Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano X

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano X

Inovação e sustentabilidade são realidade para as empresas da Maquintex 2017

Tecnologia, soluções sustentáveis, inovação e menor tempo de produção. Estas foram as palavras-chave da Maquintex 2017, realizada entre 3 e 6 de outubro, no Centro de Eventos do Ceará, em Fortaleza (CE). A feira, que é promovida pelo Grupo FCEM, divide espaço com os eventos: Signs Nordeste – para equipamentos de impressão digital, e Femicc – de máquinas para a indústria Coureiro-Calçadista.  De acordo com a empresa promotora da iniciativa, durante os quatro dias circularam em média 12 mil visitantes no local para conhecerem mais de 480 marcas. Além disso, foram organizados debates, palestras e workshops sobre os mais variados assuntos estratégicos.

Maquintex contou com programação paralela de talks, como o Denim Meeting, promovido pelo Guia Jeanswear

Pensando em facilitar a operação, diminuir tempo de manufatura e melhorar indicadores de sustentabilidade, a Silmaq apresentou duas soluções para confeccionistas do segmento de denim. Uma delas é a “Detoner”, trata-se de uma máquina que realiza a customização de peças jeans no efeito rasgado sem uso de água e/ou agentes químicos. “A grande vantagem é o custo-benefício, a baixa geração de resíduos, a rapidez e a facilidade de manuseio”, afirma Gilberto Oliveira, responsável técnico e de vendas de lavanderia da empresa. Outra grande inovação da companhia é a “Wizard”, capaz de realizar a estonagem em denim e malha com zero uso de água. A inovação é pioneira no mercado brasileiro e traz sustentabilidade e menos custos. “Em torno de 45 minutos você consegue estonar roupas com a economia de 98% de água, tempo e produtos químicos. Sem contar que não é necessária a licença ambiental para o uso desta solução. Já que ela não gera resíduos líquidos, apenas pó e em uma quantidade irrisória”, explica Oliveira.

Gilberto Oliveira posa ao lado da Wizard que já conta com fabricação nacional 

A preocupação com recursos naturais também está na mira da Irmão Perfeito. Desde que mudou seu parque fabril para a cidade de Jundiaí (SP), há três anos, a fabricante de acessórios de moda tem desenvolvido programas de responsabilidade socioambiental. “Criamos uma estação de tratamento de água e estamos nos aprimorando para conseguir um selo verde. Temos certeza de que esta certificação nos trará bons resultados. Além disso, estamos trabalhando em uma instrução municipal para que as escolas possam realizar visitas que proporcionem o conhecimento da água de reúso. Isso vai fazer com que os jovens tenham uma visão diferente do meio ambiente”, destacou Walter Perfeito, diretor da indústria.

De acordo com Walter Perfeito (foto), a cidade de Jundiaí tem tratado 90% da água utilizada 

Já a Roq International conta com uma opção que auxilia o gargalo de estamparia e aumenta a rapidez no processo fabril. A Roq Print You P18XL otimiza custos, com menos desperdício de tinta e diminui a empregabilidade de mão de obra. “Com este equipamento são necessárias uma ou duas pessoas para operacionalizar a máquina que chega a produzir até duas mil peças por hora. Enquanto outros semelhantes exigem oito funcionários para a fabricação de 370 itens por hora”, revela Antonio Coelho, responsável técnico da Roq.  Porém ele ressalta que a inovação necessita de profissionais capacitados para que alcance a capacidade total. “Temos clientes que estampam 14 mil artigos por dia, mas isso só é possível, porque contam com pessoas que sabem manipular e explorar a máquina da melhor maneira”, completa.

Reprodução do equipamento Roq Print You P18XL, capaz de estampar até 14 mil peças por dia

Ainda no âmbito da importância de treinamento para melhor uso das tecnologias, a Global Química em parceria com a Epson criou um programa de incentivo de inovação para pequenas empresas. Felipe Simeoni, gerente de Marketing da Global Química, explica a estratégia. “ Entendemos o desafio que a fabricante terá com a aquisição do equipamento Epson. Para ajudá-los, a fabricante de impressoras instala a máquina e treina a equipe. Depois disso, nós fornecemos três horas de cortesia de consultor técnico para tirar todas as dúvidas e estimular a pensar em novas ideias para o negócio. Para finalizar, como este pequeno empreendimento já tem um investimento alto, o primeiro suprimento de coloração fica por conta da Global, como uma aposta nesta mudança de cultura”, garante.  O projeto permite ainda o parcelamento diferenciado, oferece e-books e um vale compra de mil reais.        

Felipe Simeoni, gerente de Marketing da Global, que tem apostado no mercado de impressão digital para economia de recursos hídricos e outros

Para o Diretor Presidente do Grupo FCEM, Helvio Pompeo Madeira, o papel da feira é levar mais do que tecnologia de última geração. É necessário também que as empresas e os trabalhadores estejam qualificados para explorar a maior competência destes equipamentos. “Um dos motivos de investirmos em uma programação com vasto conteúdo é de que sempre ouvimos de vários expositores que não existem profissionais que saibam operar estas máquinas.  É vital essa qualificação para o desenvolvimento da região” ressalta.

Helvio Pompeo Madeira reconhece a necessidade da inovação

Ele ainda completa: “A indústria necessita desta inovação. Cada vez temos que produzir mais com um custo menor. Você precisa de uma empresa enxuta, rápida que desenvolva lançamentos sempre. Os investimentos são necessários e a informação é importante para uma renovação em massa”.

O evento contou com o apoio da Abit, que recebeu uma condecoração pela atuação em 60 anos de trajetória. A homenagem foi entregue ao conselheiro da Entidade, Ivan Bezerra Filho, que expressou sua satisfação. “Estamos muito felizes com essa comenda. A indústria têxtil e de confecção é uma das maiores geradoras de emprego do País. Temos que reconhecer também o trabalho da FCEM, porque fomenta a indústria e os negócios da cadeia têxtil”, comentou.

Helvio Pompeo Madeira (à esq.) e Ivan Bezerra Filho (à dir.) durante entrega de homenagem à Abit 

A próxima edição da Maquintex já tem data marcada: acontece entre 10 e 13 de setembro de 2019, também no Ceará. Até o momento, 50% dos expositores renovaram a participação na feira bienal, segundo a FCEM. 

*Crédito das imagens: Marcelo Rolim

http://www.abit.org.br/noticias/inovacao-e-sustentabilidade-sao-rea...

Para participar de nossa Rede Têxtil e do Vestuário - CLIQUE AQUI

Exibições: 27

Comentar

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano X para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano X

© 2017   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço