Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

A indústria têxtil nacional acredita que água mole em tarifa dura tanto bate até que fura.

Fonte:|cidadebiz.oi.com.br|

Governo e empresários tentam derrubar as barreiras comerciais argentinas

Ofensiva envolve a indústria têxtil, que está sendo minada pela concorrência dos chineses

A indústria têxtil nacional acredita que água mole em tarifa dura tanto bate até que fura. A cúpula do setor, encabeçada por Josué Gomes da Silva, da Coteminas, e o governo brasileiro estão envolvidos em uma nova rodada de negociações na tentativa de derrubar as barreiras alfandegárias argentinas.

Do lado empresarial, mais uma vez a ideia é concentrar as tratativas sob a égide da Fiesp, não obstante os recentes fracassos da entidade na matéria.

Entre as indústrias têxteis, uma corrente defende que as negociações foquem, ao menos no curto prazo, o segmento de cama, mesa e banho, um dos mais prejudicados pelas restrições impostas pelo país vizinho – que o diga a própria Coteminas.

O governo brasileiro deverá atirar na direção das tecelagens chinesas, que têm sido recebidas com tapete vermelho na Argentina. Dados obtidos pelo Ministério das Relações Exteriores mostram que, nos últimos dois meses, mais de 40% dos tecidos e derivados importados pelos argentinos foram provenientes do país asiático. Em contrapartida, a participação da indústria brasileira caiu de 30% para 16% nos últimos 12 meses.

Exibições: 60

Comentar

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

© 2020   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço