Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

Obama pede fim dos subsídios à indústria do petróleo

 

WASHINGTON — O presidente americano Barack Obama afirmou neste sábado, em seu programa semanal de rádio, que o Congresso deveria acabar com os subsídios às empresas de petróleo para poder investir na energia do futuro.

"Quando as companhias petroleiras têm enormes lucros e você está lutando na bomba, estamos usando o orçamento federal para gastos que podemos evitar, estes subsídios de impostos não estão corretos", disse Obama.

"Não são inteligentes. E nós precisamos acabar com eles", completou.

O pedido foi feito no momento em que os consumidores americanos expressam irritação com o aumento - de um dólar em um ano - nos preços dos combustíveis, a uma média de quatro dólares pelo galão (3,8 litros).

Tanto Obama como seus potenciais adversários na corrida presidencial do próximo ano abordaram o tema.

Na terça-feira passada, o presidente pediu ao Congresso o corte de quatro bilhões de dólares em subsídios concedidos às empresas de petróleo.

Ele lembrou que esta semana as principais companhias americanas do setor anunciaram lucros de mais de 25 bilhões de dólares nos primeiros meses de 2011, 30% a mais que no mesmo período do ano passado.

Apesar de Obama ter indicado que não se opõe a um aumento da produção de petróleo, disse ainda: "Também acredito que, ao invés de subsidiar a energia de ontem, deveríamos investir na do amanhã; e isto é o que estamos fazendo".

O presidente destacou que seu governo está investindo nas energias solar e eólica, assim como em outras tecnologias eficientes.

"E eu penso que este é um investimento que vale a pena fazer", concluiu.

 

FONTE: AFP

Exibições: 70

Comentar

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

© 2021   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço