Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Fonte:|destak.pt/artigos|

As cores que escolhemos para a roupa, para o carro e até para a pintura do lar afectam o nosso humor e bem-estar a nível físico, mental, emocional e espiritual. O Destak explica-lhe tudo.

Patrícia Susano Ferreira | pferreira@destak.pt

Quantas vezes não dizemos que a segunda-feira é um dia 'negro' ou que estamos 'verme-lhos' de raiva ou 'verdes' de inveja?

No entanto, as cores não são apenas associadas ao nosso estado de espírito, podendo mesmo alterá-lo ou melhorar a nossa saúde. Ou seja, além de nos transmitirem emoções e vibrações, as cores ainda têm uma capacidade terapêutica, contrariando, por exemplo, o nervosismo ou a impaciência e beneficiando as pes-soas que sofrem de asma, doenças cardiovasculares ou digestivas.

Já os egípcios, os gregos, os chineses, os indianos e os incas recorriam ao poder das cores para o alívio dos seus males. Saber usar esta terapia, denominada de cromoterapia, pode ser como ter em mãos um instrumento que dá mais harmonia e equilíbrio à sua vida.

A cromoterapia usa a cor para reequilibrar os chakras - que são os nossos centros energéticos - e cada uma das sete cores do espectro reage a um dos sete principais chakras do corpo. O vermelho está associado à energia, à coragem e à força; o laranja é quente e revigorante; o amarelo estimula as emoções e o intelecto e está relacionado com o chakra naval - que é identificado como a sede das nossas emoções; o verde é o grande curativo e está ligado ao coração; o azul destina-se à tranquilidade e à meditação, representando a paz interior; o índigo está ligado à meditação e ao processo de autocura; e o violeta é a cor real e divina.

É comum associar-se a cromoterapia a outros tipos de terapias holísticas, tais como o Feng Shui (decoração) ou a terapia dos cristais, através do uso das cores adequadas aos efeitos que se pretendem. Os adeptos da cromoterapia entendem que cada cor possui uma vibração específica e uma capacidade terapêutica.

Que cores deve escolher para pintar a sua casa

A cor é o principal instrumento utilizado pelo Feng Shui para alcançar equilíbrio e harmonia a um ambiente. Cada cor está associada a um dos cinco elementos do Feng Shui (Água, Madeira, Fogo, Terra e Metal) e proporciona sentimentos e emoções diferentes. Por exemplo, o vermelho - que está ligado à vida, à força e à energia vital máxima - deve ser escolhido para ambientes que tenham como objectivo a interacção entre pessoas como a sala de estar, a sala onde vê televisão ou mesmo a sala de jantar. No entanto, esta cor não está recomendada para a casa de banho, cozinha ou quartos.

Já a cor amarela - que melhora a concentração e facilita a comunicação - deve estar presente na sala e em pequenos detalhes da cozinha.
A cor azul, quando usada de forma regrada, proporciona tranquilidade, mas se for em demasia pode favorecer a introspecção e o isolamento. Esta cor deve estar nos quartos, mas longe das salas de estar ou de jantar, pois não propicia a comunicação entre as pessoas.

O verde pode ser utilizado com bastante liberdade em todos os ambientes da casa, independentemente da sua função. Neste caso, deve-se apenas tomar cuidado para colocar tons suaves no quarto e na cozinha, podendo nas salas utilizar tons mais brilhantes.

O branco pode ser usado com total liberdade em toda a casa, tanto externamente como nos ambientes internos, sendo a cor escolhida pela maioria das pessoas tanto para ambientes residenciais como profissionais. O preto, pelo contrário, está proibido para pintar qualquer interior.

-------------------------------------------------------

O verdadeiro significado das cores

Laranja

É a cor da alegria, é revitalizante e antidepressiva. Promove a boa digestão; beneficia a maior parte do sistema metabólico; rejuvenesce e vitaliza; está associada às glândulas supra-renais; e é positiva para problemas menstruais.

Azul

De todas as cores, é a mais curativa: traz clareza mental; combate dores de cabeça e enxaquecas; é útil em casos de asma; dá paz; e baixa a pressão arterial. Afectivamente está associada à serenidade, à verdade, às viagens e à meditação.

Violeta

Proporciona equilíbrio e estabilidade, além de melhorar a auto-estima. Purifica o organismo, actuando de modo calmante sobre os músculos do coração, e combate as dores de cabeça, as insónias e a irritabilidade.

Verde

Ligada ao chakra cardíaco, pode ser útil em dores de cabeça, problemas do coração, úlceras e casos de cancro. Harmoniza as oscilações de humor, estimula o equilíbrio quando há insatisfação, oferece paz e tranquilidade e diminui o stress.

Amarelo

Tem três funções distintas: estimular o sistema nervoso, ajudar a lidar com emoções e activar faculdades mentais. Para além disso, auxilia na concentra-ção; é benéfica para a pele; purifica o sistema; e ajuda a combater problemas hepáticos.

Vermelho

É considerada a cor mais poderosa e deve ser usada com prudência. É vitalizante, estimulante e excitante; aumenta a pressão sanguínea; pode ser associada ao perigo, mas também à vida e à energia; e estimula o sistema nervoso.

Índigo

Associada ao chakra do terceiro olho e à intuição, esta cor está ligada ao processo da autocura. Beneficia casos ligados a doenças e problemas que se verifiquem nos olhos, ouvidos e no nariz; ajuda a contrariar a falta de motivação e as desordens nervosas.

Exibições: 80

Comentar

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

© 2020   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço