Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

Comunidade Joaquim Barbosa presidente crescendo no Facebook

Página no Facebook

As recentes – e históricas – manifestações que estão acontecendo Brasil afora também ajudaram a bombar a página do Facebook que pede a candidatura de Joaquim Barbosa à Presidência da República.

Desde o início dos protestos as  páginas “curtidas” saltaram de uma média de 567 por semana para 13 698, chegando a um total de 48 148. E as “pessoas falando sobre isso” pularam de 6 950 para 235 548.

Por Lauro Jardim

Exibições: 227

Comentar

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

Comentário de Antonio Silverio Paculdino Ferre em 27 junho 2013 às 11:45

Todas observações são pertinentes. Penso que temos imediatamente diminuir o número de congressistas. Trezentos, no total seriam suficientes (2 senadores por estado) Diminuiria a verba de gabinete e os cargos comissionados. Começaria assim, uma melhor governaça, pois os agrados aos congressistas ( obras ou dinheiro vivo) sempre existirão. O voto distrital tem que ser implantado. O legilador quando convocado para o executivo, tem que perder o mandato, bem como aquele que quer ser candidato tem que renunciar ao mandato atual. Temos que estar atento nessa governabilidade!

Todo gestor precisa de condições para trabalhar.

Comentário de julio cesar de souza em 26 junho 2013 às 14:33

É Jaimisson, nós estamos com as chagas expostas, e doem!!!

Como escolher uma pessoa que seja pública(a grande maioria

dos cidadãos brasileiros têm que conhecê-lo) para assumir um

cargo tão importante como o de EXECUTIVO(A) CHEFE de uma nação

que, LITERALMENTE, emerge???

SÓ EXISTE UMA FORMA, CONHECER SUA HISTÓRIA, SUA TRAGETÓRIA

PÚBLICA E DESTINAR A ESTE NOSSA CONFIANÇA COM INSTRUMENTOS(*)

QUE POSSIBILITEM-NOS IR PARA AS RUAS E DEPÔ-LO CASO NOS ATRAI!

Foi, assim, com o COLLOR, o problema é, e continua sendo, o conjunto

do CONGRESSO NACIONAL e só uma forma de SANEARMOS o Congres-

so, IMPOR-LHE REGRAS REALISTAS DE OPERACIONALIZAÇÃO:

1. TRANSPARÊNCIA ABSOLUTA(SEM EXCEÇÕES) 

2. EQUIPARAÇÃO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL COM OS DEMAIS TRABALHA-

    DORES BRASILEIROS, PARA OS CONGRESSISTAS E SEUS ASSESSORES 

    DIRETOS.(*)REDUÇÃO DOS CUSTOS COM A MÁQUINA PÚBLICA EM 

    CARÁTER DE URGÊNCIA.

3. COMPATIBILIDADE DE CORREÇÃO DE SEUS VENCIMENTOS COM OS

    DEMAIS TRABALHADORES BRASILEIROS.(*)

4. RETIRADA IMEDIATA DO FORO PRIVILEGIADO. O CONGRESSO NÃO

    É MATAGAL PARA ESCONDER BANDIDO.

E aí vai.............

Amigo, vivemos um momento MUITO IMPORTANTE para nosso PAÍS,

logo, temos que investir todo o nosso poder em provocar as mudan-

ças tão desejadas por longos anos... CONCORDO com o posiciona-

mento do JUIZ JOAQUIM BARBOSA frente ao processo do MENSALÃO,

CONCORDO quando faz AFIRMAÇÕES que embaraçam MUITOS congres

sistas, que os PROVOCA a mostrarem-se com a PEC 37 possibilitando

mecanismos de CAÇA aos CORRUPTOS evidentes, mas não por outros

CORRUPTOS como aconteceu no processo do COLLOR, ou não nos lem-

bramos mais dos ANÕES DO ORÇAMENTO que "eclodiram" logo após

a FUGA do COLLOR.

O MINISTRO E JUIZ JOAQUIM BARBOSA É, SIM, UM EXCELENTE NOME,

pense nisso!

Comentário de geraldo magela brito cabral em 26 junho 2013 às 0:25

Olá Jaimisson dos Santos,

Acho que o seu problema não é político, e sim com estes personagens insignificantes (Obama, Mandela, Joaquim Barbosa....Talvéz também um tal de Edson Arantes do Nascimento, Martin Luther King entre outros....

Comentário de Eduardo Ferreira Blatt em 25 junho 2013 às 20:52

Joaquim Barbosa Presidente

Joaquim Barbosa Presidente

Joaquim Barbosa Presidente

Joaquim Barbosa Presidente

Comentário de marcelo lee em 25 junho 2013 às 15:37

antes de sair comemorando que "esse é o cara", acautelemo-nos, lembrando do fenômeno Collor.  Somente o tempo dirá sobre o caráter, honestidade, lisura da pessoa, e esse tempo ainda não passou, apesar de estarmos precisando de um "herói" político, e rápido.

© 2021   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço