Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIV

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIV

Imagens que encantam: as campanhas internacionais para a próxima temporada

Os primeiros dias do ano marcam o lançamento das campanhas Primavera/Verão do hemisfério Norte. Nem bem chegamos à metade do mês, e a maior parte das grifes já está com os anúncios das novas coleções estampando as páginas destinadas à publicidade nas principais revistas de moda do mundo.

O interessante das campanhas é tentar entender o mood que as marcas buscam imprimir e as mudanças em relação à estação anterior. Além da importância comercial para as grifes, os anúncios exercem um poder parecido com os editoriais de moda: são referências de belas imagens e de novos conceitos (o que, mesmo que inconscientemente, acaba influenciando nossas decisões de compra). Levando em consideração mais esse lado de referência de imagem do que a coleção apresentada, fizemos uma seleção de algumas campanhas que chamam a atenção pela criatividade, originalidade ou simplesmente por serem lindas.

Balenciaga: a modelo Daria Werbowy literalmente cria ”raízes” na campanha da Balenciaga, fotografada por Steven Klein. O interessante é ver como a cenografia parece uma continuação da estampa do vestido que Daria veste.

Chanel: a nova campanha da Chanel traz tudo que sempre se espera da maison — as pérolas, o preto e branco e a jaquetinha. Mas as pérolas são gigantes, a jaquetinha é desconstruída e o P&B se mistura a cores fortes e contrastantes. Karl Lagerfeld segue fotografando as campanhas, mas desta vez parece ter tomado um ar fresco. As modelos Lindsey Wixson (nas fotos abaixo) e Sasha Luss usam o mesmo corte de cabelo, curto, com esse detalhe meio à la Pedrita. Às vezes, o jogo no espelho parece criar seres com duas cabeças. E, para quem viu “Azul é a Cor Mais Quente”, não dá para ver pelo menos uma referência às personagens de Adèle Exarchopoulos e de Léa Seydoux em Lindsey?

Dior Homme: imagens mais conceituais e artísticas para mostrar uma coleção um pouco futurista. Tim Schuhmacher & Florian Luger foram fotografados em Corisca por Karim Sadli. Quem assina a direção criativa é Kris Van Assche, que mistura a alfaiataria moderna com estampas que lembram as pinceladas de um artista que usa cores primárias. O resultado é uma imagem forte.

Hermès: a inspiração vem de metamorfose, mas parece ter se inspirado também na habilidade de alguns animais de se camuflarem e se mimetizarem. Se em uma imagem a modelo parece uma borboleta de cores tão vibrantes que só pode ter acabado de sair do casulo, em outra parece estar tão à vontade em meio à floresta que só pode pertencer a ela. As modelos Yumi Lambert (à esquerda) e Diana Moldovan (à direita) foram fotografadas por Hans Silvester.

Kenzo: na campanha passada, a Kenzo já tinha surpreendido ao apresentar seus modelos como se fossem insetos na coleção de um entomólogo. Agora, fica um pouco mais artsy e nos apresenta essas imagens surrealistas e em cores vibrantes dos modelos Paul Boche e Devon Aoki fotografados por Pierpaolo Ferrari. Desde o ano passado, as campanhas são dirigidas pelo artista e diretor criativo da revista Toilet Paper, Maurizio Cattelan.

Miu Miu: a grife selecionou quatro novas estrelas de Hollywood para a campanha, entre elas Elle Fanning (foto abaixo), de “Um Lugar Qualquer” e “Super 8″. A campanha foi fotografada por Inez Van Lamsweerde e Vinoodh Matadin. com direção de arte de Giovanni Bianco. Veja as outras imagens da campanha na galeria abaixo.

Mulberry: a grife inglesa faz uma brincadeira com a tradição e convida para o chá da tarde a modelo Cara Delevingne, cães, corujas, pôneis e outros modelos animais (literalmente). De autoria de Tim Walker, as fotos são lindas e valem também pela piada.

Prada: a campanha reúne um grande time de new faces, fotografado por Steven Meisel. O impressionante aqui é ver como o fotógrafo conseguiu criar uma imagem elegante e ao mesmo tempo super colorida. Os cabelos das modelos se confundem com as peles estampadas da coleção, e as estampas de rostos se misturam com as modelos, dando a impressão de ter ainda mais gente na foto. A estética da campanha tem a ver com o desfile, em vários artistas e grafiteiros foram chamados para colaborar na cenografia e em algumas estampas. Veja outra imagem da campanha na galeria abaixo.

Versace: o diretor de arte Giovanni Bianco transforma Lady Gaga em uma versão jovem (e com menos botox) de Donatella para a campanha da Versace. Fotografia assinada por Mert Alas e Marcus Piggott.

http://ffw.com.br/noticias/

por Marcela Duarte | Moda

Exibições: 918

Responder esta

Respostas a este tópico

Nos tempos do photoshop, vexame é o que mais acontece. Ou será que a sandália da modelo da Kenzo é assim mesmo??? um salto de cada modelo...rs

FORA ISSO, PARABÉNS!!! 

O interessante das campanhas é tentar entender o mood que as marcas buscam imprimir e as mudanças em relação à estação anterior.

Nem bem chegamos à metade do mês, e a maior parte das grifes já está com os anúncios das novas coleções estampando as páginas destinadas à publicidade nas principais revistas de moda do mundo.

Responder à discussão

RSS

© 2021   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço