Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Volumes do jeans assumem sentido de luxo e adoração em Milão

Quando Dolce&Gabanna interpretam o denim lavado com toda sorte de franjas, riquezas e pedrarias, dialogando com belas imagens religiosas; é sinal de que temos no segmento um espaço sagrado para ornamentação. E foi esse caminho, que os desfiles ready-to-wear de Milão sinalizaram para volumes e formas do jeanswear na temporada de Verão 2017 internacional (equivalente a 2018 nacional). Flares continuam em evidência - mas se o comprimento é convencional, então rege a lei da reformulação do seu desenho por recortes, aviamentos e muitas aplicações.



O black ainda é numeroso, mas ao invés de joelheiras, foi proposto tatuado por motivos decorativos ligados às artes marciais. O branquinho chic, por sua vez, abandonou o minimalismo e virou porta-voz da moda atlética comunicativa no formato dos combos da Diesel Black Gold. O outerwear, saiu bastante da leitura essencial, e criou novos contornos para mangas e decotes com maxi babados. Já as saias e os minicomprimentos de shorts, foram sempre elevados pelo efeito chic da cintura elevada, seja pelo formato corselet seja pela inclusão de um formato sequinho de clochard.


A calça flare apareceu agregando interferências de patches com padrões paisley, desenhos em arabescos e florais. Destas leituras, as grifes sugeriram inspirações para o público jovem, que nas temporadas anteriores optaram pelo boho; para o surfwear e para as coleções com atitude jovem e romântica. Já a boyfriend foi o alvo do luxo com os altares e santos de Dolce &Gabanna. E para tanto foi cravejada por pedras vermelhas, crucifixos, e franjas douradas lembrando toalhinhas de hóstia. Tudo isto no mesmo look que cintilou longos sobretudos de paetês.



Na Dsquared2, em volumes mais excessivos, a modelagem também foi o foco do luxo, em acabamentos que uniram o distressed aos paetês, alvejados com o brilho molhado e mangas presunto oitentistas. Com leituras tão ricas e emperiquitadas, com certeza a tendência da boyfriend enfeitada irá constar no formato de valor agregado nas coleções maduras, assumir leitura diva nas araras vaidosas, e abraçar o sentido delicado nos estilos mais inocentes.



As skinnies, por sua vez, foram colocadas por Fausto Puglisi como um estímulo a criação de camadas. Em acabamento delavé, elas apareceram alteradas por acessórios como tubos de entrepernas de couro, com babados plissados, quebrando seu comprimento. Em alguns momentos o denim foi acoplado à tais acessórios, criando uma espécie de extensão aos sapatos. As skinnies, deste modo, trouxeram soluções que mudaram seu visual, sem comprometer sua estrutura. Para bom entendedor, leia-se jeans que passa longe do estilo essencial. E para um observador mais atento, leve-se a mesma mensagem para jaquetas, saias e coletes.

http://www.guiajeanswear.com.br/noticias/6708/formas.aspx

Exibições: 328

Responder esta

© 2020   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço