Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XI

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XI

A historia do penedo e do pão de açúcar, Segundo Sam de Mattos:

Para compensar o povinho de Deus nos deu, Ele caprichou na Beleza do Rio de Janeiro e do Espirito Santo. Quanto ao ES, a “quantidade do negativo” foi tão grande que ele permitiu uma imigraçãozinha da Alta Itália, Pomerania e afins. No Rio deu ornamentou aquele belo recanto do litoral atlântico, com lindas variações e ajuste de placas tectônicas, ate que saiu a Gávea, A Urca, e o Pão de Açúcar. Ao ver Ele o Pão de Açúcar decidiu que era sacanagem não dar ao ES o mesmo presente e na baia do Porto de Vitoria, meio apertado, eis que um idêntico Pão de Açúcar foi criado. Mas o povinho não sabia eleger seus representantes, e antes da abundancia do escoamento do Minério de Ferro, das riquezas dos Royalties do petróleo, dos insumos gerados pela corrupção do Porto, do Crime e vendas de penas brandas (ou absolvição jurídica) os políticos desesperados começaram a roubar as beiradas de nosso Pão de Açúcar: Uns diziam que era para fazer paralelepípedos para as ruas da capital. Outros diziam que era para gerar trabalho. Outros políticos pensavam que as britas da pedra se transmutariam em pão e em açúcar. Outros roubavam a gigante rocha bravamente: Porque rouba essa pedra? “Eu a roubo porque está ai”, respondiam altaneiros como se fosse descendente do Sir Hilary, primeiro a vencer o Evereste. Outros.  Outros roubavam a la Paulistanos e diziam: “Rouba mas faço”. Outros diziam como gente de Brasília: “Roubo pela Pátria”, outros diziam: “To roubado o Penedo porque todo munda rouba” Em 1962 Perguntei a um desses políticos: Mas o que o Senhor vai fazer com um pedaço do Penedo? Ele me olhou sem gente e sem resposta, mas depois de alguma reflexão me disse: “Para de encher o saco menino; eu estou só treinando”. Anos depois se surgiu um boato que havia lavras de aguas marinhas na Majestosa Pedra e mais gente foi literalmente cavar quimeras pela pedra, outros roubavam para entender o Porto de VIX, outros diziam que iam vender os direitos para o avo, depois para o pai, e finalmente para o Eike Batista. Finalmente o nosso Pão de Açúcar foi reduzido a esse mero penedo, quase da altura desse guindaste mais alto. Sim ele foi salvo mais pelo roubo dos Royalties do Petróleo. A que Deus abençoe Caveirão e essa gente que anda ganhando locações de jazidas petrolífera em áreas de aguas rezas. Deus abençoe esse Cu da Mae Joana onde a bonança de furtos foi tão farta que apear dos políticos Capixabas andar sempre metendo a não nele, esse cu para ser inesgotável! E ai esta o ES, entupido de tanto Royalties de Petróleo que a renda per capita mensal do Capixaba seja perto de 30,000 - e o povinho vive na merda. Sim, há uns 2%da população que anda cheia de grana. Uns 3% aparenta a ter e uns 5% finge ter. O resto dos conterrâneos vive na merda mesmo, pois não têm conexões com essa gente criativa que em tempos das vacas magras roubavam do Pão de Açúcar II/ES. Sim, esse roubo do erário publico É CAPIXABA. Ora, nunca pleiteamos os roubos de Mineração nas Minas Gerais, das Terras Raras do Mato Grosso, da Madeira da Amazônia. Nem tampouco pleiteamos participação no roubo do Petróleo no Rio, nem o Roubo industrial de SP. Nos Capixabas não queremos Lula, Sarney, Lobão, Maluf, Eike, Cachoeira, Genoíno, e outros ladrões passando a mão no NOSSO ROUBO. Ladrão que rouba ladrão, - quando se trata de Royalties do Petróleo, - NÃO DEVE TER 100 anos de perdão. Finalmente confesso que nunca entendi por que os Cariocas, tão ladrões como nos, não roubaram o Pão de Açúcar deles... Ah roubaram, mas foram mais sutis: A fim de atrair dinheiro de roubo gerado pelo turismo local, o roubo do Pão de Açúcar foi diferente: Segundo farta documentação de grandes engenheiros e geólogos da Escola de Minas de Ouro Preto, o roubo do Pão de Açúcar foi muito mais refinado. Não comeram Mineiramente pelas beiradas, mas comeram por dentro! Sabiam que toda aquela montanha é oca? Ontem a noite chamar Belo Horizonte para dar os meus Votos de Feliz Ano Novo ao Professor Jair, sua esposa Brites meu confessou que ele esta trabalhando dentro da magnifica Pedra, escorando-a contra possível implosão. O roubo do Pão de Açúcar I /RJ agora esta sobre estrita proibição e o Eike banca todo o escoramento interno da montanha oca e graças a Deus, Jairzinho devera manter a bela aparência da pedra. Mercê de Deus. Um bom Ano Novo a todos vocês, desejando ao Brasil votos ferventes que o roubo continue: mas comedidamente em 2013!

Exibições: 216

Comentar

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XI para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XI

Comentário de Sam de Mattos em 2 janeiro 2013 às 12:57

Querido Fernando, Feliz Ano Novo. Rsrsrs, Foi uma SATIRA. O pao de acucar nao esta oco. O Dr Jair Carvalho da Escola de Minas, o meu querido Jairzinho, and em busca de terra raras pelo interior das Minas Gerais e nao escorando o Pao de Acucar que, repito, continua solido. O Penedo de Vitoria nunca, foi do tamanho do Pao de Acucar. Sempre foi um MINI Pao de Acudar. Tambem os Politicos Capixabas, Brasilienses, Cariocas e afins sao todos ilibados e probos. Nao ha escavacoes de lavras de Aguas Marinhas nas pedreiras calcarias do Rio. Desfrute da linda foto do Porto de Vitoria, do Penedo (com sua base parcialmente "cortada" para  instalacao da doca onde o navio esta aportado e FELIZ ANO NOVO!

Comentário de EDISON BITTENCOURT em 2 janeiro 2013 às 10:22

Fernandão...Esse "Pão"  é  em Vitória , ES,   se  entendi  bem. E tem a forma  aproximada do  Sugar Bread  aí na terra onde urubú voa de costas!

Comentário de Fernando Machado em 2 janeiro 2013 às 10:06

Você tem certeza disso?

Apresente a "farta deocumentação", por favor.

Tenho 47 anos de Urca e nunca, repito, NUNCA, vi um caminhão de pedra saindo de lá.

Ah sim a pedra deve sair por um túnel secreto...

Fala sério e feliz ano novo!!

Comentário de EDISON BITTENCOURT em 31 dezembro 2012 às 8:25

O  Brasileiro é um povo de caráter  fraco.Somos quase  200 milhões  de Macunaímas, "representados"  weleitos por  essa massa  fecal, que  vive  dizendo  que  "  todos os políticos  são iguais" . Uma boa  desculpa para um povo sem caráter.Digo isto em razão de   estudos,  meditação,e  9 anos  nos  EUA. O Brasil  é o maior consumidor da  cocaína  que vem  da  Bolívia.O Brasil tem um, grande mercado de  crack. Tudo isto ligado aos políticos  que ganham  sua parte  deste mercado  de morte  e destruição  da juventude

© 2018   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço