Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Rúbia Guedes
  • Feminino
  • Brusque, santa catarina
  • Brasil
Compartilhar

Discussões de Rúbia Guedes

Polo atacadista atrai novas empresas para Brusque

Started 7 Dez, 2016 0 Respostas

Empresas buscam incentivos. Polo atacadista é um dos principais destinos dos novos investidores. Brusque (SC) – Conhecida em todo o Brasil como Berço da Fiação Catarinense, com aproximadamente 600…Continuar

Atacadistas de Santa Catarina Fundam Associação

Started 16 Mar, 2016 0 Respostas

Shoppings atacadistas promovem 18ª edição do Brusque Polo Fashion, domingo, dia 20. Primeiro…Continuar

Queda na produção têxtil e de vestuário será debatida no circuito ABIT/BRASIL

Started 13 Out, 2015 0 Respostas

Brusque (SC) – Os números da produção em Santa Catarina têm preocupado os empresários do setor têxtil e do vestuário, que registram quedas desde o início do ano. De janeiro a julho deste ano a…Continuar

Atacadistas de Brusque esperam acréscimo nas vendas da coleção inverno

Started 18 Mar, 2015 0 Respostas

Brusque (SC) – Considerado o berço da fiação catarinense, o município de Brusque destaca-se no cenário nacional também como pólo de moda atacadista. A cidade possui os três maiores shoppings de…Continuar

Presentes recebidos

Presente

Rúbia Guedes ainda não recebeu nenhum presente

Dar um presente

 

Página de Rúbia Guedes

Informações do Perfil

EMPRESA QUE TRABALHA
Midia Press - Assessoria de Comunicação
ÁREA DE ATUACAO
Assessoria de comunicação para empresas, inclusive do setor têxtil.

BRUSQUE RECEBERÁ CIRCUITO ABIT TEXBRASIL

Brusque (SC) – As mudanças constantes na economia brasileira e também internacional e as perspectivas para o futuro do setor serão debatidas em Brusque, durante o seminário: “Circuito ABIT/TEXBRASIL”, que tem como tema, “Competitividade e Internacionalização”. O evento ocorrerá no dia 6 de novembro, das 8 às 12h, no Hotel Monthez e é organizado pela Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção (Abit), através do TexBrasil (Programa de Internacionalização da Indústria da Moda Brasileira) e realizado em Santa Catarina pela Associação em parceria com a Apex-Brasil, além do Sindicato das Indústrias de Fiação e Tecelagem de Brusque, Botuverá e Guabiruba (SIFITEC)  e do Sindicato das Indústrias do Vestuário de Brusque, Botuverá, Guabiruba e Nova Trento (SINDIVEST).

 

Entre os temas abordados estão, “Agenda de Prioridades Têxtil e Confecção”; “Programa de Internacionalização da Moda Brasileira – TexBrasil”, e a discussão sobre “O Alto Custo de Energia Elétrica em Santa Catarina”, com Rodrigo Sarmento Garcia, da CNI.  “Nós incluímos o debate sobre os custos com energia elétrica porque esse é o principal entrave na produção industrial e muito pouco foi feito para resolver o problema. Só no segundo trimestre deste ano, nós tivemos um aumento de 49% nos custos de energia em relação ao mesmo trimestre de 2014, o que prejudica ainda mais a competitividade do setor”, destaca do presidente do Sifitec, Marcus Schlosser.

 

Hoje o país vive uma recessão que resulta em prejuízos para o cenário têxtil de Brusque e da região, porém a cidade ainda continua com o título de Berço da Fiação Catarinense, conforme dados apresentados no ano passado pelo Instituto de Estudos e Marketing Industrial (IEMI). Segundo a pesquisa, o polo de Brusque conta com 643 empresas em atividade, e proporcionou cerca 40 mil postos de trabalho em 2013. As indústrias confeccionistas (linha lar e vestuário) representam 56% do total das empresas da região, seguidas pelas malharias com 20%, e pelos beneficiadores com 13%. Acrescentamos ainda que, a região ocupa diretamente mais de 37% da mão de obra, sendo 54% em Botuverá; 34,5% em Brusque; 61% em Guabiruba e 27% em Nova Trento, de acordo com os dados do Sistema Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina – FIESC. Porém, desde o início do ano, esses números já apresentam queda o que preocupa representantes do setor em todo o país.

 

Segundo uma nova pesquisa divulgada esta semana pela FIESC, os setores têxtil e de vestuário foram alguns dos que mais estão sentindo a crise que afeta o país. Só para se ter uma idéia, de janeiro a julho deste ano a produção do vestuário caiu -7,2% e têxtil, -7,3%. Já os números das vendas preocupam ainda mais os empresários que registram -3,0% nas vendas de artigos têxteis e -24,9% em vestuário, sendo este o maior índice.

 

Apesar destes dados negativos, os empresários ainda acreditam numa retomada e estão evitando demissões, tanto que Santa Catarina mantêm o menor índice de desemprego em relação aos demais Estados, com apenas 3,9% de desocupação. No mês de julho, considerado o pior do ano, registrou-se menos 683 postos de trabalho nos setores têxtil e de vestuário, porém nos primeiros sete meses de 2015, foram criados 2.812 novas vagas.

 

De acordo com a presidente do Sindivest, Rita Cassia Conti, o momento será único para os empresários de Brusque e da região que buscam informações atuais para planejar o futuro. “Nós teremos alternativas viáveis para superar a crise econômica, seja através de inovação, internacionalização e participação efetiva junto à Abit”, destaca. 

 

O Circuito Abit/TexBrasil tem percorrido várias cidades brasileiras e apresenta um conjunto de propostas e sugestões para uma agenda de competitividade, aprovadas pelos conselheiros e diretores da entidade, após discussões com os setores. O documento final contempla 20 propostas prioritárias divididas em 12 temas, geradas a partir de mais de 100 ítens analisados. “Esta agenda de prioridades apresenta quais são os grandes desafios para a indústria têxtil e de confecção, desde as matérias-primas ao produto confeccionado, para que este setor, tão importante para a economia brasileira, consiga alcançar seu potencial pleno de produção e de geração de emprego”, explica o diretor superintendente da Abit, Fernando Pimentel.

 

 

SOBRE O TEXBRASIL

 

A internacionalização é uma ferramenta estratégica de competitividade: estimula o design e a inovação, aumenta o nível tecnológico e a produtividade, amplia consumidores e mercados e gera sustentabilidade empresarial. As empresas exportadoras estão mais preparadas para enfrentar a concorrência das marcas estrangeiras também em seus próprios mercados. 


Para promover a sua marca para a internacionalização, o TexBrasil, Programa de Internacionalização da Indústria da Moda Brasileira, foi criado em 2000 pela Abit (Associação Brasileira a Indústria Têxtil e Confecção) em parceria com a Apex-Brasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos). Desde então, mais de 1.200 empresas utilizaram os serviços do Programa, entre eles encontro com compradores e jornalistas internacionais, participação em feiras e eventos em todo o mundo e realização de pesquisas e prospecção de mercado.

 

Mais informações pelos telefones: (47) 33516913/ 33556582 ou pelos e-mails: sindivestbq@gmail.com  ousifitec@netuno.com.  

 

 

 

SERVIÇO

O QUÊ: Circuito Abit/TexBrasil Brusque

QUANDO: 06 de novembro de 2015

HORÁRIO: Das 8 às 12h

ONDE: Hotel Monthez – Brusque - SC

INFORMAÇÕES: (47) 33516913/ 33556582

sindivestbq@gmail.com  ousifitec@netuno.com

*Vagas limitadas

Blog de Rúbia Guedes

Brusque Receberá Circuito Abit TexBrasil em Novembro

Postado em 8 outubro 2015 às 9:30 0 Comentários

Brusque (SC) – As mudanças constantes na economia brasileira e também internacional e as perspectivas para o futuro do setor serão debatidas em Brusque, durante o seminário: “Circuito ABIT/TEXBRASIL”, que tem como tema, “Competitividade e Internacionalização”. O evento ocorrerá no dia 6 de novembro, das 8 às 12h, no Hotel Monthez e é organizado pela Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção (Abit), através do TexBrasil (Programa de Internacionalização da Indústria da Moda…

Continuar

Casa Atlântica é inaugurada com desfile da coleção Inverno 2012

Postado em 8 março 2012 às 10:30 0 Comentários

CASA ATLÂNTICA É INAUGURADA COM DESFILE DA COLEÇÃO INVERNO 2012

 

 

Brusque - Em um cenário feito com muitos tecidos reciclados, frutas e materiais de demolição, além de muitas luzes com as “Cores do Brasil”, foi…

Continuar

Caixa de Recados

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

  • Sem comentários por enquanto!
 
 
 

© 2020   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço