Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XV

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XV

Indústria Têxtil Está Sendo Esmagada pela Importação, Alerta Gomes de Matos

Brasília - O deputado Raimundo Gomes de Matos (CE) disse que a indústria têxtil brasileira está sendo esmagada pelos produtos vindos da China. Segundo ele, a falta de incentivo do governo petista aos produtores de algodão tem provocado a redução da área plantada. O alerta foi feito pelo tucano em pronunciamento nesta sexta-feira (17).

Ele reclamou do preço da arroba do algodão, congelado desde 2003. “Isso desestabiliza a indústria e toda a cadeia produtiva. Urgentemente o governo precisa fazer essa revisão, a fim de que centenas de produtores recuperem suas indústrias e fábricas, para que a indústria têxtil volte a ter em seu patamar e, acima de tudo, resultados positivos”, protestou.

Gomes de Matos disse que o preço da arroba de algodão está em R$ 44, 60, enquanto o custo de produção é de R$ 61,29. Ele informa que 20% dos trabalhadores podem ser demitidos, já que houve uma redução de 33% da área plantada, referente à safra 2012/2013. A produção de algodão baixou de 1.391.740 hectares para 932.400 hectares.

Neste ano, a indústria têxtil no país teve uma perda de R$ 112 bilhões. Gomes de Matos disse ainda que o governo do PT levou 10 anos para admitir que a adoção de parcerias público-privadas, defendida pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, estava certa. O tucano disse que a oposição está atenta para construir um Brasil mais justo e minimizar o sofrimento da população mais pobre.

Fonte:|http://www.psdb.org.br/industria-textil-esta-sendo-esmagada-pela-im...

.

.

.

.

.

Para participar de nossa Rede Têxtil e do Vestuário - Clique Aqui

Exibições: 626

Responder esta

Respostas a este tópico

Assino em baixo. Se na China, tem trabalho escravo, não é identificado, pois a pobresa de muitos é a riquesa de poucos(parece com o Brasil), mas é verdade. A super população, mascara quem vive como escravo e quem é pobre e trabalha em alguma coisa sem vinculo(no Brasil a CP, ou sem ela). Nada é diferente na Coreia ou India ou Turqui. Seus produtos, alem da discriminação e uso de ser, é subsidiado pelo estado. Dai quem pode conte-los?? A AOC??Duvido?? Assim porque tambem não fazemos o mesmo? Fingimos que temos um mundo de escravos, subsidiamos os produtores texteis e vamos que vamos. SE ELES FAZEM E VENDEM E NÃO LIGAM, PORQUE NOS TEMOS QUE SER OS CERTINHOS, EXISTE CAUSA PARA TANTO? NÃO? ENTÃO PAU NO SARRAFO. Fazemos igual.

Responder à discussão

RSS

© 2022   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço