Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIV

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIV

A Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecções (Abit) começou a elaborar regras para controlar o uso de produtos químicos tóxicos nos artigos têxteis, principalmente infantis. A normativa está sendo elaborada em parceria com a Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) deve ficar pronta em nove meses.

O Brasil aboliu há 30 anos o uso de corantes com radicais azóicos, considerados cancerígenos, diz Rafael Cervone, presidente da Abit. "Mas não há como garantir a roupa importada não faça uso desses tóxicos no seu processo de fabricação", diz.

No princípio, a adesão as novas regras serão voluntárias. Por causa disso, o apoio dos varejistas será fundamental para que a normativa surta efeito. "É importante que o varejista exija a certificação de que o produto comprado segue padrões seguros", afirma. Além disso, à medida que o consumidor tiver mais informações sobre o assunto, diz Cervone, ele passará a exigir esse tipo de controle na hora de realizar suas compras.

O processo de elaboração da norma contará também com parceria da Anvisa e da Abiquim, que representa a indústria química. Cerca de 100 tipos de produtos químicos serão analisados. "O foco maior será nos 15 mais usados e que podem causar mutação genética", afirma Cervone.


© 2000 – 2014. Todos os direitos reservados ao Valor Econômico S.A. . Verifique nossos Termos de Uso em http://www.valor.com.br/termos-de-uso. Este material não pode ser publicado, reescrito, redistribuído ou transmitido por broadcast sem autorização do Valor Econômico.

Leia mais em:

http://www.valor.com.br/empresas/3515856/abit-fara-norma-sobre-quim...

Exibições: 315

Responder esta

Respostas a este tópico

QUER DIZER QUE OS CORANTES AZÓICOS SÃO CANCERÍGENOS?

Responder à discussão

RSS

© 2022   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço