Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XI

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XI

O VELHO E A GREVE:

Conclui hoje que só seremos ouvidos por meio de GREVE:

Esfunicados = esfunicados + meio.

Sabe qual era a grande mágica do Sr. Luis Inácio da Silva? Ele sabia AMALGAMAR AS MASSAS com o seu carisma, com a sua fala simples que atingia o grande publico.

Engendrava greves, mas era um Máster em acordos.

Precisamos de uma liderança que unifique a nossa classe por meio de desiquilibrio social, legal e constitucional. Ai, só ai, seremos ouvidos.

Já conclui que cão que ladra não morde.

Somos, com eu puxando a fila, PATÉTICOS. E assim seremos tratados: Como pobre diabos.

Quem ignora os seus direitos, se torna escravo.

Quem não se organiza, perde as força.

Quem não se une, é aniquilado.

Que tem medo, não conhecera a liberdade.

Quem e subserviente, se torna um eunuco.

Quem se dobra muito, mostra à bunda.

Quem não fala consente.

Quem muito tolera, é sobrecarregado.

Quem não luta pelos seus direitos é um covarde.

Quem se acovarda o pouco que tem lhe será tirado.

Quem não está atento, come mosca.

Quem não luta por seus direitos morre escravo

Quem não quer a verdade morre nas trevas.

Quem fala sem agir pratica Masturbação Mental.

Quem não se educa se escraviza.

Apontar sem apresentar uma solução é patético.

Não conhecer seus direitos é fatal.

Não reconhecer sua força é ser fraco.

Vivemos baixo uma DITADURA OLIGARQUICA. Uns poucos dominam as massas.

Sabe por que isso acontece? Porque somos ignorantes, covardes, acuados, subservientes e medrosos.

A GRANDE LIBERDADE chega quando NADA A MAIS TEMOS O QUE PERDER.

Ah, por isso aguentamos. Temos um pouquinho.

Não queremos perder o carrinho velho. O café com pão que substituiu a janta. Os eletrodomésticos. Os importados vagabundos e cosméticos de terceira linha. Somos prisioneiros porque não abrimos mão de nossas chapinhas. Da cachacinha no boteco do portugues. Do joguinho de futebol numa TV a plasma a ser paga em seis anos.

Então somos uma nação de recipientes de Cestas Básicas, Bolsas Famílias e de subemprego. Uma nação de quase mendigos, de moradores de puxadinhos, que como escravos nos dão um mínimo indispensável de bens, de tranqueiras, restos da cozinha da Casa Grande e um cantinho na senzala para continuarmos a produzir, a viver nossas vidinhas de merda.

Não fosse sexo, droga, álcool, futebol e uma fezinha no jogo de bicho, o nosso povo se revoltaria.

Bom seria que eles nos tirassem TUDO. Ai, sem nada a perder, seriamos, finalmente, livres. Mas não, os Jesuítas atuais, os Senhores da Casa Grande Brasil, Os Capitães Hereditários nos dão algumas miçangas – e enganam-nos, os novos índios do asfalto.

Fazem com que ate matemos uns aos outros para termos uma miçangazinha mais bonita. Como porcos, vivemos, uns ate gordos, sobrevivendo de muita lavagem.

Temos uma Presidente Decente. Mas as forças ocultas - e outras, as detectáveis massas negras -, são fortíssimas e tentam neutralizá-la.

Todos nos sabemos quem são eles, onde operam, e ate como operam os canalhas. Mas nada podemos fazer por conta dos “QUEM” acima descritos.

Mas como mudar 500 anos de corrupção em oito anos? Eu não sei como, mas aqui estou para ajudar como cidadão desassombrado e de “cojones”.

Nós precisamos de uma pessoa simples, carismática, corajosa que nos amalgame e que comece um movimento de resistência pacifica como o de Mahatma Gandhi, como o de Martin Luther King, firme, corajoso, mas dentro da constitucionalidade. Eu não sou essa pessoa, mas a procuro e colaborarei com ela.

Não tendo isso, mais e mais do que é nosso de direito, vai para a cúpula de 1% de Oligarcas Brasileiros que comandam 90% de nossa economia - e muitos deles por meio de “maracutaia”, acordos, tráfico de influencia, desonestidades e mensalão. E nos, idiotas, batemos palminhas para eles, cheios de  deslumbres e subserviencias ao poder.

Não estou aqui a apedrejar gente de subiu na escada social com trabalho árduo e honestidade. Falo dos crápulas, dos cínicos, muito deles comandando nosso país.

Mais e mais penso numa parada geral, numa greve pela classe, pela justiça social, pela prestação de contas, pela punição e ate pela pena de morte para crime lesa-pátria, como por exemplo: Roubar alimentos dos pobres, medicamentos de hospitais, leite de crianças e por ai vai...

Essa gente é também maquiavélica.Eles tem a Grande Mídia os devendo favores, amordaçada, tímida ou na cama com eles.

Eles são bem capazes de começar uma onda de boatos dizendo que me falta equilíbrio, bom senso e que sou muito inflamado.

Mas tal não é o caso. Estou mais lúcido do que nunca! Agora vejo longe, vejo claro; já plantei arvores, tive filhos, netos e já escrevi meus livros.

Já pouco importa falar. Já combati o bom combate e não comprometi a minha fe. Eu tenho a coragem dos velhos.

Mesmo sabendo que os meus textos não conduziram a nada, mesmo sabendo que pagarei alto por dizer a verdade nua e crua, mesmo sabendo que perderei alguns amigos poderosos, assim mesmo deixo isso registrado para meus amigos, meus filhos e para a história. A minha parte eu fiz, se não o fiz, tentei faze-la, e dormirei tranquilo, cumpridor de meu deveres de cidadania e me sentindo honrado.

SdM

Exibições: 127

Comentar

Você precisa ser um membro de Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XI para adicionar comentários!

Entrar em Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XI

Comentário de Claudio de Almeida Lima em 1 março 2012 às 19:35

Desculpe-me Sam ! Respeito sua opinião, porém a minha é bem diferente. Acho que a turma do PT preparou bem a cama para deitarem e rolarem.Vem aqui no ABC, ver de perto, como está o povo que elegeu os "cumpanheros", as periferias, a saúde, a educação, as miçangas....  A Democracia pregada por esses senhores que se acomodaram no governo é uma falácia, prova disso é que, o grande personagem idolatrado por eles, é um certo senhor ditador de uma ilha na America Central. Democracia cara essa nossa....

Comentário de Sam de Mattos em 1 março 2012 às 16:39

Querido Claudio: Amalgamar e so o passo UM de centenas de passo. O importante e (1) Que tipo de Amalgama? (2) Fundamentado em que base? (3) Quanto durara esse amalgama? (3) Direcionara os amalgamados para onde? Obrigado por ter lido com mais calma e pegado a essencia. Abracao, Sam

Comentário de Claudio de Almeida Lima em 1 março 2012 às 14:24

Amigos, o que citei anteriormente é pelo que entendi que vc, Sam, comentou no inico da postagem elogiando Lula como "amalgador" das coisas e depois, no transcorrer da mensagem, cita que o que precisaríamos seria uma pessoa que, dentre outras qualidades, nos amalgame. E eu entendi que a sugestão seria "Lula novamente".... No restante, concordo plenamente com a indignação e, que se estivéssemos tomando como exemplo, esses que ora nos governam, que outrora fizeram o que fizeram, sob o manto do pseudo patriotismo, já podem imaginar que seria justificado tb pegarmos nas armas ?  Tudo isso que foi comentado na postagem, só me ratifica que, o que precisamos é justamente o que nos foi "ensinado" por esses que ora estão no poder. Eles só se esqueceram dos motivos que os fizeram chegar lá. Eles não vão largar o osso !!!!

Comentário de Sam de Mattos em 1 março 2012 às 12:32

Caro Amigo Paculdino: Sim, conheço a luta de voce e sua família, nas Minas Gerais, ha décadas.

Concordo plenamente com os 8 anos de corrupção e obscurantismo. Eu tenho uns 10 textos (artigos) escritos aqui expressando esse pensamento. Também não fui eleitor da Dona Dilma: Mas me enganei. Deveria ter sido, pois ela ate o momento me parece ser uma mulher de fibra e honesta. É o que precisamos, a meu ver e claro. Obrigado pelo seu comentário. Ele sempre é bem vindo, Abração, Sam

Comentário de Antonio Silverio Paculdino Ferre em 1 março 2012 às 11:30

Entendi o texto do Sam diferentemente do Claudio. Sam não falou em 8 anos passados e sim futuros.

Só não concordo com elogios à D. Dilma. Ela só troca os mosquitos.

Comentário de Claudio de Almeida Lima em 1 março 2012 às 8:56

Sam ! Apesar de escrever algumas verdades, vejo que está manietado, ou convenientemente aliciador de mentes que pouco raciocinam, visto que quando vc cita  que "500 anos em 08 anos", se descobre, se revela, completamente desnudo de sua intenção. Em 08 anos o Brasil nunca viu tanta corrupção, tanto acobertamento de malfeitos, uma lavagem cerebral naqueles que nem eram nascikdos em época da "ditadura", que, por certo, teve seus desmandos. O que não é concebível, é achar que esses "08 anos" foram de "trabalho árduo" desses novos governantes que , o tempo todo, se locupletavam.Por isso, caro Sam, não se deixe levar por uma mídia espúria, pelos títulos de ! Presidente!", grande gerente, pois se assim fosse não teria se cercado de tantos "canalhas" em seus ministérios, nomeados esses por , outra vez, conveniência dessesque tanto apontam a "ditadura militar" com causa de todos os males. Realmente nosso povo é mal informado, como muito bem vc pontuou, vendendo-se por miçangas, povo do "levar vantagem" ainda que por tranqueirinhas. Sou pequeno empresário, nasci peão, sei como pensa o nosso peão. Provavelmente vc não teve a oportunidade de ser pequeno empresário e viver de perto umj pouco mais o que vem a ser trabalhar com ser humano. Eu também tenho a coragem dos velhos !!!!! Atenciosamente. Claudio

© 2019   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço