Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Após desistência de Huck, ex-presidente tucano cogita testar o empresário Flávio Rocha para o Planalto.

SÃO PAULO. Depois da negativa de seu protegido, o apresentador Luciano Huck, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) vai insistir em procurar uma alternativa fora de seu partido para a eleição ao Planalto. O primeiro nome a ser testado será o do empresário Flávio Rocha, dono das Lojas Riachuelo.

No fim da tarde dessa quinta-feira (15), após Huck confirmar que não deixaria a Rede Globo para disputar o pleito, FHC pediu a um conhecido que trabalha com marketing político a realização de uma pesquisa qualitativa sobre nomes para o Planalto.

FHC está convencido de que o provável presidenciável tucano, o governador Geraldo Alckmin (SP), pode não se viabilizar mais à frente na disputa. Oficialmente, o ex-presidente manterá o apoio ao tucano, mas vai estimular outra opção.

Rocha vem namorando a ideia de se candidatar e tem apoio do grupo de direita Movimento Brasil Livre (MBL), próximo da ala do PSDB liderada pelo prefeito paulistano, João Doria.

O empresário chegou a ser citado como eventual vice de Jair Bolsonaro (PSC), mas recusou a ideia ao ser sondado. FHC não tem afinidade com o MBL e gostaria de um nome mais de centro-esquerda, mas a oferta de opções no mercado está escassa.

O movimento deverá indispor ainda mais a ala alckmista do PSDB com o decano do tucanato. Aliados de Alckmin não digeriram os movimentos públicos de FHC em favor de Huck.

Perfil. No radar de FHC para a eleição, o empresário Flavio Rocha é um homem de fé. E uma fé que não se limita a sua vida privada. No quinto dia do ano, antes de discursar para centenas de pastores de sua igreja, a evangélica Sara Nossa Terra, o dono da Riachuelo disse ao jornal “Folha de S.Paulo” que estava “orando” para que 2018 trouxesse “novas lideranças, com boas ideias para a economia e também bons costumes”.

Em miúdos: lá estava um legítimo defensor do “protagonismo da família”, bandeira alinhada à bancada evangélica, hostil a discussões como casamento homoafetivo e descriminalização do aborto. “O Brasil está pedindo um liberal de cabo a rabo, alguém que defenda o Estado mínimo na economia e valores conservadores no campo dos costumes”, afirmou, em uma leitura heterodoxa do conceito de liberalismo. No dia seguinte, a declaração ganhou destaque no perfil virtual do MBL.

Nas redes sociais do empresário também são comuns ofensivas contra o PT, tiradas contra a esquerda e fotos com o prefeito Marcelo Crivella e o apresentador Ratinho.

Envolto em polêmicas, Rocha ainda é réu na Justiça Federal do Rio Grande do Norte, acusado de coagir e caluniar, na internet, uma procuradora do Trabalho. O ataque teria sido feito após ação envolvendo uma indenização por supostas irregularidades em empresas subcontratadas pela Guararapes, controladora da Riachuelo.

http://www.otempo.com.br/capa/pol%C3%ADtica/fhc-mira-o-dono-da-riac...

Para participar de nossa Rede Têxtil e do Vestuário - CLIQUE AQUI

Exibições: 977

Comentar

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Comentário de Antonio Silverio Paculdino Ferre em 28 fevereiro 2018 às 11:03

Discordo do Sr Adalberto e penso que FHC seria péssimo aliado. Apesar de mandar no PSDB, não tem credibilidade política. É contra até o Alckmim, unico nome de expressão neste mundo de corruptos.

Comentário de José Rosa Reis em 26 fevereiro 2018 às 10:47

Gostei e apoio a opinião do senhor Adalberto em 100%.

José Rosa.

Comentário de Júlio César de Mendonça Pereira em 26 fevereiro 2018 às 9:46

Parabéns Sr Adalberto. Comungo com 100% das suas colocações. Não existe mais tolerância pra suportar tamanha incapacidade administrativa dos nossos governantes. Gostaria muito de ver um deles à frente de uma indústria de qualquer atividade econômica. Administrar com dinheiro farto sem custas nenhuma é fácil pra qq um, mesmo que seja despreparado.

Comentário de José Rosa Reis em 23 fevereiro 2018 às 21:41

Fui eleitor de FHC nas vezes que concorreu à presidência da República. Fui seu seguidor e admirador com "lider político", mas não estou conseguindo entendê-lo ultimamente. Como líder e presidente de Honra do PSDB, entendo que deveria estar hipotecando solidariedade e ajuda a Alckmin, candidato natural de seu partido. Como definir FHC a estas alturas de um ano político/eleitoral?

Comentário de adalberto oliveira martins filho em 23 fevereiro 2018 às 18:48

FHC que centro esquerda????? caramba!!! chega!!!!em cada função tem que ter  pessoas qualificadas tecnicamente para que juntos possam desenvolver algo de bom!!!Este cara da Riachuelo importa e mata empregos no Brasil!!!precisamos de um TRUNP no Brasil...que mesmo sendo muito radical, ele está movimentando a economia...diminuindo juros e limitando a importaçao...recriando o parque fabril etc..etc...é protecionista????qual o problema!!!!??? vejam  a quantidade de importação que está entrando no Brasil!!!AUMENTOU!!!! caramba...para matar as nossas empresas( gerando empregos em outros países )  e sucatear cada vez mais a industria  em geral!!!Esta atitude de barrar tem que ser do governo!!!!Qto menor o desemprego, maior a circulação de $$$ !!!Vejo empresas passando por dificuldades , e o ênfase é agronegócios???que a cada dia gera menos emprego devido tecnologia , e somente os patroes  é que ganham?? com pouquíssimos funcionários??e esta merda de governo apenas diz que o superavit da balança comercial ainda é positivo!!! Caramba...poderia ser maior ...se não importássemos tanto!!!e se gerássemos empregos  o PIB explodiria!!!temos apenas que ter tecnos em cada area governamental  e nao semi analfabetos , ou mesmo alguns letrados , que nada entendem!! è o que a CHINA faz como na Coréia!!! ...é assim que funciona...qdo vc contrata um profissional nao é por amizade e conchavos , e sim pelo conhecimento que possui e o retorno que deverá dar a empresa!!!!!!! 

que venha um governo militar austero!! que fechem o congresso e cabem com a bagunça deste s safados, salafrários,  que se restabeleça a ordem, valores éticos, morais, cívicos e patriotismo!!! e que permaneçam no poder por uns 50 anos!!! fazendo o Brasil crescer com infraestrutura !!! como em 1964...o Brasil crescia de 5 a 7% ao ano!!! acabar com as diversas ongs que o governo injeta bilhões de reais...para nada!!!Nenhum brasileiro quer investir mais...nao se sabe o que vai acontecer!!! precisamos que a economia tenha um foco seguro, e hoje a pirâmide política , poucos se salvam!!! menos que 5% !!!Quero que meus netos cresçam com outra cabeça!!! maior responsabilidade...que saibam cantar o Hino nacional,  que saibam hastear uma bandeira semanalmente, como outrora fazíamos!!!que saibam respeitar o professor que é o0 alicerce deste Brasil!!!que resgatem os valores de outrora!!!! Tenho gêmeas com 35 anos ...e nao sabem cantar hino nacional!!! ne estudaram em colégio particular!!!

adalberto 

© 2020   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço