Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Fonte: |diariodepernambuco.com.br|
Aldo Paes Barreto

A bolsa ou a vida

Arevista Veja desta semana coloca a mão na ferida: a economia nordestina cresceu duas vezes mais rápido que a brasileira e triplicou de tamanho. Paradoxalmente, porém, esses números auspiciosos são acompanhados pelos piores índices de violência. Estão nas capitais dos estados nordestinos - sobretudo Maceió e Salvador, que desbancaram o Recife nesse triste pódio -, os mais sangrentos números de assassinatos e de assaltos em ações violentas.

A revista não destaca, mas as pequenas e médias cidades fazem parte, em escala crescente, das vexatórias estatísticas. É ali que programas de transferência de recursos mais substituem o trabalho. Boa parte dos trabalhadores de salário mínimo prefere, com razão, deixar o campo e viver desses rendimentos e de alguns biscates. E vão inchar as periferias das cidades.

De comum, não apenas a ausência de polícia, de iluminação e outros serviços públicos, mas principalmente a falta de educação formal, a certeza da impunidade e os maus exemplos. Se a assustadora escalada serve para

desmistificar o discurso de que a pobreza é estopim da criminalidade, grave injustiça contra os mais pobres, deveria servir também para o governo revisar suas políticas de inserção social. As bolsas que contribuem para jovens sem ocupação, perpetuam a dependência e perdem a oportunidade histórica de formar cidadãos. Formação que não se consegue nas ruas, longe da escola.

Fazendo renda // Pesquisa inédita da Fundação Getúlio Vargas, revelada ontem pelo jornal Estado de S. Paulo, mostra a renda dos nordestinos foi a que mais cresceu nos últimos anos, em relação ao resto do país. Contudo, a qualidade de vida não foi beneficiada. Faltam escolas, hospitais, moradia. E sobra violência.

Suape Têxtil // Quatro meses depois de ter aprovado um plano de recuperação judicial, ganhando tempo para saldar dívidas de R$ 150 milhões, a Suape Têxtil estaria encerrando suas atividades. Os funcionários estão temerosos de que, dentro de poucos dias, a Suape Têxtil dispense todo mundo.

Chega de saudade // A Polyson, situada no Rio de Janeiro e única fábrica de LPs na América Latina, pretende aumentar a produção dos antigos discos de vinil, atendendo ao crescimento do mercado e chegar aos 40 mil/mês. Atualmente, um desses discos cultuados por colecionadores custa em média R$ 100.

Lavanderia // A Compesa está identificando e denunciando a existência de 8 mil ligações clandestinas em Caruaru. São as lavanderias de jeans, na maioria, que utilizam por dia uma média de 60 mil litros de água para lavagem de mil peças. Essas ligações irregulares causam prejuízo de R$ 11 milhões por ano à Companhia.

Passageiros // Ficou para a próxima terça-feira a apresentação da maquete da nova estação de passageiros do Porto do Recife, marcada para hoje na Associação Comercial, a cargo do presidente Alexandre Catão. A estação poderá atrair alguns dos mais de 300 cruzeiros que vão percorrer o litoral brasileiro na próxima temporada.

Eletro show // Para comemorar o aniversário de 15 anos, a Eletro Shopping investiu pesado. Além da campanha publicitária com comercial de televisão, rádio, anúncio de jornal, tablóide e material para ponto de venda, promove o "Maior show do mundo". Será no dia 1º de agosto, na Fábrica Tacaruna, com as maiores atrações da atual música popular brasileira.

Era nuclear

O Nordeste aumenta a produção de urânio, encurtando a distância para a construção de duas usinas nuclares na região. Nesta quinta-feira, as Indústrias Nucleares do Brasil (INB) e o Grupo Galvani assinam contrato de R$ 800 milhões para explorar jazida de Santa Quitéria, no Ceará. Serão 1,6 mil toneladas anuais.

Exibições: 44

Comentar

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

© 2020   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço