede da BM&FBovespa, a Renner aderiu ao Código Abrasca, de Autorregulação e Boas Práticas, tornando-se a primeira empresa do setor de vestuário a aderir ao selo, que trata de aspectos como responsabilidade dos administradores, controles internos e a gestão de riscos.

http://www.gbljeans.com.br/noticias_view.php?cod_noticia=6182

Exibições: 327

Responder esta

© 2021   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço