Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XI

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XI

Como expor seu trabalho na empresa sem ser artificial ou parecer arrogante?

Vejo com frequência bons profissionais questionando que não são valorizados pela empresa, ou pior, que outros colaboradores que entregam menos acabam sendo promovidos só com o “gogó”. Ou seja, se vendem a tal ponto que mesmo sem uma altíssima produtividade conseguem mais oportunidades do que aqueles que têm maior rendimento.

Fato é que habilidades sociais e políticas são muito relevantes nas relações dentro de uma empresa. De companhias familiares até as de capital aberto, todas sem exceção, possuem seus próprios ambientes e momentos do uso da política.

Enquanto muitos profissionais se destacam neste quesito, outros tantos acreditam que “venderem o próprio peixe” é algo desnecessário e contra valores éticos e morais, mas não entendem de que a empresa sozinha não consegue visualizar todos os talentos se estes se mantém escondidos ou ainda permitam que seus resultados sejam utilizados em apresentações por outros colaboradores, se apropriando dos louros que não são deles.

Sabe aquela máxima de quem não é visto não é lembrado? Apesar de muito coerente e fazer todo o sentido, o ato de cacarejar (tão exaltado por gurus), não pode ser feito sem o devido cuidado sob o risco do tiro sai pela culatra!

A exposição extrema e artificial transforma muitos profissionais em arrogantes, chatos e inconvenientes, já que se utilizam de qualquer momento, por menor que seja, para se vender e demarcar território. Essa tática de forçar a barra, cria um sentimento de vergonha alheia percebida por todos, mas infelizmente, quase nunca pelos ávidos vendedores.

Mas como demonstrar meu trabalho para a empresa sem cair nesta armadilha?

 

#1 - Entenda a Cultura

A primeira recomendação é que você conheça efetivamente a cultura na qual está inserido. Não existem receitas de bolo, cada empresa tem seu próprio ambiente, disputas de poder, áreas mais fortes politicamente que outras, pessoas com interesses diferentes, mas principalmente seus próprios códigos informais de exposição e venda.

O uso correto de reuniões, ambientes comuns como os cafés e também happy hours, podem ser explorados de maneira estratégica e pensada. Mas nem todo momento é momento para se vender! Muitos atropelam prioridades importantes para a empresa apenas para estarem em evidência. Imagine uma reunião em que grandes líderes da empresa estão focados na solução de um determinado problema e alguém atrapalha a condução repetindo informações já faladas, dando soluções que já foram pensadas, só para mostrarem que estão ali. Jamais faça esta venda sem entender exatamente o funcionamento político da empresa, tampouco seja um chato de galocha interferindo caso não tenha como contribuir efetivamente!

 

#2 - Apresente Indicadores

Quem cacareja sem botar ovo, só se queima! Vai por mim, não adianta se expor se não existe resultado e resultado não é esforço! Muitos colaboradores se expõem de forma equivocada falando sobre o quanto trabalharam (volume de horas) e não resultados efetivos. Para não parecer que está reclamando por trabalhar demais, invista em dizer indicadores com resultados palpáveis de seu trabalho, e como eles ajudam de alguma maneira o crescimento da empresa, demonstrando que sua posição é importante através de conexões entre suas atividades e o que a empresa necessita.

 

#3 - Ajuste sua comunicação de acordo com cada stakeholder

Parece natural, mas este é um dos maiores desafios enfrentados pelos profissionais que estão buscando expor mais seu trabalho. Sem conhecer exatamente o perfil de cada líder, par ou subordinado, você corre sérios riscos de ter uma postura que pode não agradar quem está te ouvindo.

Cada stakeholder tem seus próprios interesses e preocupações, portanto ter perspicácia de entender o que pode ser considerado relevante para cada um e obviamente o formato da informação preferida por eles é de suma importância para estabelecer uma boa relação e com isso conquistar uma abertura para mostrar seus resultados.

Ser empático e se colocar à disposição para ajudar em um projeto ou atividade sempre será uma ótima maneira de ganhar um novo promotor de seu trabalho.

 

Se você quer crescer, não se esconda! Seja consciente, planeje sua exposição evitando parecer alguém vazio e que só pensa em se vender. Transforme este momento no mais natural possível e não esqueça que não adianta cacarejar sem ter efetivamente um bom trabalho!

https://www.linkedin.com/pulse/como-expor-seu-trabalho-na-empresa-s...

Para participar de nossa Rede Têxtil e do Vestuário - CLIQUE AQUI

Exibições: 16

Comentar

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XI para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XI

© 2019   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço