Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIV

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIV

Indústria Têxtil Não Sofre Com Desindustrialização, Diz ABVTEX

SÃO PAULO - A ABVTEX (Associação Brasileira do Varejo Têxtil) afirmou, nesta quinta-feira (5), que a indústria de confecções não tem sofrido com a desindustrialização. A declaração foi dada em decorrência da manifestação realizada esta semana por setores industriais e entidades sindicais, em São Paulo.

De acordo com a associação, ao analisar as importações do setor têxtil, percebe-se que, entre 2006 e 2010, a produção de confeccionados, em volumes, cresceu 24,3%. Em valores, o crescimento foi de 93%.

“Ou seja, as importações não inibiram o crescimento industrial de confecções. No entanto, o crescimento industrial ocorreu de forma mais lenta que o consumo, que passou a ser suprido pelos produtos importados, a fim de evitar o desabastecimento e uma pressão inflacionária”, disse, em nota.

Manifesto contra a desindustrialização
A manifestação aconteceu na última quarta-feira (4) em frente à Assembleia Legislativa paulista. Participaram do evento entidades como Fiesp/Ciesp (Federação e Centro das Indústrias do Estado de São Paulo), UGT (União Geral dos Trabalhadores), CUT (Central Única dos Trabalhadores), Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, entre outras.

Em manifesto assinado pelos representantes, inclusive das empresas, eles afirmavam que a “desindustrialização não se iniciou nos últimos anos, mas vem se intensificando desde 2008”.

Além disso, as entidades declaram que a redução no desempenho da indústria coloca o País “em uma situação perigosa e vulnerável, com dificuldade de gerar empregos de qualidade e salários decentes para as presentes gerações e para as vindouras”.

Fonte:|http://www.infomoney.com.br/atividade-economica/noticia/2393880-ind...

Exibições: 1352

Responder esta

Respostas a este tópico

Jonatan Schmidt   + ABVTEX  E OUTROS QUE SE DOEREM,,....


a)  Jonatan...vc nao sabe diferenciar fibra sintetica, artificial, natural,  etc...etc....vc é incapaz!!!!

b) Brasil grande exportador de seda???? vc bebeu muito para comemorar a Pascoa...vc nao sabe o que fala!!!! a china é o maior produtor de seda do mundo!!!! inclusive ""matou "" o pessoal  do norte da Italia, que eram especializados  em produção artesanal!!!alias até  o japão que já foi um grande produtor de seda!!!! por pura ignorancia e falta de conhecimento tecnico ,  vc ""confunde"' a seda artificial ( rayon viscose, rayon acetato e rayon cupramonio ) com a seda natural!!!É DIFERENTE!!!!!!

O bRASIL JÁ EXPORTOU ESTE ANO + DE 1 MIL DE TON DE ALGODÃO....a seda é porcariada...é merreca.....!!!! e para se tornar viavel seu custo, é necessario  misturar com outras fibras ( artificial de origem celulosica a qual chamamos de rayon viscose  e cortada para se fazer um fio fiado!!! ) e mesclar com um  % minimo de seda natural, apenas para diferenciar  e agregar preços!!!! para variar vc continua somente a falar abobrinhas!!!

c) tecidos fabricados com fibras sinteticas, são mesclados normalmente, com fibras naturais , para dar ""equilibrio e conforto""....principalmente em absorção de umidade + e equilibrio térmico, para nao se tornarem ""quentes"' demais!!!! apesar de importar e confeccionar o famoso ""oxford e microfibras de poliester.  eu somente utilizo terno com misturas de pes/co ou pes/cv exatamente por este motivo. alias vou enviar para seu e-mail particular a classificação de fibras texteis, bem como suas caracteristicas, desta forma vc deixará de tanto besteirol!!!!

d) vc tb ainda nao aprendeu o que significa materia prima!!!!!! tecidos nao é materia prima!!!! mas segue a definição do Aurelio MATÉRIA PRIMA : A substância bruta principal e essencial com que é fabricada alguma coisa!!!!! 

segue exemplo
algodão qdo é colhido : é materia prima , o resto é apenas produtos de cada processo!!! 

petroleo bruto : matéria prima, que durante seu refino se obtem inumeras produtos, inclusive texteis, porem já é um produto originario da materia prima do petroleo!!!!!! entendeu a diferennça???????????nao é tão dificil!!! com um pouco de esforço vc chega lá....caso necessite de ajuda, estou à disposição!!!

e) vestuario de grife internacional X vestuario  de inverno......( térmico????)  vc já viu grife com roupa de inverno???? existe!!!!!nao sabias????

somente a titulo de curiosidade, a lã,(  que é uma fibra natural de origem animal) é um isolante térmico!!!!devido seu custo elevado, criou-se o acrlico, que pode apresentar toque  aspero ou macio que é o preferido do sul americano....mas é uma ""imitação"' da lã,  apenas para baratear e fazer tecidos mais leves., entre outros. por ser termico ela pode tb proteger do calor, e é utilizado pelos beduinos no deserto, durante o dia que a temperatura chega por volta de 50ºC  e a noite que chega até a 10ºC negativos!!! usa-se a lã!!!! sabia disto???

a lã tb , depois de tosquiar o carneiro, ela é materia prima, mas a partir do momento que sofre a lavagem pelo Leviatan, passa a ser um produto!!!! pois já sofreu processo!!!!!! dá para entender??? faça um esforço por favor!!!!nao é tão dificil!!!!

f) nao diga que nao temos qualidade em nossa materia prima!!!! vc nada conhece tecnicamente!!!  HOJE temos importados sinteticos variaveis tipos que Nao são fabricados no Brasil, mas na epoca que nao se importava nossa qualidade era excelente!!! apenas deixamos de ser competitivos devido à merda de globalização + a falta de escrupulos de inumeros industriais que resolveram fechar empresas e fazer negocios da china!!!!baita falta de patriotismo!!!! gerar empregos em outros paises á custas de nossa miséria!!!! NAO TEMOS ISONOMIA!!!!

vc nao conheceu a RHODIA, CELANESE, SAFRON TEIJIN, HOESCHET entre outras, que poroduziam um excelente filamento e fibras sinteticas....simplesmente acabaram em função da importação a preço de banana barata .....e foram grupos estrangeiros que investiram pesado no Brasil!!! a medida que sucumbiram no exterior, acabopu-se tb no Brasil!!! portanto nao tivemos a oportunidade de continuarmos a evoluir , apesar dos pesados investimentos que estas empresas fizeram no Brasil!!!!! em função apenas das importaçoes nocivas!!!!

g) outra asneira que vc diz:  """" Acho um ABSURDO importar, sem criterios serios,  MAQUINAS USADAS para equipar as industrias brasileiras. Até bem pouco tempo atrás, era comum a importação de teares com 5 anos de uso... Ou seja, depois que já tinha dado a sua vida util para os chineses, nós os comprávamos , às vezes com dinheiro subsidiado pelo BNDES e quiase sempre com o beneficio do EX TARIFARIO... Hoje, estes industriais estão no oba-oba do importômetro.... Hipocrisia pura""""

veja Jonatan...sua falta de conhecimento no assunto é totalmente absurda e ridicula!!!!!!!!

- se importa maquinas usadas dos USA, e europa!!! nao da China!!!!!

- para teares NAO EXISTE  ex tarifarios, pelo menos desde 2001 !!!!

- o BNDS NUNCA financiou maquinas usadas!!!! o que pode ocorrer é de vc pegar $$$ do BNDS e fazer um jogo para aplicar em maquinas usadas, renovando o parque industriual

- qdo as importaçoes eram fechadas e carissimas, pois vc apenas trazia maquinas novas a um custo praticamente inviavel....portanto privilegio somente para grandes e poucas empresas...que depois de utilizarem por um determinado periodo, as vendia  no mercado interno substituindo os teares mais antigos

- a evoluçao de uma renovação de maquinario, nao permite trocar maquinas de ano 1970 para ano 2012!!!! isto tem que ser feito gradativamente, ou seja se troca por maquinas 15 anos mais novas, por exemplo....e depois de pagas, se troca novamente, e é assim o processo de evolução e atualização de equipamentos de qualquer atividade!!!! veja qto custa por exemplo um civic zero km e outro usado ano 2009 por exemplo!!!! vc começou seguramente por um fusquinha....e aos poucos foi progredindo, até chegar em um carro zero km!!!! esta é a evolução natural!!! da mesma forma as empresas!!!

- me admira vc querer falar  em  competitividade se nao há isonomia !!!!  o problema do Brasil é este !!!!!este é o problema de importação!!!!

- por favor nunca mais diga """"Hoje, estes industriais estão no oba-oba do importômetro.... Hipocrisia pura"""" pois vc nao é a pessoa capacitada para isto!!! alias vc não serve para avaliar merd...nenhuma!!!! tu  és um grande boçal!!!cretino, ignorante e sem conhecimento básico para emitir qualquer opinião!!!vc nao sabe o que é um empresa!!!!vc nao sabe o custo de um funcionário!!! vc nao sabe os encargos sociais de uma empresa!!! tú és apenas ""um presidente"" de uma associação de merda!!!!!!veja sim a hipocrisia de seu site!!!!fiques tranquilo, pois vc junto com este governo de merda, todos incapacitados e incoerentes, estão deixando um grande legado: MATAMOS A INDUSTRIA NO BRASIL!!!!!CONSEGUIMOS!!! QUE FAÇANHA!!!!PARABÉNS!!!!E VC PARTICIPOU...DEU A SUA PARCELA DE CONTRIBUIÇÃO!!!


Jonatan....parabéns pela sua racionalidade!!! parabéns pelo grande homem que vc é!!! mas vc sabe tão bem qto qualquer idiota, que ""legalmente"" vc ajuda a afundar este Brasil!!!!da nesna forma que ABVTEX e outras instituiçoes como ABIT.....somente confecções...o resto é merda!!!!

como nao posso te mandar a lugar algum...te mando apenas pentear macacos e plantar batatas!!!

adalberto - tel 19 9764 7960

e-mail: maxim_imp@terra.com.br

( que alias vc tem....) 


ps.: estamos te aguardando para uma palestra explicando as ""grandes vantagens "" de importar!!!!



adalberto oliveira martins filho disse:

Jonatan Schmidt   + ABVTEX  E OUTROS QUE SE DOEREM,,....


a)  Jonatan...vc nao sabe diferenciar fibra sintetica, artificial, natural,  etc...etc....vc é incapaz!!!!

b) Brasil grande exportador de seda???? vc bebeu muito para comemorar a Pascoa...vc nao sabe o que fala!!!! a china é o maior produtor de seda do mundo!!!! inclusive ""matou "" o pessoal  do norte da Italia, que eram especializados  em produção artesanal!!!alias até  o japão que já foi um grande produtor de seda!!!! por pura ignorancia e falta de conhecimento tecnico ,  vc ""confunde"' a seda artificial ( rayon viscose, rayon acetato e rayon cupramonio ) com a seda natural!!!É DIFERENTE!!!!!!

O bRASIL JÁ EXPORTOU ESTE ANO + DE 1 MIL DE TON DE ALGODÃO....a seda é porcariada...é merreca.....!!!! e para se tornar viavel seu custo, é necessario  misturar com outras fibras ( artificial de origem celulosica a qual chamamos de rayon viscose  e cortada para se fazer um fio fiado!!! ) e mesclar com um  % minimo de seda natural, apenas para diferenciar  e agregar preços!!!! para variar vc continua somente a falar abobrinhas!!!

c) tecidos fabricados com fibras sinteticas, são mesclados normalmente, com fibras naturais , para dar ""equilibrio e conforto""....principalmente em absorção de umidade + e equilibrio térmico, para nao se tornarem ""quentes"' demais!!!! apesar de importar e confeccionar o famoso ""oxford e microfibras de poliester.  eu somente utilizo terno com misturas de pes/co ou pes/cv exatamente por este motivo. alias vou enviar para seu e-mail particular a classificação de fibras texteis, bem como suas caracteristicas, desta forma vc deixará de tanto besteirol!!!!

d) vc tb ainda nao aprendeu o que significa materia prima!!!!!! tecidos nao é materia prima!!!! mas segue a definição do Aurelio MATÉRIA PRIMA : A substância bruta principal e essencial com que é fabricada alguma coisa!!!!! 

segue exemplo
algodão qdo é colhido : é materia prima , o resto é apenas produtos de cada processo!!! 

petroleo bruto : matéria prima, que durante seu refino se obtem inumeras produtos, inclusive texteis, porem já é um produto originario da materia prima do petroleo!!!!!! entendeu a diferennça???????????nao é tão dificil!!! com um pouco de esforço vc chega lá....caso necessite de ajuda, estou à disposição!!!

e) vestuario de grife internacional X vestuario  de inverno......( térmico????)  vc já viu grife com roupa de inverno???? existe!!!!!nao sabias????

somente a titulo de curiosidade, a lã,(  que é uma fibra natural de origem animal) é um isolante térmico!!!!devido seu custo elevado, criou-se o acrlico, que pode apresentar toque  aspero ou macio que é o preferido do sul americano....mas é uma ""imitação"' da lã,  apenas para baratear e fazer tecidos mais leves., entre outros. por ser termico ela pode tb proteger do calor, e é utilizado pelos beduinos no deserto, durante o dia que a temperatura chega por volta de 50ºC  e a noite que chega até a 10ºC negativos!!! usa-se a lã!!!! sabia disto???

a lã tb , depois de tosquiar o carneiro, ela é materia prima, mas a partir do momento que sofre a lavagem pelo Leviatan, passa a ser um produto!!!! pois já sofreu processo!!!!!! dá para entender??? faça um esforço por favor!!!!nao é tão dificil!!!!

f) nao diga que nao temos qualidade em nossa materia prima!!!! vc nada conhece tecnicamente!!!  HOJE temos importados sinteticos variaveis tipos que Nao são fabricados no Brasil, mas na epoca que nao se importava nossa qualidade era excelente!!! apenas deixamos de ser competitivos devido à merda de globalização + a falta de escrupulos de inumeros industriais que resolveram fechar empresas e fazer negocios da china!!!!baita falta de patriotismo!!!! gerar empregos em outros paises á custas de nossa miséria!!!! NAO TEMOS ISONOMIA!!!!

vc nao conheceu a RHODIA, CELANESE, SAFRON TEIJIN, HOESCHET entre outras, que poroduziam um excelente filamento e fibras sinteticas....simplesmente acabaram em função da importação a preço de banana barata .....e foram grupos estrangeiros que investiram pesado no Brasil!!! a medida que sucumbiram no exterior, acabopu-se tb no Brasil!!! portanto nao tivemos a oportunidade de continuarmos a evoluir , apesar dos pesados investimentos que estas empresas fizeram no Brasil!!!!! em função apenas das importaçoes nocivas!!!!

g) outra asneira que vc diz:  """" Acho um ABSURDO importar, sem criterios serios,  MAQUINAS USADAS para equipar as industrias brasileiras. Até bem pouco tempo atrás, era comum a importação de teares com 5 anos de uso... Ou seja, depois que já tinha dado a sua vida util para os chineses, nós os comprávamos , às vezes com dinheiro subsidiado pelo BNDES e quiase sempre com o beneficio do EX TARIFARIO... Hoje, estes industriais estão no oba-oba do importômetro.... Hipocrisia pura""""

veja Jonatan...sua falta de conhecimento no assunto é totalmente absurda e ridicula!!!!!!!!

- se importa maquinas usadas dos USA, e europa!!! nao da China!!!!!

- para teares NAO EXISTE  ex tarifarios, pelo menos desde 2001 !!!!

- o BNDS NUNCA financiou maquinas usadas!!!! o que pode ocorrer é de vc pegar $$$ do BNDS e fazer um jogo para aplicar em maquinas usadas, renovando o parque industriual

- qdo as importaçoes eram fechadas e carissimas, pois vc apenas trazia maquinas novas a um custo praticamente inviavel....portanto privilegio somente para grandes e poucas empresas...que depois de utilizarem por um determinado periodo, as vendia  no mercado interno substituindo os teares mais antigos

- a evoluçao de uma renovação de maquinario, nao permite trocar maquinas de ano 1970 para ano 2012!!!! isto tem que ser feito gradativamente, ou seja se troca por maquinas 15 anos mais novas, por exemplo....e depois de pagas, se troca novamente, e é assim o processo de evolução e atualização de equipamentos de qualquer atividade!!!! veja qto custa por exemplo um civic zero km e outro usado ano 2009 por exemplo!!!! vc começou seguramente por um fusquinha....e aos poucos foi progredindo, até chegar em um carro zero km!!!! esta é a evolução natural!!! da mesma forma as empresas!!!

- me admira vc querer falar  em  competitividade se nao há isonomia !!!!  o problema do Brasil é este !!!!!este é o problema de importação!!!!

- por favor nunca mais diga """"Hoje, estes industriais estão no oba-oba do importômetro.... Hipocrisia pura"""" pois vc nao é a pessoa capacitada para isto!!! alias vc não serve para avaliar merd...nenhuma!!!! tu  és um grande boçal!!!cretino, ignorante e sem conhecimento básico para emitir qualquer opinião!!!vc nao sabe o que é um empresa!!!!vc nao sabe o custo de um funcionário!!! vc nao sabe os encargos sociais de uma empresa!!! tú és apenas ""um presidente"" de uma associação de merda!!!!!!veja sim a hipocrisia de seu site!!!!fiques tranquilo, pois vc junto com este governo de merda, todos incapacitados e incoerentes, estão deixando um grande legado: MATAMOS A INDUSTRIA NO BRASIL!!!!!CONSEGUIMOS!!! QUE FAÇANHA!!!!PARABÉNS!!!!E VC PARTICIPOU...DEU A SUA PARCELA DE CONTRIBUIÇÃO!!!


Jonatan....parabéns pela sua racionalidade!!! parabéns pelo grande homem que vc é!!! mas vc sabe tão bem qto qualquer idiota, que ""legalmente"" vc ajuda a afundar este Brasil!!!!da nesna forma que ABVTEX e outras instituiçoes como ABIT.....somente confecções...o resto é merda!!!!

como nao posso te mandar a lugar algum...te mando apenas pentear macacos e plantar batatas!!!

adalberto - tel 19 9764 7960

e-mail: maxim_imp@terra.com.br

( que alias vc tem....) 


ps.: estamos te aguardando para uma palestra explicando as ""grandes vantagens "" de importar!!!!


Acho que ao precisaria,chegar ao cumulo,,de atingir a capacidade de ninguem,,e dificil,avaliarmos quem conhecede quem nao conhece,,da-se opinioes para provocar o debate,mas dentro da cordialdade,da sensatez e do equilibrio,,jaime martins pereira

Boa noite a todos!

A despeito de quem ou o que foi escrito, creio que o que precisa ser discutido à exaustão sejam possíveis sugestões e/ou soluções à grave crise do setor em que trabalhamos.  Sem dúvida, "partir" para provocações ou críticas mais veementes só desviarão ainda mais o foco da nossa discussão e missão.

Quem aqui sofre ou já não sofreu com os reflexos dos problemas que queremos e precisamos enfrentar? Porém, o grande vilão não é nosso amigo que se expressa aqui na rede ( seja quem for ), certo? Vamos priorizar o que o Sr Jaime destaca: cordialidade, equilíbrio e respeito ao discutirmos os problemas da nossa cadeia têxtil!

Abraços,

Juliana

Juliana

 

Em primeiro lugar, seja bem-vindo Sr. Jonatan Schmidt. Sem sombra de dúvida, encontrará por aqui um espaço bastante acalorado para discussões.

Descobrirá rapidamente que a maioria por aqui tem um lado: A INDÚSTRIA NACIONAL.

Digo-lhe que estamos em lados bastante antagônicos: Você defende importadores, eu a indústria nacional. Somos adversários, não precisamos ser inimigos.

Você menciona sobre "debates acalorados e sem a necessária racionalidade". Pergunto-lhe: Existe racionalidade - no sentido mais profundo da palavra - em economia??? Não! Racionalidade existe em matemática, nas ciências exatas.

Todos nós conhecemos as posições da Abitex e da Abvtex. Irracionalidade pura.

Você conhecerá nossa posição e certamente considerará uma irracionalidade pura.

O título da matéria em questão ilustra bem isso. Ao lê-lo perguntei-me: Em que planeta a Abvtex está?

Pois bem, assim é a economia. O que é racional para um lado nem sempre é para o outro.

A questão cambial certamente coloca o Brasil em total divergência com a China e tantos outros países.

O Brasil tem todas as mazelas possíveis, em questões econômicas inclusive. Mas é só o Brasil? Porque a Europa e os EUA passam por tamanha crise? Porque fizeram tudo certinho!?!

Notícia do dia: "Sony anuncia prejuízo de US$ 6,4 bilhões e demissão de 10 mil funcionários". A Sony tornou-se incompetente???

Não significa que eu não reconheça que as indústrias nacionais têm muito a melhorar. Que o Brasil precisa melhorar e muito o seu ambiente de negócios. Entretanto isso está a anos-luz de dizer que China e demais asiáticos são um poço de competência e eficiência, que jogam limpo no comércio internacional, que no Brasil só tem empresário incompetente e chorão, e dessa forma escancararmos nosso mercado a eles. Me poupe.

Aliás, jamais ousarei defender estados que sequer reconhecem o mais elementar dos direitos humanos: A LIBERDADE! Isso, por si só, já deveria ter um peso imenso em negociações que envolvem os países democráticos. É apenas a minha visão de mundo, que não enxerga apenas lucro.

O que dá dignidade é emprego e renda, não apenas preços baixos.

O resto é defesa de interesses ou conversa pra boi dormir.

JONATAN......entende a explicação de  BARON ?????? cada um tem seu nponto de vista , porem todos são unanimes em afirmar : SÃO CONTRA A DESINDUSTRIALIZAÇÃO!!!!!SOU CONTRA A IMPORTAÇÃO PREDATÓRIA , QUE DEVIDO AOS BAIXOS CUSTOS SIMPLESMENTE O EMPRESARIO DEIXA DE INVESTIR EM TECNOLOGIA  E PASSA A IMPORTAR!!!!  é um dos motivos tb , que nao se tem mais mão de obra especializada!!!!!!!

veja a entrevista  de Carlos Leitão, que é uma realidade!!! importamos acima de nossa necessidade, e sobretudo deixamos de criar empregos ( empobrecendo a nação ) mas como somos ""bonzinhos"" e ""idiotas"", pensamos apenas em auferir lucros altos e imediatos, de forma facil - (eu diria vil e desonesta- )deixando de exercer a função social  de uma empresa!!!!!!
se vc estudou administração básica, sabes disto!!!!



adalberto oliveira martins filho disse:

JONATAN......entende a explicação de  BARON ?????? cada um tem seu nponto de vista , porem todos são unanimes em afirmar : SÃO CONTRA A DESINDUSTRIALIZAÇÃO!!!!!SOU CONTRA A IMPORTAÇÃO PREDATÓRIA , QUE DEVIDO AOS BAIXOS CUSTOS SIMPLESMENTE O EMPRESARIO DEIXA DE INVESTIR EM TECNOLOGIA  E PASSA A IMPORTAR!!!!  é um dos motivos tb , que nao se tem mais mão de obra especializada!!!!!!!

veja a entrevista  de Carlos Leitão, que é uma realidade!!! importamos acima de nossa necessidade, e sobretudo deixamos de criar empregos ( empobrecendo a nação ) mas como somos ""bonzinhos"" e ""idiotas"", pensamos apenas em auferir lucros altos e imediatos, de forma facil - (eu diria vil e desonesta- )deixando de exercer a função social  de uma empresa!!!!!!
se vc estudou administração básica, sabes disto!!!!

Senhores, é obvio que o sr. Jonatan não detém conhecimento aprofundado da tecnologia têxtil mas o foco

de suas argumentações está no DESPREPARO EDUCACIONAL de nosso povo e não na polêmica das estruturas

das fibras, fios, tecidos. Não fabricamos MPTs nem em quantidade e nem em qualidade suficientes para enca-

rar a evolução nos materiais produzidos por nações que se dedicam ao ESTUDO das técnicas. O projeto SUAPE

que deverá ser iniciado, ainda este ano na produção das resinas, só chegará as fibras, filamentos e fios em

2015, e olhe lá, se as empreiteiras deixarem. Encararemos duas eleições até lá e os recursos podem VAZAR en-

tre nossos dedos por meio das NEGOCIATAS CONGRESSISTAS. Ora, senhores, agressões desmedidas por diver-

gências de opinião, as quais não percebo pois estamos lutando pela mesma causa, só MINARÁ nossos propó-

sitos. E a mencionada LIBERDADE, pela qual lutamos todos esses anos e  que agora vemos que a luta não foi

inglória pois nossa imprensa está mostrando a todos o que só alguns sabiam. Amigos, se não na profissão

mas na cidadania, devemos manter o equilíbrio pois a melhor forma de MINAR o inimigo é fazê-lo discordar

internamente e despropositadamente. É só o que eles(os vilões de nossa nação) precisão, ver nossas campanhas "DANDO ÁGUA"(AFUNDANDO) e não é preciso conhecimento tecnológico específico para tanto.

A propósito, ontem o J10, do Globonews, veiculou matéria bastante interessante sobre a elevação da pobreza nos EUA (veja através do link: http://g1.globo.com/globo-news/jornal-das-dez/videos/t/todos-os-vid...). A matéria conta, inclusive, a história de Marilyn, designer de tecido que chegou a ganhar R$ 14 mil/mês e que, com a destruição da cadeia têxtil lá, hoje está sobrevivendo em barraca instalada em bosque público.

Esse processo defendido pelos senhores da Abitex / Abvtex é o que privilegia e é incentivado pelos grandes grupos econômicos multinacionais e só serve para promover uma absurda concentração de renda e jogar a maioria em sub-empregos e miséria. O mundo não precisa disso e é por isso que lutarei até o fim contra a epidemia da miséria e da devastação social.



jaime martins pereira disse:

 Este ASSUNTO,da maxima importancia para o Pais,nao pode ser analizado,sob o priisma de que.acho,o achometro e quem,prejudica a nacao,,devemos ter numeros reais e realistas,para avaliar com absoluta fidelidade,as causas,desta desindustrializaca Sabemos que muitas industrias fecharam ,dando exemplo das que conheco,s.jose,tsuzuki,reprotextil,finorte,santista aracaju,aleste,parte de coteminas RN,fiacoes do RJ e SP,,,alem d eoutras que vivem cambaleando,graca a REFIS,PAES,e outras formas de tentar sobreviver...Noscustos,,energia,tributarios,maode obra e encargos,previdenciarios,transportes e,baixa eficiencia dos equipamentos,forcam-nos a tentar colocar nosso sprodutos no mercado interno.pois os brasileiros ainda,em funcao de relativa  redistribuicao da renda,e tambem,as esmolas.resultantes do bolsa familia,que,joga na vala comum,os preguicosos e incompetentes...Vejam bem que o governo,ao alocar recursos,para manter os pobres com rendade miseria,e obrigado,a reduzir investimentos,e conseguentemente,provovar o caos na infra estrutura..Hoje quem lucra com esta economia,sao as montadoras,,,inchando as cidades com carros,aumentando a crise de mobilizacao,as, telefonicas,com celulares(hoje o pobre,deixa de comprar um pao,paga pagar celular)e os  famosos bannqueros nacionais e internacionais,com esta elevada taxa de juros,vejam nossa divida interna 1,5 trilhoes,juros anais de quase 170 bilhoes..o que daria para fazer estes recursos,resolveria grande parte e problemas  estruturantes.OH BRASIL VELHO DE GUERRA,,porque sois assim,,um povo bom,ordeiro,se oferecermos educacao forcada atendem,,o que precisa,,BRASIL,, para decolar,,jaime martins perira

JONATAN......entende a explic,ação de  BARON ?????? cada um tem seu nponto de vista , porem todos são unanimes em afirmar : SÃO CONTRA A DESINDUSTRIALIZAÇÃO!!!!!SOU CONTRA A IMPORTAÇÃO PREDATÓRIA , QUE DEVIDO AOS BAIXOS CUSTOS SIMPLESMENTE O EMPRESARIO DEIXA DE INVESTIR EM TECNOLOGIA  E PASSA A IMPORTAR!!!!  é um dos motivos tb , que nao se tem mais mão de obra especializada!!!!!!!

veja a entrevista  de Carlos Leitão, que é uma realidade!!! importamos acima de nossa necessidade, e sobretudo deixamos de criar empregos ( empobrecendo a nação ) mas como somos ""bonzinhos"" e ""idiotas"", pensamos apenas em auferir lucros altos e imediatos, de forma facil - (eu diria vil e desonesta- )deixando de exercer a função social  de uma empresa!!!!!!
se vc estudou administração básica, sabes disto!!!!

BARON.... É DEPRIMENTE!!!!!A GRANDE ECONOMIA DOS USA  SE FOI!!!!  NAO GOSTO DE VER NINGUEM NESTA SITUAÇÃO!!!!!!!

MAS VEJO TB, QIE O NOSSO BRASIL NAO ESTÁ MUITO LONGE DESTA REALIDADE!!!! BASTA CONTINUAR A ""MATAR AS EMPRESAS!!!!!""     MATAMOS NOSSA ECONOMIA E ACABAMOS POR NOS TORNAR UMA ""BIAFRA"" OU ALGUM PAIS SEMELHANTE A ESTE!!!!! É REALMENTE LAMENTÁVEL!!!!  ABITEX, ABVTEX, E OUTRAS E OUTROS......QUE VAO PARA  OS RAIOS QUE OS PARTAM!!!! 

JONATAM.....VEJA QUE ISTO TB OCORRE NA EUROPA!!!!NA ARGENTINA TB!!!! EM 2008 ESTAVA NA ARGENTINA, E FIQUEI DESOLADO QDO ME PEDIRAM ALGO PARA COMER NA SAIDA DE UM HOTEL, PROXIMO À CASA ROSADA........1 CASAL DE PROFESSORES UNIVERSITARIOS E SUA FILHA!!!! ESTAVAM A RECOLHER  PAPELÃO EM UM CARRINHO.....NAO TINHAM FAMILIARES PARA ABRIGA-LOS.....ESTAVAM SEM ALMOÇO E JANTA DO DIA ANTERIOR!!!!CACETE!!!! ATE A EDUCAÇAO ESTAVA DESEMPREGANDO NA ARGENTINA, POR FALTA DE CONDIÇOES DE PAGAR FUNCIONARIOS !!!!!!

INFELIZMENTE ESTAMOS CAMINHANDO PARA ISTO....AGORA TE PERGUNTO : É EVOLUÇÃO  OU INVOLUÇÃO????

SEM INDUSTRIAS NAO HÁ RIQUESA.....NAO HÁ RENDA....APENAS REGREDIMOS!!!! CARAMBA ...É TÃO DIFICIL DE ENTENDER????? TEMOS QUE DAR UM BASTA NAS IMPORTAÇOES, NO  MINIMO LIMITANDO-AS COLOCANDO COTAS!!!!!!!!!!!!!!!

BARON, obrigado pela cordialidade. Os antagonismos são naturais e necessários. Aliás, permita-me uma brincadeira: o antagonismo do comércio exterior obriga a todos a importar e a exportar.

Não defendo os importadores em geral. Represento os impoortadores de matérias primas têxteis e é em nome deles que falo. Quanto aos demais importadores, até tenho as minhas opiniões, mas não pretendo expô-las aqui, até porque o objetivo desta revista eletrônica é debater a cadeia textil.

Então, em termos MPTs, é evidente que as importações são necessárias, pois, caso contrário, a industria de confecções não teria como produzir grande parte do que produz. O Brasil é hoje um dos grandes produtores de petróleo, mas sempre se preocupou com o óleo bruto e o gas - muito pouco com os subporodutos - que, aliás, está nas mãos de verdadeiro cartel e deveria ser investigado como tal.

As roupas de algodão são caras, se desgastam mais rapidamente e precisam de manutenção que é bem onerosa.

Mas o mundo moderno está exigindo um vestuário mais barato, que dure mais e cuja anutenção seja simples. Os chineses aperfeiçoaram este conceito e se tornaram os maiores fabricantes MPTs sintéticas. O Brasil e o mundo ficou assistindo sem fazer nada.

Como disse no meu texto, o Brasil está regredindo na sua indústria porque está regredindo na sua educação. Infelizmente, hoje o professor está obrigado a aprovar o aluno, independentemente do seu nivel de conhecimento. E aí vemos uma mão de obra sem qualificação alguma, que sequer sabe fazer conta, quiçá escrever.

O Brasil já usou a ferramenta das cotas como medida de salvaguarda contra as materias primas texteis. Não resolveu - os preços aumentaram e se criou um mercado negro. Havia até quem negociasse cotas...

Recebntemente o Brasil quase dobrou o Imposto de Importação nas confecções e o resultado foi um tiro no pé - as importações aumentaram e os custos foram simplesmente agregados aos preços e o consumidor "pagou o pato".

Para que medidas de salvaguardas sejam criadas, é preciso que o setor apresente um Plano de Ação pelo qual demonstre as suas intenções de se recuperar, de se fortalecer e de conseguir ser competitivo e eficiente.

Eu ainda não vi nenhum plano ser apresentado em nenhum dos pedidos de salvaguardas. Estes planos nunca serão apresentados porque falta seriedade nestes pedidos de salvaguardas.

No caso dos vinhos, isto é evidente. Se vingar o pedido, o Brasil será o único país do mundo que produzirá uvas de todas as cepas, até mesmo aquelas que só vingam nas terras altas do norte da Italia, na Sicilia ou nos confins da Espanha e de Portugal. Isto é razoável?

No caso das MPTs, se o Brasil para de importar ou aumentar os custos das importações, o resultado será o desabastecimebnto imediato da industria de confecções e o aumento dos preços aos consumidores. E o meracdo negro voltará ciom força...

Esta é a nossa realidade, senhores, por mais dura que seja.

Precisamos mudar? Sim e temos competencia para tal. Esta revista tem publicado inúmeros artigos que noticiam alternativas novas, evoução teconológica e até mesmo conceitual. 

SC, como eu já disse, está com a sua industria a todo vapor e NÃO defende salvaguardas.    

E note que SC é grande importador de MPTs... 

      

Edson Baron disse:

Em primeiro lugar, seja bem-vindo Sr. Jonatan Schmidt. Sem sombra de dúvida, encontrará por aqui um espaço bastante acalorado para discussões.

Descobrirá rapidamente que a maioria por aqui tem um lado: A INDÚSTRIA NACIONAL.

Digo-lhe que estamos em lados bastante antagônicos: Você defende importadores, eu a indústria nacional. Somos adversários, não precisamos ser inimigos.

Você menciona sobre "debates acalorados e sem a necessária racionalidade". Pergunto-lhe: Existe racionalidade - no sentido mais profundo da palavra - em economia??? Não! Racionalidade existe em matemática, nas ciências exatas.

Todos nós conhecemos as posições da Abitex e da Abvtex. Irracionalidade pura.

Você conhecerá nossa posição e certamente considerará uma irracionalidade pura.

O título da matéria em questão ilustra bem isso. Ao lê-lo perguntei-me: Em que planeta a Abvtex está?

Pois bem, assim é a economia. O que é racional para um lado nem sempre é para o outro.

A questão cambial certamente coloca o Brasil em total divergência com a China e tantos outros países.

O Brasil tem todas as mazelas possíveis, em questões econômicas inclusive. Mas é só o Brasil? Porque a Europa e os EUA passam por tamanha crise? Porque fizeram tudo certinho!?!

Notícia do dia: "Sony anuncia prejuízo de US$ 6,4 bilhões e demissão de 10 mil funcionários". A Sony tornou-se incompetente???

Não significa que eu não reconheça que as indústrias nacionais têm muito a melhorar. Que o Brasil precisa melhorar e muito o seu ambiente de negócios. Entretanto isso está a anos-luz de dizer que China e demais asiáticos são um poço de competência e eficiência, que jogam limpo no comércio internacional, que no Brasil só tem empresário incompetente e chorão, e dessa forma escancararmos nosso mercado a eles. Me poupe.

Aliás, jamais ousarei defender estados que sequer reconhecem o mais elementar dos direitos humanos: A LIBERDADE! Isso, por si só, já deveria ter um peso imenso em negociações que envolvem os países democráticos. É apenas a minha visão de mundo, que não enxerga apenas lucro.

O que dá dignidade é emprego e renda, não apenas preços baixos.

O resto é defesa de interesses ou conversa pra boi dormir.

Eu concordo que seja lamentavel a situação dos EEUU.

Mas eles estão "comendo o que plantaram", literalmente. Por anos se disseram ricos emitindo dólares sem nenhum critério.

E há estudos que demonstram que tb lá o grande problema está na educação. Os norte-americanos estão cada vez mais analfabetos. Até a linguagem deles empobreceu a um poonto que o ingles britânico não entende mais o que é dito lá...

Enfim, como disse, não é só a nossa industria que está sofrendo... É o mundo que precisa urgebntemente de um "New Deal", um novo "Contrato Social", um mundo novo... 

Edson Baron disse:

A propósito, ontem o J10, do Globonews, veiculou matéria bastante interessante sobre a elevação da pobreza nos EUA (veja através do link: http://g1.globo.com/globo-news/jornal-das-dez/videos/t/todos-os-vid...). A matéria conta, inclusive, a história de Marilyn, designer de tecido que chegou a ganhar R$ 14 mil/mês e que, com a destruição da cadeia têxtil lá, hoje está sobrevivendo em barraca instalada em bosque público.

Esse processo defendido pelos senhores da Abitex / Abvtex é o que privilegia e é incentivado pelos grandes grupos econômicos multinacionais e só serve para promover uma absurda concentração de renda e jogar a maioria em sub-empregos e miséria. O mundo não precisa disso e é por isso que lutarei até o fim contra a epidemia da miséria e da devastação social.

Responder à discussão

RSS

© 2022   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço