Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

Rumo ao centenário da empresa no Brasil. Transformando a Química da Vida

Fonte:|revistafator.com.br|

Comemorações e investimentos de €50.1 milhões marcam o início da caminhada rumo aos 100 anos da BASF no Brasil, em 2011. 50 do Complexo Químico de Guaratinguetá é apresentado em livro e comemorado pela comunidade local. A BASF tem planos para investir 200 milhões de euros até 2012.

Em 2011 a BASF completa 100 anos de atuação no Brasil e na América do Sul. Como forma de reconhecer esse marco histórico, em 2009 a empresa iniciará uma caminhada rumo ao centenário, com uma série de atividades que reforçarão a importância do momento para a empresa, sua contribuição para a sociedade e para o desenvolvimento das comunidades de seu entorno.

O ponto de partida da caminhada é a comemoração dos 50 anos do Complexo Químico de Guaratinguetá, iniciada em 24 de agosto com o anúncio de investimentos na construção e ampliação de modernas instalações para o aumento da capacidade de produção de defensivos agrícolas, totalizando, entre 2008 e 2010, aproximadamente €50.1 milhões.

O Complexo Químico de Guaratinguetá, a maior unidade produtiva da BASF na América do Sul, completa 50 anos em 2009. O complexo tem uma história pautada por atitudes alinhadas com o mote dessa caminhada: “BASF 100 anos. Transformando a Química da Vida”. “A localidade manteve sua atratividade, o que a tornou alicerce para a produção da empresa na América do Sul, se posicionando como o segundo maior centro de produtos para a agricultura da empresa no mundo e uma referência global em relacionamento com a comunidade”, explica Rolf-Dieter Acker, presidente da BASF para a América do Sul.

Estratégia 2020: ambição de sustentabilidade sob a ótica de novas oportunidades.: A BASF lançou recentemente sua Estratégia 2020, que significa a evolução da Estratégia 2015, baseada nos seguintes pilares: . Formar a melhor equipe na indústria | .Assegurar o desenvolvimento sustentável | . Obter retorno financeiro acima do custo de capital | . Ajudar aos clientes a atingir ainda mais o sucesso.

A empresa continua comprometida com o crescimento sustentável na América do Sul e trabalha na identificação de oportunidades. Neste contexto, a nova Estratégia oferece uma excelente combinação de novas ideias com aquelas já comprovadas ao longo dos últimos anos.

Rolf-Dieter Acker sinaliza que a estimativa é que a América do Sul, como região, tenha nos próximos anos um crescimento mais rápido do que o registrado no ano passado. “O setor de serviços será um forte condutor da economia e, sem dúvida, os recursos naturais e as condições climáticas privilegiadas continuarão determinando a posição de destaque da região em setores como agricultura, petróleo e gás, biocombustíveis e mineração”.

Neste cenário, a BASF na América do sul tem e continuará tendo uma forte dependência dos setores agroquímico e tintas, principalmente no segmento da construção. Novos caminhos também estão sendo trilhados para alavancar oportunidades que o mercado apresente.

A Estratégia 2020 da BASF foi trabalhada e está sendo constantemente analisada sob a ótica das Megatendências globais: . Crescimento e envelhecimento da população mundial (nutrição e saúde) | . Urbanização (construção e cuidados para o lar) | . Demanda energética e proteção climática (energia e recursos) | .Globalização e mercados emergentes (mobilidade e comunicação).

“Neste contexto, está surgindo fortemente uma nova classe social emergente. Aproximadamente 20% da população que representa a classe C e D está migrando para uma posição econômica com maior poder de consumo”, afirma Rolf-Dieter Acker.

A Estratégia 2020 da empresa visa o desenvolvimento de soluções integradas para atender a demanda que surge do fortalecimento desta nova classe social emergente.

“Com a experiência do passado e os olhos voltados para o futuro, a BASF planeja continuar investindo aproximadamente 200 milhões de euros até 2012 na região. Este montante poderá ser incrementado, dependendo das oportunidades que surgirem”, finaliza Rolf-Dieter Acker.

Crescimento perene e sustentável – principais destaques: Na agenda de inovação da empresa na região, setenta (70) ações são consideradas inovações. Seguem alguns exemplos:

Fundação Espaço ECO – Instituída há quase cinco anos, é o primeiro Centro de Excelência para Ecoeficiência aplicada na América Latina. A principal frente de atuação da Fundação, a análise de ecoeficiência, conta com uma inovadora metodologia desenvolvida pela BASF em 1996 para alavancar a sustentabilidade das empresas, ao comparar produtos e processos, considerando aspectos ambientais e econômicos, de acordo com a norma NBR ISO14040 – Análise do Ciclo de Vida. Entre os clientes da Fundação estão empresas como a Braskem, Votorantim e Santista Têxtil.

Programa Mata Viva de Adequação e Educação Ambiental – Tem abrangência nacional, com foco em adequação e educação. Contribui para o desenvolvimento da agricultura sustentável e é baseado na experiência da empresa desde 1984 em área do complexo químico de Guaratinguetá.

Entre 2007 e 2008 a BASF está investindo cerca de R$ 1,5 milhão no Programa, que conta também com o apoio financeiro do DEG – Deutsche Investitions – und Entwicklungusgesellschaft mbH (banco de investimentos alemão), que destinará cerca de € 120 mil até 2010 para intensificar a iniciativa. Este projeto conta com a parceria da Fundação Espaço ECO.

Acrílicos sem cheiro Suvinil - A Suvinil, marca de tintas imobiliárias da BASF, líder de mercado no segmento premium, assumiu o desafio de atender a um importante pedido dos consumidores: solucionar o problema do forte cheiro da tinta depois da aplicação.

Após mais de 1.500 horas de desenvolvimento e cerca de oito meses de pesquisa, a empresa passou a comercializar as tintas “sem cheiro”, por meio das linhas Toque de Seda, Limpa Fácil, Fosco e Semi-Brilho. O cheiro da tinta sai após três horas de aplicação (diferentemente das 17 horas, em média, das tintas convencionais). Além disso, o produto é à base de água, ou seja, apresenta menor emissão de compostos orgânicos voláteis (VOC) na atmosfera, o que contribui para a preservação do meio ambiente e também para a saúde dos consumidores.

EcobrasTM: plástico compostável e de fonte renovável - O EcobrasTM é um plástico biodegradável, compostável e de fonte renovável, desenvolvido no Brasil. O produto foi eleito uma das dez maiores inovações brasileiras da última década, de acordo com a pesquisa “O Brasil que inova”, realizada pela Revista Exame e pela consultoria Monitor. É a combinação de Ecoflex® (plástico totalmente biodegradável e compostável da BASF) com um polímero vegetal a base de milho. O produto alia a tradição da BASF na indústria de plásticos e a competência da filial brasileira da Corn Products International Inc. no processamento de matérias-primas vegetais. O Ecoflex®, produzido pela BASF, se decompõe em poucas semanas em ambientes propícios como centrais de compostagem. Durante o processo de decomposição, o EcobrasTM comporta-se como um composto orgânico normal.

Styropor® / Neopor® - A BASF oferece soluções para aumentar a eficiência energética em todos os tipos de edificações. O alto desempenho e as vantagens para o meio ambiente oferecidas por estas soluções podem ser utilizadas por países de clima frio e quente. Styropor® e o Neopor® proporcionam isolamento térmico. Ambos são poliestirenos expansíveis, porém com uma diferença bastante relevante. O Styropor® proporciona eficiente isolamento térmico de condução e convecção do calor. Já o Neopor® possui micro-partículas de grafite que absorvem e refletem os raios infravermelhos, prevenindo a dissipação do calor causado pela radiação. Desta forma, além da condução, isola também a radiação de calor, resultando em um ainda melhor conforto e isolamento térmico e conseqüente maior economia de energia. Ambos podem ser aplicados no isolamento térmico de edificações e em painéis para a indústria frigorífica.

Elastocoast® / Elastopave® - Trata-se de um sistema de poliuretano de elastômero, elástico e poroso, ideal para gerar uma proteção costeira eficiente e estável. É aplicado como reforço de barragens feitas de pedras, protegendo-as do impacto das ondas que se chocam contra elas, assim absorvendo e dissipando sua energia. Ecologicamente neutro, não representa ameaça à flora e fauna, além de proporcionar um habitat adicional às espécies. Em termos de ecoeficiência, Elastocoast® apresenta um conjunto de vantagens infinitamente superior às alternativas tradicionais, tais como concreto e O.S.A (Open Stoned Asphalt). Mais do que um produto, trata-se de um conceito inovador, que em sua versão Elastopave® (aplicada em pisos), evita alagamentos e formação de poças, permitindo a respiração do solo e a filtragem dos poluentes.

Hexamoll® DINCH - É um plastificante de baixo perfil toxicológico, com <0,01% de ftalato e um menor índice de migração nos produtos de PVC. O Hexamoll® DINCH foi feito especialmente para aplicações sensíveis, ou seja, produtos que entrem em contato com a pele humana, como brinquedos, embalagens para alimentos, artigos médicos e esportivos, calçados, entre outros. O Hexamoll® DINCH conseguiu bons resultados em todos os processos da avaliação, destacando-se principalmente nos exames de toxicidade e risco potencial, gasto de energia e emissões.

Digilab - Um diagnóstico rápido e preciso de doenças que atacam as lavouras é fundamental para assegurar o sucesso da colheita. Com essa preocupação, a BASF criou o Digilab, um sistema que auxilia na identificação dos sintomas das principais doenças em diferentes tipos de plantações e auxilia o produtor a escolher o procedimento correto de controle e prevenção. Com um microscópio digital, capaz de aumentar a imagem em até 200 vezes, o equipamento traz um software exclusivo da BASF com um vasto banco de dados e imagens das principais doenças. Além de identificar a doença, o Digilab irá auxiliar os Gestores de Produtividade na indicação do melhor tratamento e o momento certo de efetuar a aplicação, evitando despesas desnecessárias que interferem no resultado final do produtor.

Projeto PET, a garrafa que virou tinta e solução ambiental, econômica e social – A partir dessa iniciativa pioneira da marca Suvinil, todos os anos, cerca de 50 milhões de garrafas PET são retiradas do meio ambiente e se transformam em esmaltes e vernizes. Benefícios: melhoria no desempenho do produto, redução de custo e consumo de matérias-primas não renováveis, diminuição em 40% na quantidade de água gerada na produção de resinas, além da geração de empregos.

Responsabilidade Socioambiental - A BASF tem um histórico de quase 100 anos de atividades na América do Sul e durante esse tempo amadureceu seus padrões de segurança, de meio ambiente e o diálogo contínuo com seus públicos. O Programa Atuação Responsável é a referencia dessa atuação. Entre 2003 e 2008, a empresa investiu 30 milhões de reais em sustentabilidade (meio ambiente).

Além da redução de consumo de água, 32%, há resultados expressivos na geração de efluentes e de emissão para a atmosfera, 29% e 45%, respectivamente, na América do Sul. A Empresa foi a primeira do mundo a apresentar o balanço carbônico de suas atividades.

20 estudos de ecoeficiência já foram feitos no Brasil por meio da Fundação Espaço ECO nos últimos três anos. As ações ambientais consolidadas nos últimos anos, trouxeram resultados representativos na América do Sul, confira a evolução tendo como base 2002: Redução de 32% no consumo específico de água | . Redução de 7,5% na geração específica de resíduos | . Redução de 29% na geração específica de efluentes | . Redução de 16% no consumo específico de energia elétrica | . Redução de 45% nas emissões para a atmosfera.

No Brasil, mais de 8 mil caminhões deixaram de circular pela Rodovia Presidente Dutra, em 2008, em decorrência do uso do modelo ferroviário para o transporte de matérias-primas e produtos do complexo químico de Guaratinguetá para o Porto de Santos e vice-versa.

O investimento social da empresa tem foco na promoção do desenvolvimento comunitário, tendo como estratégia básica a educação, nas áreas de saúde, meio ambiente, educação e cultura, priorizando as comunidades onde a BASF atua ou possua interesse.

Ações e projetos junto às comunidades externas, citados no Relatório de Atividades para a América do Sul em 2008, perfazem um total de investimentos superior a 2,5 milhões.

Alguns exemplos das práticas de responsabilidade social corporativa mostram como a BASF está atenta aos mais diversos aspectos e desafios do desenvolvimento sustentável e às Metas do Milênio, estabelecidas pela Organização das Nações Unidas: Projeto Crescer Empreendedor, Academia de Ciência (em parceria com o Instituto Fernando Braudel) | . Programa Reação (em parceria com a Secretaria de Educação de Guaratinguetá, Instituto de Química da Universidade de São Paulo e Oscip Rever Junto) Programa Semente do Amanhã (em parceria Secretaria de Educação e de Meio Ambiente de Guaratinguetá, Serviço de Águas, Esgotos e Resíduos, Polícia Militar Ambiental, Grupo de Apoio e Proteção aos Animais (GAPAG), Cooperativa Amigos do Lixo e Fundo Estadual de Recursos Hídricos do Governo do Estado de São Paulo)

BASF: A caminho dos 100 anos de Brasil em 2011. Transformando a Química da Vida - Esta temática foi definida após pesquisa com a liderança da empresa, com o objetivo de reforçar a responsabilidade histórica da companhia, e está alinhada com a sua estratégia de atuação. Química é transformar o que já existe, é criar o novo, é gerar vida. Com base neste conceito, funcionários, clientes, comunidade e todos os públicos com os quais a empresa interage irão compreender esse importante marco na trajetória da organização.

Perfil: A BASF é a empresa química líder mundial: The Chemical Company. Seu portfólio de produtos oferece desde químicos, plásticos, produtos de performance, produtos para agricultura e química fina até petróleo e gás natural. Como uma parceira confiável, a BASF ajuda seus clientes de todas as indústrias a atingir ainda mais o sucesso. Com seus produtos de alto valor e soluções inteligentes, a BASF tem um papel importante para encontrar respostas a desafios globais como proteção climática, eficiência energética, nutrição e mobilidade. A BASF conta com aproximadamente 97.000 colaboradores e contabilizou suas vendas em mais de 62 bilhões de euros em 2008. As ações da BASF são atualmente negociadas nas bolsas de valores de Frankfurt (BAS), Londres (BFA) e Zurique (AN). [www.basf.com].

As vendas na América do Sul totalizaram aproximadamente €2.99 bilhões de euros em 2008 (Esse resultado abrange os negócios realizados pelas empresas do Grupo na região, incluindo a Wintershall - empresa situada na Argentina, voltada a produção de óleo cru e gás). Na América do Sul, a BASF contava com mais de 5.000 colaboradores em 31 de dezembro de 2008.

Exibições: 58

Comentar

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XII

© 2020   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço