Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Fonte: |blig.ig.com.br|

A sustentabilidade é um assunto super atual e a cada dia os comerciantes procuram usar cada vez mais a criatividade para atrair os clientes mais engajados. Foi pensando em ser ‘ecologicamente correto’ que duas empresas britânicas se uniram para criar um caixão - feito de lã - que “respeitasse a natureza”.

Depois desta criação, até na hora de dar adeus a este mundo, podemos ser corretos com a natureza.

A JC Atkinson and Son - líder de mercado na produção de caixões no Reino Unido - uniu-se à Hainsworth, do ramo têxtil, e juntas lançaram o caixão feito somente de materiais biodegradáveis. A peça está adaptada tanto para cremação quanto para os demais tipos de enterro.

O uso do tecido - a lã - nos funerais não é algo novo no Reino Unido. Uma lei de 1667 chegou a tornar obrigatório o uso de mortalhas de lã em cadáveres para estimular a indústria têxtil local. Na época, definitivamente, não era o meio ambiente que estava em jogo.

E ai, vai ser ecologicamente correto até na morte?

Pense na natureza hein!!

Exibições: 35

Comentar

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

© 2020   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço