Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Incêndio destrói loja de tecidos em Campinas

Fonte:|eptv.globo.com|

Um incêndio destruiu uma loja de tecidos e espumas na tarde deste sábado (5), no Jardim Santana, em Campinas. As chamas chegaram a 20 metros de altura. Toda a estrutura da loja foi destruída. O estabelecimento estava fechado quando o fogo começou e ninguém ficou ferido. Os bombeiros ainda não sabem quais foram as causas do incêndio.

Por volta das 16h, moradores do prédio ao lado escutaram estralos no estabelecimento, que fica na saída para Mogi Mirim. Testemunhas que trabalhavam em outros estabelecimentos da Rua Anita Moredisson viram algumas telhas estourando e o fogo aumentando. Curiosos se aglomeraram nas proximidades do acidente e o trânsito ficou lento na região.

Pelo menos três carros do Corpo de Bombeiros foram usadas no combate às chamas, que demoraram uma hora e meia para ser controladas. Um helicóptero da Polícia Militar sobrevoou a área. A preocupação dos bombeiros era referente ao risco de desabamento da fachada da lojas.

No início da noite, integrantes da Defesa Civil estavam no local para avaliar a estrutura danificada da loja.

Exibições: 113

Comentar

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Comentário de Textile Industry em 6 setembro 2009 às 18:35
Incêndio destrói comércio de tapetes e tecidos
Bombeiros precisaram de duas horas para controlar o fogo; já no Cambuí, botijão de gás explode em cozinha

Um incêndio destruiu a loja Armazém Tecidos, ontem (5/9), na Rua Bento Arruda Camargo, no Parque São Quirino, próximo à saída para Mogi Mirim, em Campinas. O fogo começou por volta das 16h e só foi controlado pelo Corpo de Bombeiros após duas horas. A estrutura do comércio, que vende tapetes e tecidos, corria o risco de desabar até o fechamento desta edição. “A loja fechou ao meio-dia e nenhum funcionário estava no local na hora do incêndio”, disse Genaldo Apolinário Ferreira, de 36 anos, segurança da rua.

Foi o segurança quem avisou aos proprietários. Um estava na praia e o outro em Indaiatuba. Os donos do estabelecimento só chegaram quando o fogo estava controlado e não quiseram conversar com a imprensa. Os outros lojistas da rua disseram que o comércio de tapetes funciona há pelo menos seis anos no endereço. Peritos do Instituto de Criminalística (IC) estiveram no local e a Defesa Civil também foi acionada. “Agora, vamos precisar da perícia para saber a causa do incêndio”, disse o bombeiro Fábio Pedron.

A ação envolveu 20 bombeiros, fiscais da Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec), técnicos da CPFL Energia, além de homens das polícias Militar e Civil. A principal dificuldade foi isolar a área para que o fogo não chegasse até o comércio vizinho e imóveis do entorno. “O moradores foram removidos das casas ao lado até o fogo ser controlado e agora não existe risco tanto para a estrutura da loja, quanto para o comércio”, disse Pedron.

A rua concentra um grande número de lojas de móveis. Dezenas de moradores do bairro acompanharam, preocupados, a ação dos bombeiros.

Cambuí

Dois carpinteiros — Erivaldo Evangelista, de 33 anos, e José da Paz, de 56 — que moram no alojamento de uma obra na Rua Santa Cruz, ao lado da sorveteria Sonho de Verão, no Cambuí, preparavam o jantar quando o botijão de gás explodiu, ontem à noite. Os dois conseguiram escapar sem ferimentos, mas, com a casa em chamas, moradores e comerciantes do local ficaram assustados
Comentário de Textile Industry em 6 setembro 2009 às 13:57

© 2020   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço