Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

Recebi por e-mail de um amigo o poema abaixo, que me chamou a atenção pela criatividade, e simplicidade do vocabulário. É quase uma brincadeira, na qual o poeta usa um jogo de palavras e de ideias. Eis o poema:


Há um presidente que mente,
Mente de corpo e alma, completa / mente.

E mente de maneira tão pungente
Que a gente acha que ele, mente sincera / mente,
Mais que mente, sobretudo, impune / mente ...

Indecente / mente.
E mente tão nacional / mente,
Que acha que mentindo história afora,
Vai nos enganar eterna / mente.

(Affonso Romano de Sant'Anna)

Exibições: 150

Comentar

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

© 2021   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço