Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Companhia planeja reduzir coleções e se concentrar em seus clássicos como o 501 e camisas, para não confundir os consumidores com um espectro considerado muito amplo de produtos.

A Levi’s está reestruturando sua oferta mundial de produtos. A área de desenvolvimento dos Estados Unidos, de propriedade da Levi Strauss, vai reorganizar as linhas a fim de crescer além do seu negócio principal, o denim, e capturar um percentual maior de consumidores. A mudança vai começar com a coleção primavera-verão 2015.

A companhia planeja reduzir coleções para se concentrar em seus clássicos como o 501, a jaqueta trucker e camisas no estilo western, de modo a não confundir os consumidores com um espectro considerado muito amplo de produtos sportswear, anunciou a Levi's no mês passado.

De acordo com a empresa, a reorganização não vai reduzir o número de estilos, mas dividirá o catálogo de produtos em três categorias: Red Tab, com foco em jeans e produtos originais de Levi’s; White Tab, para produtos que não são especializados em jeans; e Black Tab, com uma aposta em peças contemporâneas.

A reestruturação também vai permitir a expansão do denim para outras categorias de produtos tais como cintos, calçados, roupas íntimas e pequenos artigos em couro. Atualmente, o denim representa menos de 10% no guarda-roupa do consumidor e a Levi's quer ser líder nessa categoria, mas também ampliar presença no armário do cliente médio.

Queda de vendas
A reorganização de produtos é uma resposta da companhia à queda de vendas em seu mercado principal, os Estados Unidos. O balanço divulgado no início de julho aponta que no segundo trimestre, terminado em 25 de maio, a receita líquida caiu 2%. O resultado reflete a queda de vendas no atacado nas Américas, onde a companhia encontra um ambiente mais competitivo, parcialmente compensado por um melhor desempenho na Europa e na Ásia. O lucro líquido do segundo trimestre caiu para US $ 11 milhões, comparado a US$ 48 milhões no mesmo período do ano passado, atribuído a gastos com reestruturação e iniciativas de melhorar a produtividade.

Para reverter os prejuízos, a empresa prevê rever a estrutura de custos, realizar investimentos em lojas e inovação de produtos. Outra iniciativa foi o lançamento de uma campanha publicitária Live in Levi’s nos Estados Unidos, sobre plataforma digital, incentivando os consumidores a compartilharem experiências online e comprarem via comércio eletrônico.
 

http://www.gbljeans.com.br/noticias_view.php?cod_noticia=5533

Exibições: 89

Comentar

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

© 2020   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço