Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

"O Brasil se transformou em um desaguadouro da China, por conta da queda da demanda nos Estados Unidos e Europa", diz Aguinaldo Diniz Filho

Fonte:|br.noticias.yahoo.com|

Crise vai favorecer país asiático
Com a crise, a China vai ganhar mais espaço no Brasil nos setores em que é muito competitiva, como vestuário e calçados. A produção brasileira de vestuário caiu 13,6% de janeiro a maio em relação a igual período de 2008, enquanto a quantidade importada da China cresceu 41,6% no primeiro semestre.

"O Brasil se transformou em um desaguadouro da China, por conta da queda da demanda nos Estados Unidos e Europa", diz Aguinaldo Diniz Filho, presidente da Associação Brasileira da Indústria Têxtil (Abit). Em calçados, a produção brasileira recuou 17,6% de janeiro a maio. As importações chinesas também caíram no semestre, mas o ritmo foi menor: 7,8%.

No entanto, a fatia da China no consumo total do Brasil vai diminuir. A produção industrial do País caiu 13,9% de janeiro a maio em relação a igual período de 2008, e a quantidade importada da China cedeu 26,8%. Fernando Ribeiro, economista da Funcex, ressalta que alimentos e veículos sustentam a indústria e, nesses segmentos, a participação da China é restrita. As informações são do jornal O Estado de S.Paulo.

Exibições: 17

Comentar

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

© 2020   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço