Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIV

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIV

A Camisaria Colombo, maior rede de varejo de moda masculina do país, investiu R$ 2 milhões em um projeto de mobilidade, como parte da estratégia de melhoria na gestão da companhia. Desde ontem, vendedores das 410 lojas que a companhia possui no país começam a trabalhar com iPads, da Apple, configurados com aplicativos desenvolvidos pela IBM para a varejista.

A Camisaria Colombo adquiriu ao todo 800 tablets da Apple, por meio da IBM, que faz vendas de lotes de aparelhos para mercado empresarial. Ricardo Zakaluk, gerente de ofertas para serviços de mobilidade da IBM Brasil, disse que esse é o primeiro projeto do tipo fechado pela IBM na América Latina. No momento, a IBM também desenvolve outros projetos de mobilidade com aparelhos da Apple para redes de varejo, indústrias farmacêuticas e instituições de ensino.

Como parte do acordo, a IBM desenvolveu aplicativos que vão permitir à Camisaria Colombo apresentar o catálogo de produtos a clientes, informações de moda e vídeos da companhia. Os tablets também serão usados pelas equipes para realização de cursos on-line, treinamentos e para a administração das lojas. O contrato inclui ainda serviço de e-mail corporativo, software para gestão de todos os equipamentos e programas para a gestão das lojas.

"O projeto foi realizado para aproximar o quartel general das lojas. Precisávamos aproximar as lojas da operação central para transmitir a cultura da empresa e padronizar o atendimento", disse Claudio Murano, diretor administrativo da Camisaria Colombo.

De acordo com Zakaluk, o projeto começou a ser desenhado há um ano e o contrato tem duração de três anos. O banco IBM financiou a aquisição dos tablets para garantir mais flexibilidade financeira à Camisa Colombo, disse o executivo.

Murano disse que os tablets serão usados nas 410 lojas que a Camisaria Colombo possui. Os aparelhos poderão ser implantados também em novas lojas. Até o fim do ano, a Camisaria Colombo planeja abrir mais 40 lojas. No ano passado, a Camisaria Colombo recebeu um aporte da Gávea Investimentos, estimado pelo mercado em mais de R$ 150 milhões, e reestruturou suas dívidas. Com isso, a companhia deu andamento a seu projeto de expansão.

De acordo com o último balanço publicado pela Camisaria Colombro, a empresa fechou 2011 com receita de R$ 344 milhões e prejuízo de R$ 25,9 milhões.


© 2000 – 2014. Todos os direitos reservados ao Valor Econômico S.A. . Verifique nossos Termos de Uso em http://www.valor.com.br/termos-de-uso. Este material não pode ser publicado, reescrito, redistribuído ou transmitido por broadcast sem autorização do Valor Econômico.

Leia mais em:

http://www.valor.com.br/empresas/3502848/camisaria-colombo-faz-acor...

Exibições: 447

Responder esta

Respostas a este tópico

Muito legal a informação, mas não pude deixar de notar a redundância rsrsrs:

"começam a trabalhar com iPads, da Apple"

Responder à discussão

RSS

© 2021   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço