Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

Dados Sobre Indústria Chinesa Dão Sinais Contraditórios Sobre Economia

XANGAI - Dois dados sobre a atividade industrial na China mostram sinais contraditórios sobre a economia do país e dividem analistas sobre a condução de política monetária.

A Federação de Logística e Compra da China (CFLP, na sigla em inglês), órgão estatal, divulgou que o índice dos gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) subiu de 51 em fevereiro para 53,1 em março, o maior nível em 12 meses. É o quarto mês consecutivo em que o indicador oficial se situa acima dos 50 pontos, que marca expansão da atividade industrial. O índice foi impulsionado pela produção de automóveis, tabaco e eletrônicos.

Já o PMI divulgado pelo HSBC caiu de 49,6 em fevereiro para 48,3 em março, quinto mês consecutivo abaixo da linha dos 50, que indica contração da atividade industrial. O índice do HSBC tende a refletir mais as tendências no setor exportador do que o índice oficial. "O dado confirma a contínua desaceleração do crescimento, puxada por um enfraquecimento das exportações", disse o economista do HSBC Hongbin Qu.

O economista disse que espera que esforços do governo para estimular a economia, como redução de impostos, aumento dos gastos oficiais e afrouxamento das condições de crédito, possam levar a uma retomada do crescimento no segundo semestre do ano, depois de uma desaceleração ainda maior no segundo trimestre.

O dado oficial mostra sinais de contração nos setores têxtil, equipamentos industriais especializados e indústrias de metais ferrosos.

A China enfrenta o desafio de manter o ritmo de crescimento econômico sem elevar a inflação, especialmente diante dos recentes aumentos nos preços do petróleo.

O crescimento econômico na China se desacelerou para 8,9% no último trimestre do ano passado depois que o governo elevou juros e adotou outras medidas de restrição monetária para controlar a inflação. Líderes chineses mudaram o discurso em dezembro e prometeram aumentar o financiamento bancário para ajudar as empresas a enfrentar a queda da demanda global, mas mudanças nesse sentido vem sendo graduais.

(Camila Dias | Valor, com Associated Press)

Fonte:|http://www.valor.com.br/internacional/2596862/dados-sobre-industria...

.

.

.

Prioridade da China é ampliar consumo e importação

BOAO, China, 2 Abr (Reuters) - A prioridade da China é impulsionar o consumo doméstico para manter um crescimento econômico relativamente forte, ao mesmo tempo em que eleva as importações de outros países asiáticos, disse nesta segunda-feira o vice-primeiro-ministro, Li Keqiang.

Enquanto alguns países asiáticos enfrentam pressão inflacionária e problemas com o crescimento, os fundamentos econômicos da China permanecem bons, disse Li. Ele afirmou ainda que o governo chinês vai manter seu objetivo de estabilizar o crescimento econômico enquanto controla a inflação.

"Os fundamentos da economia chinesa permanecem bons e a força motriz do crescimento econômico não mudou. Conseguiremos manter o desenvolvimento constante e relativamente rápido no longo prazo", disse Li em um discurso na cerimônia de abertura do Forum Boao 2012 para a Ásia, na ilha chinesa de Hainan.

"A expansão do consumo doméstico é nossa prioridade para ajustar a estrutura econômica", completou Li, que deve suceder Wen Jiabao como primeiro-ministro em uma transição que começará neste ano.

Mas ele mostrou cautela com a economia global. "A economia mundial está mostrando alguns sinais de recuperação, mas o forte impacto da crise financeira global não desapareceu e a crise da dívida soberana da Europa permanece."

As grandes fábricas da China estiveram surpreendentemente ocupadas em março, uma vez que novos pedidos ampliaram a atividade para a máxima de 11 meses.

(Reportagem de Kevin Yao e Aileen Wang)

Fonte:|http://br.reuters.com/article/businessNews/idBRSPE83100J20120402

Exibições: 243

Comentar

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

Comentário de Sam de Mattos em 2 abril 2012 às 13:18

E enquanto isso, no meio desse turbilhao economico, no Brasil, em Brasilia, discutimos Carlinhos Cachoeira e seus associados. E sao paulo conta com 86 Bingos de grande porte, o perando dioturnamente. Po, deixa a Caixa Economica tocar tambem os bingos. SdM

 

© 2021   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço