Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano VI

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano VI

Em Americana, Texfibra Têxtil demite mais 21 funcionários

A Texfibra Têxtil Ltda, empresa sucessora do Grupo Vicunha, instalada na cidade de Americana, demitiu mais 21 funcionários.

As demissões tiveram início no começo do mês passado, quando outros 22 trabalhadores foram dispensados.

O Sindicato dos Trabalhadores Têxteis de Americana divulgou nesta terça-feira (2) em nota que os funcionários demitidos não receberam as verbas rescisórias. Segundo o sindicato, os trabalhadores demitidos foram substituídos por terceirizados.

O consultor da Texfibra, André Feldman, explicou que a empresa passa por um processo de adaptação justamente para contornar as dificuldades de concorrência com esse mercado.

Ele garantiu que a empresa não vai deixar de honrar os compromissos com os trabalhadores demitidos. A informação é que as demissões ocorreram por uma questão de caixa e para a preservação dos outros empregos.

Fonte:|http://www.dihitt.com.br/barra/em-americana-texfibra-textil-demite-...

Tags: 21, Americana, Em, Texfibra, Têxtil, demite, funcionários, mais

Exibições: 1165

Responder esta

Respostas a este tópico

Eu não creio que a Vicunha deixara de honrar nada pertencente por lei aos demitidos.

Mas é bom nos conformar que essa unidade esta se tornando obsoleta e toda a operação de fibras sintéticas será transferida para CAMACARI, BA, salvo engano. Será uma unidade gigantesca que fabricara fibras sintéticas para todo o Brasil - e sobrara algo para exportação. Um algo GRANDE. Essa unidade de Americana funciona mais ou menos como treinamento do pessoal que será transladado ao Nordeste ou que retornara ao Nordeste. Essa unidade em Americana é fim de linha, desmentido isso ou não, voces verão um continuo encolhimento nessa unidade - e não mais haverá investimentos de porte por La. Esses são os fatos e os Sindicalistas façam o que tenham de fazer, mas não poderão impedir esse posicionamento da firma. SdM

 

Demissões estão ocorrendo em todo o Brasil no setor têxtil que vem sofrendo há anos, embora nosso amigo Sam esteja correto sobre a possível transferência da unidade, seja pelo mercado ou por estratégia, mas é mais um sinal dos tempos em que estamos e passamos, ja existe no Brasil todo oferta de maquinário têxtil com preços menores e variedade o que denota o fechamento de diversas fabricas...

Fabio: Nós temos que perseverar, temos que acreditar. Enquanto a humanidade tiver que se alimentar e cobrir "as vergonhas", a indústria alimentícia e a textil nunca acabará. Sugiro uma campanha no Brasil de "COMPRE NACIONAL" e "ANTIDUMPING". Precisamos gastar menos em congressos e viagens (Brasileiros adoram essas "fugidinhas") e investir nos anúncios "COMPRE BRASILEIRO" e mais do que um apelo para o nosso patriotismo ( que não causa muito mais impacto) temos que conscientizar o publico, em linguagem simples, que o COMPRE BRASILEIRO pode depender, DIRETA OU INDIRETAMENTE, do trabalho dos filhos, esposas ou esposos dos brasileiros. Temos que explicar que o barato pode sair bem mais caro, e.g., vide aqui nos EUA. ERIVALDO, que tal começarmos esta? ABTT - em congresso - que tal alinhavarmos essa campanha? Sam de Mattos

Acredito nisso Sam, contudo teria que ser uma campanha na grande mídia, que alcançe a grande massa consumidora.

Abraços,

Erivaldo

ALGUEM de nossos Sindicatos, da ABIT, da ABTT deve se coordenar, se possivel com os Grandes Industriais do Brasil e com os Deputados que supostamente nos representa, e comecar isso de pronto. Bolas afinal eu sou vendedor de ferro velho. Ha gente sendo PAGA para cuidar de nossos interesses e entre eles NAO ESTAO o Sam de Mattos nem o Erivaldo Cavalcanti. Cobremos, poh. Cobremos de nossos politicos, patroes, sindicalistas. Poh parece que so abrimos o bico depois de "levar na cabeca". Nunca preventivamente, nunca no racionalismo e no plano. Parece que operamos no "mode" de medidas emergenciais. As bolsas despencam em todos os locais. Aqui tambem. Mas vamos nos mover, se preparar, antes que nao hava mais empregos. Esta campanha seria de interesse de TODOS - Patraos e Peaos. SdM

Prezado,

Sou de Salvador, gostaria de me informar referente à vossa citação que estará se instalando uma fabrica têxtil em Camaçari/BA. Favor informar a consistência do fato. Gostaria de obter mais informações da chegada da fábrica a Bahia?

Agradeço desde já, Saudações

Antonio bacelar/ Tec. Têxtil /Engº Produção - Estudante

SENAI DENDEZEIROS

Sam de Mattos disse:

Eu não creio que a Vicunha deixara de honrar nada pertencente por lei aos demitidos.

Mas é bom nos conformar que essa unidade esta se tornando obsoleta e toda a operação de fibras sintéticas será transferida para CAMACARI, BA, salvo engano. Será uma unidade gigantesca que fabricara fibras sintéticas para todo o Brasil - e sobrara algo para exportação. Um algo GRANDE. Essa unidade de Americana funciona mais ou menos como treinamento do pessoal que será transladado ao Nordeste ou que retornara ao Nordeste. Essa unidade em Americana é fim de linha, desmentido isso ou não, voces verão um continuo encolhimento nessa unidade - e não mais haverá investimentos de porte por La. Esses são os fatos e os Sindicalistas façam o que tenham de fazer, mas não poderão impedir esse posicionamento da firma. SdM

 

Antonio Carlos: As firmas nao poe a disposicao do publico os seus organogramas e projetos. Creio que na firma eh o melhor local de vc obter informacoes precisas. Esse projeto tem a ver tambem com a Petrobras . Ai eh uma outra fonte para vc pesquizar. Boa Sorte e Gratissimo, Sam de Mattos
Cultura Organizacional, os impostos sao altos, os salarios sao baixos e as condiçoes de trabalho ruins,evidentemente com exceçoes para algumas classes privilegiadas.nao existe respeito pelas pessoas nem pelas leis e o investimento em tecnologia e processos e inexistente ou escasso.O autoritarismo e o medo sao praticas desveladas, tornando a mao de obra cada vez mais escravizada.O indice de acidente de trabalho e elevado e as puniçoes de carater extremado , advertencias,suspensoes e justas causas sao mecanismo altamente utilizados,sao empresas que nao tem organogramas.

Tudo isso eh correto. Esse tipo de problema temos desde o inicio da Revolucao Industrial na Europa nos anos 1700/1800s. Alias, nesse tempo o abuso ao ser humano era ainda maior.

Dito isso,  e relendo cuidadosamente o seu escrito, Marcos Augusto, qual eh a sua sugestao sobre o seu topico?

Como podemos pelo menos minimizar esta situacao do trabalhador?
SdM

SAM.....a melaca vai continuar!!!! nao adinata este tipo de conscientização da população!!! já foi tentato há cerca de 15 anos atras....se vendia adesivos ""COMPRE PRODUTOS BRASILEIROS""  mais ou menos isto.....na realidade o governo de D DILMA somente dala em evitar a desindustrialização...NADA MAIS!!! sindicatos dos trabalhadores NADA FAZEM!!!! deveriam aliar-se ao patronal + outros segmentos de Americana  e fazer uma paralização completa na cidade e região....sao 40 mil incluso confecção!!!!  

SAM esqueça ABIT,FIESP  e outros!!!! são merdas sobre merdas!!!

Responder à discussão

RSS

Textile Industry

O Maior Portal de Informações Têxteis e do Vestuário do Brasil

© 2014   Criado por Textile Industry.

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço