Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

Industria Textil e do Vestuário - Textile Industry - Ano XIII

Blog de José Cláudio da Silva (17)

A fábula do vendedor de cachorro-quente e a crise.

    Um homem vivia à beira de uma estrada e vendia cachorro quente. Ele não tinha rádio, não tinha televisão e nem lia jornais, mas produzia e vendia o melhor cachorro quente da região. Ele se preocupava com a divulgação do seu negócio e colocava cartazes pela estrada, oferecia o seu produto em voz alta e o povo comprava e gostava.

    As vendas foram aumentando e cada vez mais ele comprava o melhor pão e a melhor salsicha. Foi necessário…

Continuar

Adicionado por José Cláudio da Silva em 3 julho 2015 às 22:27 — Sem comentários

Eleições no Brasil e tendências globais

Eduardo Felipe Matias - 18/09/2014 às 15:13

eleicoes-megatendencias-globais

Artigo publicado originalmente no jornal Valor Econômico de 22/08/2014

O Brasil tem apresentado mau desempenho quando se trata das duas grandes tendências mundiais surgidas no último quarto de século. A falta de compreensão desse problema e das ações de política interna e,…

Continuar

Adicionado por José Cláudio da Silva em 20 setembro 2014 às 0:29 — 1 Comentário

Quantos escravos você tem?

30/06/2014 - 10H06/ ATUALIZADO 10H0606 / POR ANA FREITAS

Conheça a Slavery Footprint, uma ferramenta que informa a quantidade de trabalho escravo usado para produzir os bens de consumo que você usa.

O app faz parte de uma ação  da ONG Made In A…

Continuar

Adicionado por José Cláudio da Silva em 2 julho 2014 às 23:20 — Sem comentários

Os principais tributos que todo empreendedor precisa conhecer

Fazer uma boa administração tributária desde o começo pode fazer toda a diferença no sucesso do seu negócio

Não é incomum ouvir dizer que o Brasil é o “país dos impostos”, mas é importante ter claro que essa é uma parte do desafio que você tomou pra si quando decidiu abrir o seu negócio. Uma empresa com problemas fiscais pode ter muitas dificuldades, como para a entrada de um sócio estratégico, para receber recursos de entidades como o BNDES ou…

Continuar

Adicionado por José Cláudio da Silva em 1 julho 2014 às 23:09 — Sem comentários

Como os amigos influenciam sua carreira?

"Não é você, é o lugar onde você está"

Muitos acreditam que morar perto dos familiares e amigos seria o ideal, no entanto, estudos sugerem que seríamos bem mais felizes se fôssemos solitários. Do mesmo modo, pesquisas apontam que questões que acreditávamos ser individualistas, a exemplo de saúde e inovação, são, na verdade, assuntos coletivos. Como explicou Drake Baer em um artigo para a…

Continuar

Adicionado por José Cláudio da Silva em 28 junho 2014 às 18:27 — Sem comentários

Caneta 'escaneia' e reproduz a cor de qualquer objeto no papel

Reprodução

Pode ser um adeus às caixas de lápis de cores, canetinhas ou giz de cera. A caneta Scribble, segundo seus desenvolvedores, pode replicar 16 milhões de cores diferentes e armazenar em sua memória 100 mil cores digitalizadas. Ela vem com duas pontas, uma que escaneia a cor de qualquer objeto e uma que serve para escrever, desenhar ou pintar.

Os usuários podem apontar a extremidade quem tem o scanner para qualquer superfície e capturar a sua…

Continuar

Adicionado por José Cláudio da Silva em 13 junho 2014 às 22:38 — Sem comentários

Confira a carta escrita por Leonardo da Vinci em 1480 para conseguir um emprego

Da Vinci direcionou seus conhecimentos para o que mais agradaria seu futuro chefe

Até um gênio da Renascença precisou procurar emprego um dia. Em 1480, um jovem Leonardo da Vinci estava fugindo de Florença, na Itália, lugar que já estava cheio daqueles que compartilhavam de sua profissão: artista. Indo para Milão, na época governada por Ludovico Sforza (que buscava aumentar o nível cultural da cidade em comparação com…

Continuar

Adicionado por José Cláudio da Silva em 12 junho 2014 às 2:22 — Sem comentários

Você já ajudou seu pai no seu trabalho?

  
Foto: Um jovem foi se candidatar a um alto cargo em uma grande empresa . Passou na entrevista inicial e estava indo ao encontro do diretor para a entrevista final. O diretor viu seu CV, era excelente. E perguntou-lhe: - Você recebeu alguma bolsa na escola? - o jovem respondeu - Não. - Foi o seu pai que pagou pela sua educação? - Sim - respondeu ele. - Onde é que seu pai trabalha? - Meu pai faz trabalhos de serralheria. O diretor pediu ao jovem para mostrar suas mãos. O jovem mostrou um par de mãos suaves e perfeitas. - Você já ajudou seu pai no seu trabalho? - Nunca, meus pais sempre quiseram que eu estudasse e lesse mais livros. Além disso, ele pode fazer essas tarefas melhor do que eu. O Diretor lhe disse: - Eu tenho um pedido: quando você for para casa hoje, vá e lave as mãos de seu pai. E venha me ver amanhã de manhã. O jovem sentiu que a sua chance de conseguir o trabalho era alta! Quando voltou para casa, ele pediu a seu pai para deixá-lo lavar suas mãos. Seu pai se sentiu estranho, feliz, mas com uma mistura de sentimentos e mostrou as mãos para o filho. O rapaz lavou as mãos de seu pai lentamente. Foi a primeira vez que ele percebeu que as mãos de seu pai estavam enrugadas e tinham muitas cicatrizes. Algumas contusões eram tão dolorosas que sua pele se arrepiou quando ele a tocou. Esta foi a primeira vez que o rapaz se deu conta do significado deste par de mãos trabalhando todos os dias para pagar seus estudos. As contusões nas mãos eram o preço que seu pai teve que pagar por sua educação, suas atividades escolares e seu futuro. Depois de limpar as mãos de seu pai, o jovem ficou em silêncio organizando e limpando a oficina do pai. Naquela noite, pai e filho conversaram por um longo tempo. Na manhã seguinte, o jovem foi encontra-se com o Diretor. O diretor percebeu as lágrimas nos olhos do moço quando ele perguntou: - Você pode me dizer o que você fez e aprendeu ontem em sua casa? O rapaz respondeu: - Lavei as mãos de meu pai e também terminei de limpar e organizar sua oficina. Agora eu sei o que é valorizar, reconhecer. Sem meus pais, eu não seria quem eu sou hoje... Por ajudar o meu pai agora eu percebo o quão difícil e duro é para conseguir fazer algo sozinho. Aprendi a apreciar a importância e o valor de ajudar a família. O diretor disse: - Isso é o que eu procuro no meu pessoal. Quero contratar uma pessoa que possa apreciar a ajuda dos outros, uma pessoa que conhece os sofrimentos dos outros para fazer as coisas, e que não coloca o dinheiro como seu único objetivo na vida. Você está contratado. Uma criança que tenha sido protegida e habitualmente dado a ela o que quer, desenvolve uma mentalidade de "Tenho direito" e sempre se coloca em primeiro lugar. Ignora os esforços de seus pais. Se somos esse tipo de pais protetores, estamos realmente demonstrando amor ou estamos destruindo nossos filhos? Você pode dar ao seu filho uma casa grande, boa comida, educação de ponta, uma televisão de tela grande... Mas quando você está lavando o chão ou pintando uma parede, por favor, o faça experimentar isso também . Depois de comer, que lave os pratos com seus irmãos e irmãs. Não é porque você não tem dinheiro para contratar alguém que faça isso; é porque você quer amar do jeito certo. Não importa o quão rico você é, você quer entender. Um dia, você vai ter cabelos brancos como a mãe ou o pai deste jovem. O mais importante é que a criança aprenda a apreciar o esforço e ter a experiência da dificuldade, aprendendo a capacidade de trabalhar com os outros para fazer as coisas. (Tradução da postagem de Adri Gehlen Korb)
Um jovem foi se candidatar a um alto cargo em uma grande empresa . Passou na entrevista inicial e estava…
Continuar

Adicionado por José Cláudio da Silva em 5 junho 2014 às 2:35 — Sem comentários

Você é um Sadim ou um Midas?

Embora suas atitudes, por vezes, o transformem em um personagem caricato, em um bufão até, o Sadim é real. E perigoso.

A estréia desta coluna marca também a estréia de uma figura que nasceu em meu livro "3 Minutos Para o Sucesso", ganhou livro próprio - "Midas & Sadim" - e virou personagem de tirinhas. Trata-se do Sadim – ou Midas escrito ao contrário. Enquanto Midas representa as pessoas que “transformam em ouro” tudo o que tocam, Sadim…

Continuar

Adicionado por José Cláudio da Silva em 22 maio 2014 às 23:51 — Sem comentários

Nova coleção foi criada para dar mais conforto a pilotos, comissários e agentes de aeroporto

FUNCIONÁRIOS DA GOL DESFILAM PARA APRESENTAR NOVOS UNIFORMES

Gol organiza desfile para apresentar novos uniformes (Foto: Christian Castanho)

A GOL Linhas Aéreas Inteligentes apresentou os novos uniformes da companhia nesta terça-feira (06/05) em seu Hangar, em Congonhas. Os próprios funcionários desfilaram a nova roupa, que começará a ser vista pelos clientes a partir de junho. Cerca de 600 pessoas acompanharam o Hangar Fashion GOL. O presidente da empresa, Paulo Kakinoff, também estava na plateia, acompanhado de diretores…

Continuar

Adicionado por José Cláudio da Silva em 6 maio 2014 às 22:30 — 2 Comentários

4 motivos pelos quais você sempre faz as piores escolhas

Seja na vida pessoal ou profissional, muitos de nós somos péssimos em tomar decisões. Conheça os vilões e saiba como vencê-los

Dificilmente as pessoas estão satisfeitas com as escolhas e decisões tomadas, e o arrependimento só vem quando descobrimos que temos de conviver com essas escolhas. Um dos principais inimigos que você pode ter na hora de decidir por qual caminho enveredar não é outro senão a intuição, o ato de escolher simplesmente…

Continuar

Adicionado por José Cláudio da Silva em 24 abril 2014 às 22:18 — Sem comentários

Financiamento coletivo inspira novo e-commerce de moda que aposta em novos estilistas

Proposta é que peças de estilistas ainda sem nome no mercado sejam produzidas a partir do interesse dos usuários

Divulgação

De olho no avanço dos sites de financiamento coletivo, um grupo de empresários de São Paulo resolveu se inspirar no modelo para lançar hoje uma loja virtual com foco em coleções de estilistas novatos.

Batizado como The Stylist, eles investiram R$ 500 mil na ideia, que tem como inspiração o site…

Continuar

Adicionado por José Cláudio da Silva em 22 abril 2014 às 2:06 — 1 Comentário

Como transformar o estresse em alto desempenho

Entenda como o processo de observação e automonitoramento podem contribuir para transformar estresse em alto desempenho

Vivemos em um mundo onde o estresse faz parte de nosso cotidiano. As pressões do dia a dia para que tenhamos um desempenho excepcional aumentou muito nos últimos anos. Com a era da informação rápida, não há outra escolha senão a busca pela vitória e sucesso. Em um primeiro momento, parece algo caótico toda esta pressão, no entanto tudo…

Continuar

Adicionado por José Cláudio da Silva em 20 abril 2014 às 22:21 — Sem comentários

Por que o Fundador da Victoria’s Secret se Suicidou? (Sobre mercenários e missionários)

Marcelo Nakagawa é professor de empreendedorismo do Insper

Ele parou seu carro na ponte. Deixou um bilhete pedindo desculpas para seus dois filhos adolescentes. Subiu na grade e se jogou da Golden Gate em São Franscisco. Terminava ali, em 1993, a vida do fundador da Victoria’s Secret.

Dezesseis anos antes, Roy Raymond pensou em comprar uma…

Continuar

Adicionado por José Cláudio da Silva em 12 abril 2014 às 18:30 — Sem comentários

Marco civil da internet no Brasil

'O Marco Civil seria o melhor presente para usuários da web', afirma Tim Berners-Lee

24/03/2014 - 15H03/ ATUALIZADO 13H0303 / POR LUCIANA GALASTRI…

Continuar

Adicionado por José Cláudio da Silva em 26 março 2014 às 10:00 — Sem comentários

Todos podem ser heróis

    Todos podem ser heróis

04/03/2014 - 17H03/ ATUALIZADO 17H0303 / POR TIAGO CORDEIRO

 (Foto: Elias Silveira/Editora Globo)

    Quando o paraquedas de Dave Hartsock não abriu durante um…

Continuar

Adicionado por José Cláudio da Silva em 4 março 2014 às 19:16 — Sem comentários

A influência dos heróis na vida das crianças

A INFLUÊNCIA DOS HERÓIS NA VIDA DAS CRIANÇAS
Foto: A INFLUÊNCIA DOS HERÓIS NA VIDA CAS CRIANÇAS Estudo revela que os eles estimulam as crianças a defender ideais, proteger os mais fracos e combater o inaceitável. Entenda como esses personagens podem influenciar a formação da personalidade do seu filho Por Ana Paula Pontes Super-Homem, Homem-Aranha, Batman. Branca de Neve, Cinderela, Chapeuzinho Vermelho. Os super-heróis dos desenhos e histórias em quadrinhos e os heróis e heroínas dos contos de fadas são muito presentes na vida das crianças, assim como foram na sua infância. Mas, afinal, qual é o poder desses heróis na vida dos pequenos? Um estudo realizado pela fábrica de brinquedos Mattel do Brasil, em parceria com o Instituto GFK Indicator, revela que eles não só influenciam o dia a dia das crianças como são essenciais para a formação da personalidade do seu filho. Segundo Lidia Aratangy, psicóloga e consultora da pesquisa, é nessa relação da criança com os super-heróis que são plantadas as sementes de valores, como ética, coragem, humildade. “Nos contos de fadas, os heróis são os mais humildes e bondosos da família ou da aldeia. São os que aceitam enfrentar a perigosa tarefa que irá salvar o reino, o rei, o pai”, diz. Para chegar a essa conclusão, os pesquisadores observaram um grupo de meninos de 6 a 10 anos, estimulado a construir uma história de encontro com seu super-homem, com etapas que vão até o momento em que o garoto se transforma em herói. No enredo inventado, não aparece somente o poderoso, mas aquele que tem seus momentos de fraqueza e medos. “Essas fragilidades abrem a brecha para o processo de identificação [da criança com o personagem]. Na maioria das histórias, é o garoto que tira o herói da dificuldade, para então se tornar seu aprendiz”, afirma a especialista. E os vilões, que seriam o lado do mal da história, valorizam ainda mais a razão de ser do herói. Eles são importantes para que a criança saiba que o mal também existe. “Porém, ao final de uma história, quando os heróis são agraciados ou recompensados, é uma demonstração de que o bem pode triunfar”, diz. E a pesquisa foi além: as crianças que participaram do estudo demonstraram compreender que as características dos vilões são inerentes a qualquer pessoa. Segundo Lidia, as crianças reconhecem seu lado invejoso, ciumento, vaidoso e a capacidade destrutiva de cada um. Ou seja, por meio das histórias, são capazes de entender que somos todos contraditórios. Se você tem receio de como as lutas entre o bem e o mal que habitam as histórias podem incentivar a violência, saiba que elas são benéficas ao ensinar que até mesmo num conflito é possível ser ético. “O incentivo à violência vem de uma cultura violenta, e de pais que perdem o controle e podem ficar violentos”, afirma Lidia. O papel dos pais no imaginário infantil Não se assuste se um dia o seu filho resolver que só vai atender a um chamado seu se você se referir a ele como Batman. “Essa fuga [da realidade], esse exercício da fantasia, é inevitável, faz parte do desenvolvimento humano – e pode ser benéfica. É uma forma de ele se aproximar do ídolo, no processo de identificação”, afirma Lidia. A presença dos pais, no entanto, é fundamental no mundo imaginário da criança. “Qualquer personagem, real ou imaginário, pode ser positivo ou negativo, dependendo da leitura que se faz. Por isso, é importante a presença dos pais (ou avós) junto da criança, ajudando-a a fazer uma interpretação correta do que vê”, afirma a especialista. No estudo também foi analisada a visão dos pais sobre o imaginário da criança, e o resultado revelou como as brincadeiras com bonecos representando heróis no contexto da família aproximam filhos e pais, além de ser instrumentos de educação. E você, também gosta de super-heróis? Há uma explicação para que as salas de cinema de filmes com esses personagens estejam sempre lotadas de adultos. “Continuamos a precisar de heróis pela vida afora. Precisamos que nos reassegurem que existe a possibilidade de vencer o mal. E que ele pode ser combatido eticamente”, diz Lidia. Fonte: <a href=




Estudo revela que eles estimulam as crianças a defender ideais, proteger os mais fracos e combater o inaceitável. Entenda como esses personagens podem influenciar a formação da…
Continuar

Adicionado por José Cláudio da Silva em 27 fevereiro 2014 às 23:30 — Sem comentários

© 2021   Criado por Textile Industry.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço