Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XV

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XV

Abit contesta proposta do Ipea de reduzir tarifas de importação

Operación Autolavado supuso alto coste social, dice director de Ipea | Agência Brasil

“É inadmissível o corte de 50% das tarifas de importação brasileiras e/ou do Mercosul, sugeridas em nota técnica do instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)”, afirma Fernando Valente Pimentel, presidente da Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção (Abit). Para ele, “a medida seria desastrosa para nossa manufatura, considerada a imensa discrepância com os concorrentes estrangeiros em termos de competitividade”. 

O dirigente salienta que, “intramuros, a indústria nacional compete em igualdade de condições com a estrangeira, mas os tributos, burocracia, custos trabalhistas e insegurança jurídica, dentre outros fatores críticos, estabelecem condições muito desfavoráveis para os brasileiros”. Para ilustrar a questão, Pimentel ressalta que operar no Brasil custa R$ 1,5 trilhão por ano a mais do que na média das nações da OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico), conforme estudo do Boston Consulting Group, com a participação de entidades de classe. Somente os impostos representam R$ 270 bilhões desse total. 

“Portanto, não há como reduzir tarifas de importação antes de solucionarmos essas questões estruturais que agravam o Custo Brasil e dilaceram nossa competitividade”, pondera o presidente da Abit, concluindo: “É por isso que defendemos, por exemplo, a realização das reformas tributária e administrativa, que não podem ficar paradas no Congresso Nacional”.

https://www.abit.org.br/noticias/abit-contesta-proposta-do-ipea-de-...

Para participar de nossa Rede Têxtil e do Vestuário - CLIQUE AQUI

Exibições: 64

Comentar

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XV para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XV

Comentário de Antonio Silverio Paculdino Ferre em 11 fevereiro 2022 às 16:50

Parabéns, presidente. Bem enfático. Acertar o custo brasil antes de tudo.Reformas já. 

© 2022   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço