Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Malharias de Imbituva apostam em central de negócios

Fonte: |paranashop.com.br|

A região de Imbituva é uma das mais conhecidas do País ligada à produção de malhas e, recentemente, se tornou famosa por um exemplo de empreendedorismo que já está trazendo bons resultados. Uma iniciativa dos empresários, que contou com o apoio do Sebrae/PR, deu origem a uma central de negócios ligada ao Arranjo Produtivo Local das Malharias (APL) de Imbituva.

A central de negócios, que funciona há mais de um ano, tem o objetivo de estimular a cooperação entre as pequenas e médias empresas de produção de malhas da região. A central atua como um órgão de redução de custos na compra de insumos, que não seriam concedidos aos compradores separadamente, com encomendas menores. Hoje, a central reúne 39 das 42 malharias existentes na região, contando com treinamentos e consultorias constantes ligadas ao empreendedorismo, realizados com frequência pelo Sebrae/PR e entidades parceiras.

A partir da central, são realizadas compras de aviamentos e vendas em conjunto, diminuindo os custos de frete, além da contratação de serviços especializados e da realização de ações de marketing para todas as malharias de forma única, proporcionando menores custos às empresas e aumentando a competitividade entre as fábricas da região.

Segundo o coordenador da central de negócios da Associação das Malharias de Imbituva, Leandro Andrade, a importância do trabalho da central de negócios, além das facilidades em termos de negociação, se destaca pela troca de informações e novidades do setor entre as empresas participantes. “Mesmo com a crise externa, as malharias de Imbituva continuam investindo em tecnologia e formas de diminuir o valor do produto levado ao consumidor final. Além disso, somente neste ano, três novas malharias entraram em atividade na região, desenvolvendo a economia local e estimulando a criação de cada vez mais empregos diretos e indiretos.”

O trabalho do APL é estimulado pelo acompanhamento do Sebrae/PR, que atua com visitas periódicas para monitoramento em conjunto com os empresários do projeto, visando manter o foco dos empresários em aprimoramento constante. “O início do trabalho do Sebrae/PR foi marcado pelo desenvolvimento da organização mútua dessas malharias, criando uma relação de confiança entre elas. Agora, trabalhamos no planejamento estratégico, prestando consultoria nas áreas financeira e de marketing, apontando tendências de cores, tamanhos, fibras, fios, tecnologia têxtil e técnicas de confecção, além de fornecer dicas para a linha de produção atuar focada no mercado consumidor”, explica Gilberto Keserle, consultor do Sebrae/PR em Ponta Grossa.

Para um futuro próximo, os empresários das malharias de Imbituva apostam nas exportações como uma forma de aumentar sua produção, que hoje é destinada apenas à moda inverno, ou seja, a quatro meses do ano. “Se pudermos atender à demanda do inverno europeu, dobraremos nossa produção e teremos vendas garantidas para o ano todo”, conclui Andrade.

Fonte: jornalismocuritiba@savannah.com.br

Exibições: 25

Comentar

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

© 2020   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço