Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

SONHANDO NO MUNDO DA LUA:

 

Grande Artigo Aparecida:

E você bateu com o martelo, no final dele, bem na cabeça do prego: A PRODUTIVIDADE!

Os Chineses estão muito mais bem preparados em tecnologia do que nos. Nosso investimento em EDUCACÃO é FESES. Sem educação seremos para sempre uma REPUBLICA DE BANANAS, um vendedor de Minério de Ferro e importador de torneirinhas; um vendedor de petróleo e importador de pet ou plásticos.

Sim necessitamos de maior produtividade, mas para martelar este preguinho ha uma sequência de outros:

1-PRECISAMOS NOS EDUCAR, À TOQUE DE CAIXA E RAPIDAMENTE. Do contrario seremos uma feliz e quase prospera Bangladesh, estaremos felizes num cubículo pintadinho, de lajotas e vivendo numa favela pacificada;  satisfeitas com futebol, assistindo o Fantástico e com uma ”cachacinha acompanhada por uma loura suada” sentados em cadeiras vagabundas e a mesas amarelas de plástico. Este item "educação" é URGENTE.

2-PRECISAMOS  REEQUIPAR TODO O NOSSO PARTE INDUSTRIAL e utilizar os técnicos dispersos pela ROBOTIFICACAO em outras indústrias. Ha sede desses técnicos – e de mais ainda.

 3-PRECISAMOS TRAZER TECNOLOGIA AO BRASIL. Você sabia que grande parte da INTELIGENTZIA da indústria de sapatos e couro do RG está agora NA CHINA?


4-PRECISAMOS produzir PORCARIA BARATA para a emergente e consumista Classe Media brasileira. Serio: Flores de plástico, quinquilharias, óculos vagabundos e toda a gama de produtos vendidos na Rua 25 de Marco, POIS PARA ESTES SUBPRODUTOS há um mercado imenso de compradores. Comprando porcaria da China, o dinheiro vai para China. Comprando porcarias verde-e-amarelas ele e aplicado aqui, e EMPREGO CRIADO e balanço positivo na balança de Importação – Exportação. Depois, ganho este mercado, ai poderemos fazer um upgrade em direção à qualidade melhor desses produtos.

5- Para a classe A, que viaja para NY, LAX, Paris, ROMA, USA para suas comprar de eletrônicos e produtos diversos mais finos, precisamos produzi-los COMPETITIVAMENTE no Brasil, com tecnologia DE PONTA (televisões a plasma, perfumes internacionais, computadores baratos e de qualidade. Marcas de grife “Made in Brazil”, etc) e MENOS IMPOSTOS. Necessitamos de ter esta tecnologia aqui o mais rápido possível, incluso a indústria de lapidação de diamantes e beneficiamento do ouro.

6-PRECISAMOS PAGAR MENOS IMPOSTOS. E também que nossa gente eleita ROUBE COMEDIDAMENTE. Já não sou ingênuo de esperar honestidade no Brasil, mas por meio deste começo uma singela campanha de STICKERS de para-choques dizendo: Políticos e Funcionários Públicos: “SEJEM PATRIOTAS: ROUBEM COMEDIDAMENTE”.

7- PRECISAMOS DE TERMINAR ESTA CHANCHADA de ter a indústria privada fazendo o PAPEL SOCIAL que devia ser feito pelo Governo, com o dinheiro que nos pagamos para tal por meio de impostos. O que resulta nesta tributação esfomeada as indústrias - e esperar que eles façam grande parte da imensa e generosíssima obra social do governo? Um exemplo para ilustrar isto: Uma firma paga salario por vários meses, para uma funcionaria dar a luz e amamentar o filho. Nobre. Muito nobre. Mas é um exemplo do orgasmo governamental com o uso de uma genitália alheia. Em que resulta isso? Resulta em desemprego para mulheres que estariam sendo empregadas se não existissem essas benesses extensas, - com o dinheiro do empreendedor... Muita tributação e muita exigência social da Indústria resultam em subempregos e o funcionário se “rebentando” muito mais em ter um segundo trabalho e ser forcado a fazer “bicos” no final de semanas para complementar um nível de vida digna. Não precisamos de um sistema ESCRAVAGISTA e TIRANO como o da China com os nossos empregados. Nem do sistema Capitalista Selvagem da América. Mas precisamos nos posicionar se queremos uma nação SOCIALISTA ou CAPITALISTA, e não ficar na esquizofrenia do “entre os dois”.

Necessitamos apertar o pouco o cinto de nossa ética de trabalho porem fazer com que os nossos trabalhadores se SINTAM RECOMPENSADOS financeiramente pelo fruto de mais trabalho árduo, com menos férias, menos encargos sociais e mais dinheiro no bolso para pagar o que eles necessitam e com menos necessidade se segundos empregos e  “bicos” - e vivendo com mais abundancia e dignidade financeira.

8-NECESSITAMOS AUSTERIDADE NO GOVERNO: Como e possível um deputado aumentar imensamente os seus salários  como o fizeram recentemente? Como a permissão de quem? Deles mesmos?  Se essa for a resposta ha algo muito errado no sistema e isso TEM QUE SER MODIFICADO. Deputados não podem ser DITADORES NO QUE TANGE AS SUAS CONVENIENCIA! Eles devem responder como cidadãos de um país democráticos, devem ser questionados, devem ser julgados - e recompensados - como nos. Eles são tão cidadãos e sujeitos a constituição como você e eu. E se a Constituição permitir estes disparates cabe a nós a MODIFICA-LA, por meios democráticos, e cuidarmos bem de quem nós elegemos a cargo publico.

9-TUDO ISTO DITO ACIAMA SERA MERA QUIMERA – Se não cuidarmos da EDUCACAO FORMAL, DA CIDADANIA, DO CONCEITO DE DIGNIDADE de nossos cidadãos. Ninguém pode estar numa situação de ter que prostituir filhas (os) ou a si própria (o), de vender votos por camisetas ou cestas básicas. Devemos exterminar e INDÚSTRIA DA FOME, DA IGNORANCIA, DA SEDE, DA DESINFORMACAO E IGNORANCIA que prevalece nas usinas do Nordeste e em outras áreas do Brasil. Acabemos com tantas  "Casas Grandes e Senzalas"  que ainda existem por ai.

10-CONCEITO PROFUNDO DE CIDADANIA: Eh o de saber quem eh o boi e que eh a carreta. Temos que saber muito bem, por exemplo, que um piloto de avião eh um mero motorista de ônibus alado e que “anda” rápido. Com todo o respeito, ele é o ”motorista” e eu, o cliente: que sento ATRAS lendo jornais, enquanto ele me “dirige”. Ele é meu funcionário. Sem minha passagem ele estará desempregado. Ai é saber onde anda o boi e onde está a carreta.

Deputados, Senadores, Ministros, Vereadores e até o Presidente são os NOSSOS EMPREGADOS. Eles vivem como vivem por NOS O POVO demos a eles o cargo, por meio do voto.  Mais isto nunca será entendido enquanto houver a  indústria de DESINFORMACAO, A DESEDUCACAO, A DA FOME, A DE VOTO DE CABRESTO, etc., e estes "campos de concentrações de mentes" de brasileiros humildes, hoje ainda existente, eh  o que emperra e emperrara o nossos País.

Finalmente atrás da tão decantada PRODUTIVIDADE tem uma serie de temas de base que devera ser abordado pela nossa Presidenta e isto será uma obra HERCULEA: Trocar a cultura e a subjugação de cidadania que existe há séculos.

Sem querer desmerecer o Presidente Lula, sabemos que ele foi possibilitado de concluir o seu mandato com muito êxito devido muito ao MOMENTO ECONOMICO GLOBAL. e o fato de nos termos uma economia razoavelmente estável no começo de seu mandado E DE SERMOS UM PAĺS CONTINENTAL E RICO.

Agora cabe a Presidente eleita a Sra. Dilma Rousseff, com uma grande experiência sociológica e tendo conhecido de perto a REPRESSAO, cabe a ela assinar a carta de alforria desta massa oprimida. Cabe a ela por ORDEM NA CASA, EXIGIR que o dinheiro publico, seja gasto com o povo, diminuir os excessos de Brasília e por um BASTA, um fim, as estas disparidades sociais, que travam a nosso indústria, o nosso poder de competição: que tiram a nossa dignidade como povo e não deixa sermos animais pensantes e não-alienados. E esta será uma tarefa mais do que Hercúlea.

Se houver reformas nessa área, ainda que velho, deverei viver para ver a nossa nave espacial pousar em marte ou pelo menos na lua.

Se não houver uma atitude drástica contra o despotismo politico acima mencionado, seremos nação VASSALA, uma REPUBLICA DE BANANAS e eu deverei morrer AINDA SONHANDO com um Brasil melhor para os meus tetranetos, e talvez estando ainda no mundo da lua.

Exibições: 107

Comentar

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Comentário de Sam de Mattos em 22 dezembro 2010 às 19:55

Obrigado Luiz pela corroboracao. Eh mesmo a Reforma de Base, tao declamada em sonetos e prosa, mas  - como dissestes - nunca nem comecada. Pouco adiantara no computo geral o aumento de nossa produtividade, se nao limparmos o prostibulo e colocar um plantel de "entendidas" com uma nova mentalidade. O problema do Brasil eh endemico e secular. Exempli Gratia (e.g.), : Ha uns anos atras, apos observar um grupo de gente -bem-  humilde reclamando sobre o tema de Cesta Basica e eleicao, perguntei, com geitinho, a um senhor "o que ele achava de 'vender' o seu voto por uma cesta basica". A reposta veio firme: "Moco, dah ateh raiva! O diabo da cesta veio com oleo veio, feijao duro, macarrao condenado e ainda por cima o arroz veio cheio de 'marinheiro'". A dura penas descobri que "marinheiro" era o nome de um inseto que infesta o arroz velho. Agora, falar de PRODUTIVIDADE sem essa tao almejada Reforma Profunda de Base, e soh trabalhar na ponta do iceberg. Obrigado pelo comentario, e vindo de ti, eh lisonja. Semper Fidelis, SdM.

© 2019   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço