Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

Foco no bumbum é a nova tendência de skincare

O mundo do skincare se renova a cada temporada, mas agora o bumbum está ganhando cada vez mais destaque.

(Foto: Reprodução/Instagram @bawdybeauty)

Quando o assunto é skincare, podemos acompanhar diversas técnicas surgindo e ganhando destaque, desde máscaras faciais, soros e esfoliantes. Agora, a tendência que está dominando o universo dos cuidados com a pele é o foco no bumbum! Isso mesmo, quer nádegas brilhantes quanto as do seu rosto? Existe uma máscara para isso. Quer desintoxicar a região? Existe uma máscara para isso. Quer dar um reforço na firmeza? Você adivinhou, há uma máscara para isso.

Talvez essa tendência voltada para o bumbum seja o resultado do aumento do tempo que passamos sentados em casa. Ou então o motivo para isso seja o fato de que no ano passado, como o isolamento social nos fez ficar em casa, vemos um novo tipo de autoconsciência corporal e de bem-estar. 

De qualquer forma, quando se trata de cuidados com a pele, tendemos a concentrar toda a nossa energia no rosto, mas uma combinação de positividade corporal e tendências de wellness parece estar mudando isso.


Chamada por alguns de “cuidados íntimos para a pele”, a ideia de colocar uma máscara nas nádegas pode soar estranha. No entanto, o negócio de máscaras de bunda, na verdade, está crescendo há vários anos. Em 2017, a ex-empreendedora de fitness Sylwia Wiesenberg lançou a marca Bawdy Beauty centrada na pele do bumbum. Wisenburg se descreve como "obcecada por bunda" e foi uma das primeiras a oferecer uma variedade de produtos para a pele, nenhum dos quais vai para o rosto. 

O que começou como uma única máscara para o bumbum evoluiu para hidratantes, esfoliantes, máscaras de argila, sabonetes, óleos e muito mais. Uma série de outros produtos e marcas também surgiram, atendendo à delicada pele do traseiro e visando coisas como acne, elasticidade, suavização e firmeza.

O que torna uma marca como a Bawdy Beauty verdadeiramente interessante (além da impressionante variedade de tratamentos) é a base de consumidores que a apoia. Em 2019 Emma Chiu, diretora global da JWT Intelligence (um grupo de análise e previsão de dados) disse ao The New York Times que estava notando “um boom no que estamos chamando de bem-estar inclusivo.” 

De acordo com Chiu, o bem-estar inclusivo “engloba todos os seus aspectos e todas as suas partes”. A ideia de que devemos considerar e cuidar de cada parte do nosso corpo não é estranha. Os milhões de infográficos corporais positivos que vemos no Instagram, e conteúdos de influenciadores de bem-estar e defensores da saúde mental online reiteram essa mensagem diariamente.

Outra empresa que está ganhando destaque no ramo é a Miami Beach Bum, que surgiu após a sua fundadora, Ayssa DiPietro, começar a ter erupções cutâneas pelo uso constante de maiôs. Com seu conhecimento de química ela desenvolveu produtos naturais que pudessem tratar a região e o resultado é uma linha de cremes corporais focados na área do bumbum, veganos, livres de crueldade, sem sulfato, parabenos, silicone, corante e fragrância.

 

Além dela, a marca brasileira Madamecrème é focada em bodycare e possui uma linha focada apenas na região do bumbum, que tem produtos como óleo, esfoliante e loção hidratante iluminadora para a região. A empresa é cruelty free e vegana e, de acordo com o seu site, nasceu "de uma misturinha gostosa entre Brasil, Ucrânia e Indonésia. Por isso os produtinhos têm propriedades afrodisíacas, antidepressivas, cicatrizantes e antioxidantes”.

 

É difícil imaginar agora que bundas já foram consideradas indesejáveis, mas é importante notar ao tentar entender essa tendência. Antes de Nicki Minaj reviver “I Like Big Butts” em "Anaconda", ou as Kardashians começarem a tirar fotos de #belfies, ou Megan Thee Stallion lançar “Body”, bundas não eram apreciadas.

 

Hoje, com a ajuda das redes sociais e designers femininas progressistas, as mulheres estão sendo incentivadas a amar radicalmente seus corpos. Faz sentido que isso se manifestasse também no ramo da beleza, visto que moda e cosméticos sempre foram paralelos como indústrias. A convergência dessas mudanças de atitude na moda com profissionais de bem-estar, influenciadores de body positivity e cultura pop é o que torna os produtos para a pele da bunda mais do que uma tendência passageira. Portanto, embora você possa rir da ideia de colocar uma máscara de tecido em seu traseiro, pode não demorar muito para você mesma tentar.

Exibições: 30

Comentar

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

© 2021   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço