Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Em nossa atividade estamos sempre atentos a assuntos divulgados e que fazem referencia ao trabalho que desenvolvemos; Observem trecho do editorial publicado na revista VEJA – 2084 de 29 de outubro por J. R. Guzzo, fazendo referencia ao premio Nobel de Economia.
“Desde que foi criado o Nobel de Economia em 1969, 70% dos prêmios foram para os Estados Unidos; ali, ao contrário do que geralmente ocorre em países latinos, economistas dedicam-se a entender o funcionamento dos fatos econômicos, em vez de passar seu tempo tentando entender a história da economia.”
Estamos sempre às voltas com as dificuldades em apuração de custos têxteis, em função de paradigmas definidos a mais de um século, respaldado por uma legislação orientada por um embasamento de controle patrimonial, que castram a maioria das iniciativas de desenvolvimento de sistemas de apuração e gestão e os tornam de credibilidade duvidosa.
Isto não é privilégio dos têxteis, em todos os livros, apostilas e trabalhos divulgados em congressos com inovações ou projetos de gestão revolucionários, todas as afirmações são sempre respaldadas por conceituação histórica do tipo (SPRAGUE e WATSON, 1989) - (Keeney e Raiffa, 1976) - (KAPLAN & COOPER, 1998) - (NAKAGAWA, 1994).

Portanto somos obrigados a conviver com sistemas de apuração e gestão definidos a partir de regras de indivíduos que tratam o assunto de uma forma generalizada sem o conhecimento das variáveis e especificidades do processo têxtil.

Exibições: 50

Comentar

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

© 2019   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço