Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

A estilista brasileira Natalia Vechiatto Feitoza foi a vencedora do Lycra Future Designers, divulgado no último dia 14 de maio, em Londres. Graduada em Moda pela Universidade Estadual de Maringá (UEM), ela apresentou um projeto de coleção de roupas de fitness inspirado na beleza exótica e do clima tropical. Ela disputou o primeiro lugar com outros três candidatos, tendo passado pela peneira entre participantes de países como Argentina, China, França, Inglaterra, Cingapura e Índia. Natália já havia ficado entre os 20 semifinalistas do concurso realizado em 2009 na categoria Swimwear. Por gostar muito de esportes, Natália pretende lançar sua própria marca e desenvolver peças no segmento Activewear.



A inspiração para a coleção apresentada no concurso vem das raízes brasileiras. “Quando pesquisei, o verão 2015 prometia vir de um ambiente natural, artesanal e tecnológico. Como nessa época o Brasil estava em destaque no cenário internacional pela Copa do Mundo e Olimpíadas, achei que era a hora de fazer algo tropical, daí o tema Trama Tropical”, afirma. Natália desenvolveu uma coleção tendo como base o fio Lycra e referências à floresta brasileira: flores em 3D, aplicação de plumas em tecido, tie dye, trançados, fitas refletivas, transparências e um design de superfície no tecido dando aspecto de cestaria. “Usei cores vibrantes e energéticas, com espírito bem alegre e brasileiro”, detalha.

O concurso Lycra Future Designers é uma parceria entre a Invista, detentora da marca Lycra, e o WGSN Global Fashion Awards. O prêmio, que existe desde 2009, oferece a um designer em início de carreira um suporte financeiro de US$ 20 mil e orientações dos profissionais da companhia para que o vencedor coloque seus projetos em prática.

Criado em 2009, o Lycra Future Designers revela novos talentos da moda, reforçando as possibilidades oferecidas pelo fio Lycra. Esta edição marca a terceira participação da Invista no WGSN Global Fashion Awards. Anteriormente, o prêmio era organizado pela própria Invista, tendo começado no Brasil.

http://www.gbljeans.com.br/noticias_view.php?cod_noticia=6086

Exibições: 164

Comentar

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

© 2021   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço