Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

Existe Genocidio na Industria Textil? No Brasil?

PENA DE MORTE PARA GENOCIDAS BRASILEIROS!

Ponhamos um valor quantitativo de mortes geradas que se qualifiquem como "genocídio": Quantas seriam as mortes causadas? Cinco? 250? 350?

Achado um número quantitativo satisfatório que se qualifique na categoria de CRIMES DE GENOCIDIO, aplicar-se-ia a pena de morte. Por exemplo, num crime lesa-pátria na área hospitalar onde DEFINITIVAMENTE um numero "X" (categorizado como genocídio) foi morto em consequência desse crime, fuzile o cabeça, o responsável. 

Quanto à onda de Crack: Curamos cinco por dia, enquanto 500 são viciados.

Traficante de alta escala, pego, mate-o.

Políticos: Desviou verbas que causaram um numero "Y" de morte, por exemplo, desviando verbas de aquedutos no nordeste, roubando do sistema hospitalar, roubando das  cestas básicas , ou desviando o erário que resulte em morte, ou recebendo propinas para dar alvarás de funcionamento a casas, negócios, igrejas etc. que estejam condenados, se isso gerar num numero de mortes quantificadas como genocídio, fuzile-o.

Industriais que pegam empréstimos vultosos com intenção de dar um golpe e direta ou indiretamente causou muitas mortes, mate-os. Ainda que forem do ramo textil.

Se o genocida for politico, que não tenha NENHUM PRIVILÉGIO devido a sua posição. O politico tem a OBRIGACAO ainda maior de dar-nos exemplo de cidadania. A politica não é uma Carta Branca ao crime, ao desvio de erário ou a corrupção. Nada de blindagem legislativa, judicial ou administrativa a eles: nada de permissão para MATAR a cometer GENOCIDIO por motivo de blindagem politica.

O Brasil necessita de "COJONES". De homens de "CULHOES”- e de mulheres de Ovários de Titânio.

Agora para os Falsos Profetas, piegas e pseudo-teólogos e deturpadores das escrituras: Precisamos acabar com a recitação de “Deus é Amor” e se esquecendo do outro versículo: “Deus é Justiça”.

O Velho Testamento, israelita como for, faz parte da “Nova Jerusalém” Paulina, da Nova Jerusalém dos Gentios, dos seguidores do ensino do Mestre Jesus. O Cristianismo não nos da carta branca para sermos genocidas. Temos que arcar com a responsabilidade de nossos atos. A Lei (Mosaica) faz parte do Cristianismo. La está escrito “Olho por olho e dente por dente”. Se voce não for religioso, agnóstico, ou ateu humanista - que respeite a lei, pela ÉTICA, mas tem que respeitar. Se voce for amoral e descarado: QUE RESPEITE PELO MEDO!

Sendo o Brasil uma nação “cripto-Cristã”, piegas vozes de sem-noções sempre se levanta contra a pena de morte: Então, que façamos a “Lei do Genocídio” mais branda para nos enquadramos no “Período de Graça”. Na Lei (do Velho Testamento) falsamente abrandada e atribuída por Padres e Pastores aos ensinos do Rabino Jesus, que disse: ”Vim ao mundo para cumprir a Lei” – e isso é a Lei do Novo - e do Velho Testamento.  

Ponhamos então uma pitada mais branda, mais humanística, mais palatável a esses brasileiros e abrandemos a Lei Bíblica ou a do Torá: Que apliquemos UM OLHO por duzentos olhos furados, e UM DENTE, para cem arcadas dentarias sacadas do próximo.

Exibições: 97

Comentar

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

© 2021   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço