Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

Você quer mudar o Brasil, sentado defronte ao computador? Então faça isso direito:

Muitos acham que é perda de tempo, que para virar uma PEC tem que ser uma iniciativa da Câmara, que é apenas mais uma "corrente" ou coisa assim. Independente da sua avaliação, tenho certeza que você conhece alguém ou tem algum amigo deputado que pode colocar isso em TRAMITRAÇÃO na Câmara dos Deputados. 

 

Melhor ainda: Se você quer saber "como fazer" uma PEC, clique no seguinte link: http://noticias.terra.com.br/brasil/noticias/0,,OI136066-EI1483,00-...

 

Vou colocar o texto original em azul, para separar meus adendos.

É assim que começa.  (Aliás, começou em 2011)


Peço a cada destinatário para encaminhar este e-mail a um mínimo de vinte pessoas em sua lista de endereços, e pedir a cada um deles para fazer o mesmo.

Em três dias, a maioria das pessoas no Brasil terá esta mensagem. Esta é uma idéia que realmente deve ser considerada e repassada para o Povo.
Lei de Reforma do Congresso de 2011

(emenda à Constituição)


PEC de iniciativa popular:
Lei de Reforma do Congresso (proposta de emenda à Constituição Federal)

1. O congressista será assalariado somente durante o mandato. Não haverá ‘aposentadoria por tempo de parlamentar’, mas contará o prazo de mandato exercido para agregar ao seu tempo de serviço junto ao INSS referente à sua profissão civil.


2. O Congresso (congressistas e funcionários) contribui para o INSS. Toda a contribuição (passada, presente e futura) para o fundo atual de aposentadoria do Congresso passará para o regime do INSS imediatamente. Os senhores Congressistas participarão dos benefícios dentro do regime do INSS exatamente como todos outros brasileiros. O fundo de aposentadoria não pode ser usado para qualquer outra finalidade.


3. Os senhores congressistas e assessores devem pagar seus planos de aposentadoria, assim como todos os brasileiros.

4 Aos Congressistas fica vedado aumentar seus próprios salários e gratificações fora dos padrões do crescimento de salários da população em geral, no mesmo período.


5. O Congresso e seus agregados perdem seus atuais seguros de saúde pagos pelos contribuintes e passam a participar do mesmo sistema de saúde do povo brasileiro.

6. O Congresso deve igualmente cumprir todas as leis que impõe ao povo brasileiro, sem qualquer imunidade que não aquela referente à total liberdade de expressão quando na tribuna do Congresso.

7. Exercer um mandato no Congresso é uma honra, um privilégio e uma responsabilidade, não um uma carreira. Parlamentares não devem servir em mais de duas legislaturas consecutivas.


8. É vedada a atividade de lobista ou de ‘consultor’ quando o objeto tiver qualquer laço com a causa pública. “

A hora para esta PEC - Proposta de Emenda Constitucional - é AGORA!!!!!

É ASSIM QUE VOCÊ PODE CONSERTAR O CONGRESSO.


Por favor, mantenha esta mensagem CIRCULANDO para que possamos ajudar a reformar o Brasil.

 

Para conhecer a PEC e ASSINAR, clique nesse link: http://www.peticaopublica.com.br/?pi=p2011n15708

Exibições: 347

Comentar

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

Comentário de Oscar da Silva em 25 junho 2013 às 13:28

Obrigado Gustavo.

Quanto mais divulgarmos, mais ajudamos a mudar de forma objetiva - desde que a pessoa assine.

Mas o "Ibope" desta postagem está muito baixo. Pelo número de exibições que houve, apenas 130. Creio que se depender de nossos bravos companheiros de blog, não vai mudar nada.

Também! Quem mandou eu não usar palavras chulas nem chamar o Lula, o Eike e o Constantino de ladrões ou incompetentes rsrsrs

Outra coisa Gustavo: - Não consegui acessar o número de assinaturas. Se vc conseguir essa informação, passa prá mim, p. favor.

 

 

Comentário de Gustavo Pereira dos Santos em 25 junho 2013 às 9:00

Eu já coloquei em circulação através de meus contatos.

Vamos ver se os institutos estatísticos junto com a mídia não informam que poucas pessoas aderiram a esta petição.

Comentário de Oscar da Silva em 24 junho 2013 às 23:16

Olá Eduardo.

Questões de moral, como você disse. Questões que nossos jovens estão priorizando em detrimentos às questões políticas, partidárias e oportunistas. Quem disse que o Brasil não tinha jeito?

Comentário de Eduardo Ferreira Blatt em 24 junho 2013 às 18:45

Sinto cada vez mais esperança neste País e principalmente nos Brasileiros, pois o texto acima demonstra de uma organizada. Questões de moral que devem ser aplicadas o quanto antes. Parabéns Sr. Oscar da Silva por compartilhar conosco este belo material.

© 2021   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço