Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

DIRIGINDO E PENSANDO:

“O MURISTA”: Claro, o mundo necessita de Nerudas, Gabriel Marquezes, Marxes. Nietscheses, Napoleões, Jesuses, Moiseses, Freuds de Zecas Papodinhos, de Picassos, Monets e de Rembrandts e etc.. Essas diferentes formulas de (pó celestial) + (evoluções) + (culturas) + (sem lá o que), fazem a salada da humanidade mais interessante. E essa complexa formula de variedades é o que faz o bicho homem tão interessante e diversificado.

Porem, entre os componentes do Circo da Vida, existe um tipo exótico, figura estranha, que eu chamo de “Murista”: O Murista é um bicho inteligente, calculista e perigoso. Tem como meta nunca se comprometer e estar sempre de bem com todo o mundo - e são sempre encontrados empoleirados num muro.

O “Murista” sempre está “numa boa”, com poucos desgastes e cheio de “amigos”. Os Muristas geralmente andam esquizofrenicamente em paz consigo mesmos e longe e acima dos conflitos históricos, contemporâneos e humanitários.

O murista não é um mero oportunista, um experto em sobrevivência um bicho de pulo certo. Mais do que isso, além de oportunista o Murista e um pavão, um camaleão, um narcisista, um falso, um covarde e manipulador perigoso.

O Murista não opina: Como um cachorro a procura de um poste ou muro para fazer xixi, ele levanta a cabeça, abana o rabo e cheira o ar – e escolhe o muro ou poste certo... Os muristas tem faro apurado: Parecem até notarem os postes e muros onde outros cachorros maiores e perigosos fazem xixi – e os evitam, pensando: “Esse território é perigoso”.

O Murista tem poucas cicatrizes, seus fundilhos são incólumes, tem todos os dentes - geralmente “ortopedizados” e brancos, pois o Murista precisa sorrir a todos, com os dentinhos parecendo marujos enfileirados de uniforme branco em convés de fragata chegando ao porto.

O Murista é diferente do tímido: O tímido não se expõe pela sua timidez ou senso de incompetência; já o murista é um exibicionista: está sempre no alto do muro, jogando flores e beijos (a ambos os lados), falando coisas belas (e inócuas), vestido a rigor para ser notado.

O Murista nunca “mija fora do pinico”: Nunca fala besteira (não fala nada), nunca se expõe, nunca está certo, mas também nunca tem que se retratar, dizer que errou e pedir desculpas.

O murista tem um sistema de GPS como o dos pombos e tartarugas (que dizem estar localizado no bico) e também semelhante aos dos tubarões e salmões (localizado acima da boca), mas o sistema de GPS dos Murista esta localizado no rabo. A qualquer troca de ventos ele pura para o lado que julga certo, não muito longe do muro, e cola o seu GPS de encontro ao muro. Sim, o murista é muito anal, em sua localização, proteção - e “retentivamente anal” (Anal retentive) em suas pouquíssimas opiniões.

O Murista não é um Esteta. Nem um artista. Nem um intelectual. Nem um pensador. O murista é um de “Araque”. Um incompetente, um egoísta, um covarde, um oportunista, um “Brutus”, que deve ser sempre desmascarado por ser um bicho perigoso que se mascara de afável e mantem uma patina de amante do belo.

Um Murista esta sempre com um punhal em suas veste para enfiar nas costas de alguém ao se sentir ameaçado.

O Murista é vil, mas se disfarça de nobre. E um bobo, mas com áurea de sábio. Finge escutar, mas nada retém. O murista e um Narciso, disfarçado de estatua da liberdade – ou do “Pensador de Rodin”.

Os Muristas não são frios nem quentes. E nessa – e em muitas outras – concorro com o “Fuzileiro Naval” Paulo de Tarso: Merecem ser em vomitados para fora de nosso sistema.

Exibições: 198

Comentar

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Comentário de julio cesar de souza em 31 agosto 2013 às 7:04

 "TERIA O CONGRESSO NACIONAL UM MURO MAIOR QUE O DA CHINA

  PARA ACOMODAR TANTOS MURISTAS ???"

© 2019   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço